10 detalhes interessantes sobre Grounded da Obsidian

Finalmente, vamos poder falar sobre meu jogo favorito da X019. E sim, eu gritei quando anunciaram este jogo. Louco? Este não é só o projeto de paixão da Obsidian Entertainment, mas de toda uma geração dos anos 80/90 que assistiram e sentiram que agora poderiam fazer parte do filme “Queria, encolhi as crianças”.

Para os adolescentes e crianças de hoje, por incrível que pareça, este jogo pode ser totalmente dispensável e nunca entenderão este sentimento. Averiguei os comentários na internet, principalmente no Youtube sobre o que o pessoal achou de Grounded, e a esmagadora maioria também tiveram essa sensação. No começo achamos “Que p$#% a Obisian está fazendo?” …. e no final “Esperamos uma vida inteira por esse jogo… Querida, eu quero jogar esse jogo de sobrevivência“.

Não, não temos mais um magnifico RPG como é The Outer Worlds, mas isso não quer dizer que não teremos a identidade do estúdio e que isso não possa ser divertido.  Abaixo, temos 10 curiosidades de um dos meus jogos preferidos para 2020 – nem eu mesmo acredito que estou “hypando” formigas e aranhas gigantes (risos):

Veja o mundo de uma perspectiva diferente

O Grounded é definido em um ambiente semelhante ao da Terra, mas você tem o tamanho de um inseto, então tudo parece incrivelmente diferente do solo. Pequenos insetos se tornam monstros temíveis, e pequenos pedaços de lixo se tornam abrigos em potencial.

Construa nova tecnologia

Como a maioria dos jogos de sobrevivência, você começa o jogo com poucos suprimentos, mas, ao reunir galhos e pedrinhas, pode construir armas improvisadas, cabanas e outras ferramentas úteis. Por exemplo, a seiva pode ser combinada com galhos para criar tochas, e exoesqueletos de insetos podem ser usados ​​para criar armaduras.

História humorística

Quando o jogo começa, você se reduz ao tamanho de uma formiga para realizar algumas experiências científicas. Mas surpresa! As coisas rapidamente dão errado e você não consegue voltar ao seu tamanho normal. Um robô doido orienta você durante as primeiras horas de vida e ajuda você a sobreviver à noite, mas suspeitamos que há mais coisas acontecendo com esse robô sem nome do que parece inicialmente. Por fim, Grounded procura oferecer uma história alegre e divertida.

Cooperação para quatro jogadores

Grounded permite que você escolha um dos quatro personagens diferentes: Max, Willow, Pete e Hoops. Todos os quatro personagens têm as mesmas habilidades, mas os jogadores podem convidar seus amigos da vida real para o jogo para ajudar a construir acampamentos e derrubar criaturas hostis, como aranhas. Eles são crianças e a ideia é essa mesmo, te levar para sua época de “guri”.

Mundo simulado

Grounded é um mundo simulado, o que significa que os outros insetos e bichos do seu quintal continuarão a viver suas vidas, mesmo quando não estiverem à vista. Quando eles estão por perto, você pode assistir os insetos caçarem e lutarem entre si. Além disso, à medida que os jogadores caçam, eles podem criar escassez de alimentos, o que causará ondulações no ecossistema.

As coisas crescem com o tempo

Para compensar os catadores gananciosos, todas as plantas em Grounded crescem lentamente ao longo do tempo; portanto, se você voltar para uma área antiga após um longo tempo, poderá parecer novo novamente.

Jogue em primeira ou terceira pessoa

Isso é realmente emocionante? Eu não sei. O que você acha? Mas eu não sabia mais onde colocar esse pequeno fato.

Elementos leves de RPG

A Obsidian não se aprofundou nos sistemas de RPG, mas prometeu que os jogadores evoluirão e crescerão durante o tempo que passam no jogo. À medida que você sobe de nível, desbloqueia novos níveis da árvore da tecnologia. Teremos uma assinatura da tradição do estúdio.

Uma variedade de biomas

A Obsidian promete que haverá uma grande variedade de ambientes no jogo final. A zona de abertura parece um gramado tradicional, mas haverá uma variedade maior de moradores no jogo final. Isso é apenas especulação, mas o jogo final pode ter pequenas poças que agem como lagos ou caixas de areia que parecem desertos enormes.

