Carregando...

Não teria como fazer Halo Infinite com a antiga engine, é ambicioso demais!

Não teria como fazer Halo Infinite com a antiga engine, é ambicioso demais!

halo-infinity

A Microsoft iniciou seu conferência na E3 2018 com um trailer de Halo: Infinite. Enquanto tinha muitas coisas escondidas, esse foi mais um trailer para mostrar o motor Slipspace que será utilizado no jogo.

Agora, o chefe da 343 Studios, Chris Lee, falou que o Halo: Infinite é tão ambicioso que precisava de uma nova engine. Respondendo a um tweet de um fã preocupado, Lee disse: “Halo: Infinite é um novo jogo ambicioso e precisávamos construir um novo motor para suportar isso”.

Alguns fãs estão compreensivelmente preocupados com o estado de Halo, já que se passaram quase três anos desde o lançamento de Halo 5: Guardians em outubro de 2015. A Microsoft continua atualizando e suportando Halo 5 e Halo: The Master Chief Collection, mas os fãs sempre quero algo novo.

A revelação do Halo: Infinite esta semana foi um passo em direção a isso, pois apesar dos rumores apontarem para 2019 como data de lançamento, mas ainda é um mistério, e muitos acreditam que será o jogo que virá com o próximo Xbox. O certo é que a franquia voltará as origens e deve voltar com força total e renovada com uma engine incrível.

O diretor do estúdio, Chris Lee, desde então, confirmou que o Halo: Infinite contará uma história mais centrada no Master Chief, o que é uma boa notícia depois que o Halo 5 foi em uma direção diferente. A história de Halo: Infinite começará após os eventos de Halo 5.

Continue voltando ao Windows Club para saber mais.

Jorge Henrique
Sou advogado, jornalista e fã da plataforma Windows há cerca de 10 anos. Faço cobertura em eventos e estou diariamente atento a respeito do universo da Microsoft no que tange aos produtos para os consumidores. Respondo como editor-executivo do Windows Club. Estou no Facebook e no Instagram a sua disposição.

Curta nossa nova página no Facebook!