Carregando...

Datacenter submarino da Microsoft agora tem webcam com peixes e 27,6 petabytes de dados

Se você sempre quis observar peixes nadando ao redor de um datacenter com 27,6 petabytes de armazenamento, hoje é seu dia de sorte. A Microsoft aproveitou a oportunidade para instalar uma webcam ao lado de seu datacenter submarino, oferecendo visualizações ao vivo do quão bem o contêiner de metal está enferrujado e as centenas de peixes interessados ​​em dados em nuvem e inteligência artificial. A fabricante de software originalmente tem instalado datacenters ao redor do mundo para expandir e aumentar a qualidade da sua nuvem.

A ideia por trás da instalação de um contêiner com tantas toneladas a 9 metros de profundidade tem boas razões para existir: economizar energia, principalmente, já que os datacenters emitem muito calor e geram diversos custos de resfriamento; aproveitar fontes energéticas renováveis, como solar e eólica ; e aproximar os servidores dos usuários, o que pode melhorar a velocidade de conexão. Um bom exemplo são o provável futuro dos jogos por streaming, e para as pessoas que são clientes da Microsoft, certamente jogarão seus jogos graças a esses cilindros de metal no fundo do mar.

A Microsoft tem experimentado datacenters submarinos há anos, e a instalação atual nas Ilhas Orkney será implantada por cerca de cinco anos. Existem 12 racks com 864 servidores e 27,6 petabytes (27.600 terabytes) de armazenamento, o suficiente para armazenar pelo menos 5 milhões de cópias do “Procurando Nemo”. O data center é alimentado por um gigantesco cabo submarino que também o conecta à internet, e as descobertas podem significar que a empresa irá escalar esse projeto para datacenters mais poderosos no futuro.

A webcam em si não está apenas no local para entretenimento, a Microsoft está observando as condições ambientais perto do seu datacenter como parte de um experimento. Se você estiver interessado em assistir ao vivo os peixes no fundo do mar, você deve conferir no site Natick, da Microsoft.

 

Fonte

Jorge Henrique
Sou advogado, jornalista e fã da plataforma Windows há cerca de 10 anos. Faço cobertura em eventos e estou diariamente atento a respeito do universo da Microsoft no que tange aos produtos para os consumidores. Respondo como editor-executivo do Windows Club. Estou no Facebook e no Instagram a sua disposição.

Curta nossa nova página no Facebook!