Design evolutivo flexível

Um aspecto interessante do Grounded é que a Obsidian manteve o tamanho de sua equipe em torno de uma 13 pessoas. Isso permitiu que o estúdio experimentasse bastante o jogo. A Obsidian planeja manter o tamanho da equipe pequeno para que eles possam continuar experimentando o design durante o período de acesso antecipado. No geral, isso significa que a equipe de Grounded deve ser incrivelmente ágil e poder responder rapidamente aos comentários dos jogadores à medida que implementam novas ideias. Cabe notar que o estúdio possui mais de 200 funcionários, e é incrível que certa de uma dúzia deles tenham tanta criatividade.

A Obsidian planeja lançar o Grounded para acesso antecipado na primeira metade de 2020 no Xbox One e PC; o jogo também fará parte da assinatura do Xbox Game Pass da Microsoft, assim você não precisa esperar muito para conferir este projeto exclusivo.

É bom ver algo diferente desse gênero que já é muito bem representado por Minecraft, ARK, entre outros.

200 comments on “10 detalhes interessantes sobre Grounded da Obsidian

          1. Caminhando, fazendo management de peso e balanço e equilíbrio, construindo estradas e estações, pontos de entrega… Roubando cargas dos MULEs e dos Terroristas e usando como material pra crafting, limpando campos de BTs, construindo social links com NPCs e com outros players dentro da network e, claro, avançando na história que é sem dúvidas a melhor da história dos games

          2. Comecei a cochilar depois da parte de fazer management, o jogo é chato pra kct até quando nego tenta descreve-lo minha nossa.

          3. Legal é fazer alguma coisa q nao envolva o trabalho dos Correios. Se pelo menos você ganhasse o salário deles com isso…

          4. Mas é divertido. Diferente dessa gameplay que até os reviewers disseram q era chata e até o criador chegou a dizer q so seria “divertido” depois da metade do jogo. Não é a toa que flopou no metacritic.

          5. Review Bombing tem a ver com dar Review ruim em jogos por motivos não relacionados a sua qualidade, mas possivelmente represália a empresa ou coisa assim

          6. Meu querido eu sei o que é review bombing. Estou querendo saber o motivo. Em 100% das vezes ele acontece por um desses motivos:
            -Algo prometido mas não cumprido. Decepção de pré-order

            -Microtransações e DLC’s
            -Bugs e Crashs.

            Então já q não há microtransação no jogo, nem bugs. So resta a primeira opção. Kojima prometeu um JOGO revolucionário e inovador. Mas so entregou uma história assim enrolada em uma gameplay monótona, genérica e decepcionante. Por isso bombou.

          7. Legal mesmo é so andar. As quests mais chatas de qualquer jogo são as fetch quests, ai o que o kojima faz? Um jogo so com essas quests, mas esse não é o pulo do gato, a genialidade é fazer o sonysta defender essa merda. Gênio, gênio!!!

          8. Ahhhhh, então sua quest predileta em qualquer jogo é fetch quest? Faz o seguinte, me passa sua ID que vou dar uma olhada nos seus trofeus, para ver todos os trofeus de coletaveis vc adquiriu nos jogos. E claro que o death stranding vai ter muitas conquistas não é mesmo? Afinal, p vc não é chato, deve estar adorando o jogo….

        1. Porra, eu assistiria isso ai, melhor do que ficar vendo videos de youtubers jogando ao invés de jogar. Se me mostrar onde passa essa partida, assino agora.

  1. Depois da decepção que sentir por não ser AAA, estou apreciando tudo que tá sendo publicado do jogo. Realmente, estou bastante ansioso para joga-lo. Será mesmo que vai ter a opção de terceira pessoa???

    1. A Ninja Theory quando foi procurada pela Microsoft disse que não queria ficar presa a maquina AAA pois isso é ruim para qualquer estúdio.

      Eu particularmente tenho aderido a ideia de novas ideias para novos jogos e agora entendo o que a Ninja Theory estava falando.

    2. Espero que você esteja brincando com seu comentário, mas caso não este, entenda. Não importa se o jogo é AA ou AAA, o que importa é se ele é bom ou não.

      Sim, terá a opção em terceira pessoa.

      Obsidian já laçou há menos de um mês um jogo grande que foi amado pelos jogadores e pela crítica, e não precisou ser AAA para isso.

  2. É com isso que a Microsoft presenteia seus consumitrouxas, meus amigos! Joguinho sandbox de Querida Encolhi As Crianças que nem meu sobrinho de 4 anos iria querer hahahahahahahaha
    Mas logo mais vem mais joguinho ridículo assim no rabo de caixista. Bleeding Edge overwatch paraguaio, Everwild o Zelda BOTW de Taubaté.
    HAUAHAUAHAUHAUAHAUAAHAUHAUAAHUAHAAU
    A Microsoft é tipo o Botafogo: piada

      1. Será que eu assinarei? ?
        Ou será que esse seu comentário é mais um do tipo “o Windows Phone substituirá o Android, é inevitável”? Kkkkkkkk

          1. Pode. Alguém instala? Não. Ou seja, na matéria dizia claramente que cedo ou tarde todos usariam Windows em seus celulares, e não adianta falar que não e editar a matéria, pq falava isso. Não aconteceu nem vai acontecer.

      1. Microsoft faz jogos para todos… Quer tiro? Tem, Corrida? Gráficos realistas? Piratas? RPG (está melhorando, The Outer Worlds é nosso) e por aí vai.

        É variedade.

      2. Até os jogos pra criança da Nintendo tem um conteúdo menos raso que esses negócios aí da Microsoft. Só ver que Luigi’s Mansion (os 3) é um jogo na real bem difícil, e Mario Odyssey tem conteúdo até não aguentar mais!!

          1. Com uma meia dúzia de assinatura de meia dúzia de gato pingado. Pq nem caixista joga essa tralha. Tá às traças

          2. Mais de 8 milhões ÚNICOS. Ou seja, qualquer idiota que tenha baixado pra experimentar e jogar 2 minutos e parar é contabilizado :v

          3. Será que eu estou ou você está violando todas as normas do jornalismo que diz seguir como profissão e disseminando Fake News?

  3. Dois jogos parecidos.
    SMALLAND – Jogo em miniatura, muito parecido, mas parece que os dev estão com problemas financeiros, talvez nunca seja lançado de fato.
    Green Hell – Jogo de sobrevivência ao estilo The Forest, aqui você está no meio da floresta Amazônica, tentando sobreviver neste inferno verde, não só seu corpo é afetado aqui, sua mente também.
    https://store.steampowered.com/app/768200/SMALLAND/
    https://store.steampowered.com/app/815370/Green_Hell/

    1. Esse Green Hell eu joguei. Puta jogo bugado e travado mds. É cheio de frescuras, mt complexidade desnecessaria. Levei um trabalhão só p fazer uma fogueira, nem na vida real é tão complicado kkkk

      1. Ai que eu gosto. Jogos de sobrevivência tem que ter isso. Eu costumo dizer que quem sobreviveu no Rust, encara qualquer game, seja ele qual for a dificuldade. 4.200 horas em Rust aqui.

        1. Ah não, perde mt tempo craftando as coisas, ainda mais se tu precisa de algo com urgencia, como a fogueira por exemplo. Rust eu quase comprei aquela vez, mas vi mts comentarios negativos em relação a comunidade do jogo e o fato de “zerar” teu progresso todo mes, me fez desistir dele tbm

          1. Rust é complicado, esse sim não é um game pra qualquer um, se você acha que será igual Deth Stranding, aquele coisa colorida, paz e amor, esquece, Rust é uma guerra das mais piores que você pode participar.
            A primeira vez que joguei Rust, isso em 2013, algo poderia ter feito eu desistir.
            Um grupo de players de 3 ou 4 pessoas se aproximou quando eu estava criando um barraco pequeno, ai eles me ofereceram ajuda, começou a me dar dicas sobre o jogo, jogou algumas madeiras e uma arma com poder de fogo bem baixo, fiquei muito feliz, agradeci eles no microfone e eles foram se afastando, depois de 2 minutos, uma pessoa do grupo deles começou a voltar em minha direção, ele se aproximou e me deu um belo tiro na cabeça, me matando imediadamente, pelo microfone ele me disse: ”Última dica, nunca confie em ninguém neste game”.

            Foi uma das melhores sensações que tive em um vídeo game, aquele mundo aberto, com pessoas reais prontas para te matar ou não. Mas consegui bastante amizade dentro do jogo também, pessoas que tenho contato desde então.

          2. Sim acho massa essa questão de ser um ambiente hostil, mas ao mesmo tempo pode ser frustrante, ainda mais jogando sozinho

    1. Ark foi desenvolvido por 14 pessoas, esse game vai levar anos pra ficar pronto, mas será lançado ano que vem em acesso antecipado, para que a comunidade molde o game. assim como foi Pubg, Rust, Fortnite, Ark e etcs.

  4. Achei diferente, tem potencial. Está dentro daquela filosofia da MS em dar respaldo para as desenvolvedoras criarem o que desejam. É aguardar mais informações sobre.

  5. Achei diferente, tem potencial. Está dentro daquela filosofia da MS em dar respaldo para as desenvolvedoras criarem o que desejam. É aguardar mais informações sobre.

  6. Rapaz essa ”oportunidade” que a Microsoft esta dando para que as empresas criem o que elas querem pode resultar em muitas coisas bacanas.

    Será que Grounded ou Bleeding Edge sairiam do papel se os estúdios ainda fossem independente?

    1. Com certeza, não. Pois esses jogos possuem características diferentes do que os estúdios estao acostumados a fazer. As publishers não arriscaram.

      1. Quando o estúdio faz apenas uma coisa ele se limita aquilo que ele faz, uma abrangência de estilos pode dar mais maturidade aos estúdios para que eles façam mais e com mais qualidade e variedade.

  7. Acho muito hipócrita que o pessoal que reclamava que a MS não dava liberdade para os seus estúdios, tão reclamando agora de Grounded, Everwild e Bleeding Edge, que são projetos menores que os estúdios quiseram fazer com toda liberdade possível, mas por não ser aquilo que esse pessoal quer, tão reclamando da MS, como se ela tivesse obrigado esses estúdios.
    Putz…

    1. Qualquer coisa é utilizado pra hatear a MS e o XB; é impressionante a covardia que o XB sofreu nesta geração, e mesmo assim está cada vez maior e mais relevante.

    2. Everwild e Grounded eu não vi comentários de reclamações significativos.

      BE sim, foi o primeiro choque, pois todos esperavam algo singleplayer e nunca eles fizeram aquilo.

      Everwild é lindo demais, parece que teve inspiração em Zelda e promete bastante. Grounded também parece ter gráficos bons.

      1. Se olhar os comentários do vídeo de anúncio de Grounded e Bleeding Edge, o que mais se vê são reclamações e dislikes.
        Everwild sofreu mais de críticas relacionadas ao gráfico cartunesco (acho que esperavam um Gears da vida, só pode!), e por parecer um jogo coop.

          1. Rage? Eu vi sim pessoas reclamando, mas todas com um ar de fanboy sonystas, vai no Reddit Xbox e lá as pessoas custam discutir melhor os games do Xbox, apesar de sempre aparecer sonystas lá.

          2. Microsoft nao da liberdade aos estudios,Microsoft acaba com os estudios que compra,Microsoft só faz jogo indie,Os jogos da Microsoft sao copias porcas de outros jogos,Microsoft nao vai produzir jogos AAA para botar no GP,Microsoft só comprou estudios fracos…….RESUMINDO nao importa o que a MS venha fazer sempre vao procura pelo em ovo pr baterem na Microsoft,Se dependesse da midia só ficaria no mercado a Sony e a Nintendo FATO

          3. Sony e Nintendo fazem coisas BOAS. Microsoft não. Seria um GANHO ao mundo dos games se essa porcaria se retirasse logo

          4. A Microsoft estar vendendo console impede sony e nintendo de venderem? Não. Vc tem o que quer sony e na nintendo? Supostamente sim, então vai tomar na porra do seu cu e pare de encher o saco.

          5. Microsoft fica comprando estúdios com potencial e alguns até bons e transforma em máquinas de fazer lixo, como a Obsidian, Rare, Ninja Theory, etc. Ela é um CÂNCER no mundo dos games

  8. Esse game será lançado em Early Acess em 2020 e será moldado com feedback da comunidade. Coisas que me chamaram a atenção.
    Tudo que você coletar será visível no corpo, corte uma grama e ele empilhará a grama na mão, isso funciona muito bem em The Forest.
    Um mundo aberto vasto, com cenários imitando um deserto(uma caixa de areia).
    A vida no jogo funciona em tempo real, mesmo quando você não esteja olhando, os insetos ainda continuam suas vidas, se você matar por exemplo insetos que outros insetos comem, isso causará um desequilíbrio naquela região.

    Eu diria que este game é um The Forest em miniatura e eu adoro isso.

      1. Sim, aqueles nativos gritando foi algo terrível de escutar, muito mais assustador que zumbis. Cortar as árvores e empilha duas nas costas enquanto chegava um bando de nativo gritando é foda demais.

    1. Padrão Microsoft de qualidade. Sempre pensando nos consumidores. Consumidores QUE NÃO QUEREM esse tipo de jogo, mas são tão gado, que mostram essa bosta e eles ficam aí babando

          1. É de outro mundo a qualidade deles!!!!!
            E até no PS4 Base eles ficam LINDOS, diferente dos da Microsoft que peidam no One S

          2. Fazem sonysta chorar comendo pipoca, que é oq eles querem. Nada de gameplay pq cansa jogar no controle atrofiado

    2. Ai você esquece que a Sony ”SÓ” tem Tlous 2 mesmo. Microsoft tem Halo Infinite, Ori, Forza, Microsoft Flight Simulator”Melhor gráfico de todos os tempos”.

      1. Ori joguinho de celular hauahauahaua
        Forza mais do mesmo
        Halo único de alguma relevância que já tem quase década que tá em estado semi-morta a franquia.
        Sony tem TLOU2, Ghost Of Tsushima, Horizon Zero Dawn 2 que tudo indica que já está em desenvolvimento há algum tempo, e agora com a Insomniac é provável que mais cedo que nunca tenhamos um Ratchet & Clank 2 e um Marvel’s Spider Man 2.
        Perdão o estupro

          1. Aí não conta pq não é da Sony!!!! Mas até cenas Live Action tem ali!! Aliás, Quantum Break é legal, Microsoft desistiu dele muito fácil.

          2. Errado por discordar do cara q nem tem console em tudo? Estou certo então. Produção da intelectualidade e saber supremo, sou eu.

          3. Sim, mas não sou eu que estou em sites caixista tentando impor meu gosto pessoal, imagina se eu fosse em fóruns e sites de PS falar que jogos como Sea of Thieves são melhores que qualquer jogo da Sony? Eu estou aqui porque adoro os jogos da MS, PS4 não é um item raro amiguinho. Você parece que está tentando se provar que os jogos Sony são bons, nem mesmo você acredita nisso, igual Journey, na gen passado me falaram que era uma mil maravilha, zerei este ano e foi uma das piores experiência que tive em game.

          4. Falando mal de Journey só por não ser da Microsoft, igual o Tifi falou de Persona 5, um dos melhores games da história, só por ser exclusivo do PS4

          5. Querendo impor gosto? Joguei e achei ruim, não posso falar mal dos jogos da Sony agora?

          6. O site e privado !.nao gosta de ouvir verdades ? Se estou no site de Xbox e pq tambem tenho um ,e sie of the lixo, e ruin mesmo Cara !

          1. A burrice nao deixou né? Da pra entender já q vc esta citando exclusivos que nunca foram lançados como vantagem do console que voce tem kkkk

          2. Ué… O cara falou um monte aí que tbm nem foi lançado como perspectiva pro futuro. Logo, eu fiz o mesmo, citando jogos que tbm estão programados pro futuro. Não é meio lógico?

      2. Cara eu entendo seu lado de fan da marca ,mas a qualidade de jogos como God of war,the last of us, hzd, uncharted , shadow of the Colossus…Cara e muita qualidade ,ai nao tem como comparar c isso ai !

  9. Pra quem não prestou atenção na parte em que o Phil Spencer tava no palco, ele disse que esses jogos foram feitos pela equipe menor que tem dentro da Obisidian, e que parece um ótimo jogo de sobrevivência… to vendo um monte de mané falando bobagem como se o estúdio tivesse fazendo jogo apressado porque a Microsoft comprou o estúdio, quando na verdade tá sendo totalmente o contrário, estão tendo a liberdade criativa que precisam pra fazer o que quiserem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *