Carregando...
0 1

Agony, o jogo que provocou mais “agonia” no PS4 do que no Xbox One por conta do preço

Agony, o jogo que provocou mais “agonia” no PS4 do que no Xbox One por conta do preço
Agony, 2018

Agony, 2018

Agony tem sido um dos lançamentos mais esperados desta semana. Seu conteúdo e estética têm atraído a atenção dos fãs nos últimos meses, especialmente depois que da censura que eliminou alguma de suas cenas. Apesar disso, as expectativas permaneceram altas. No entanto, pouco se fala dele desde a sua chegada. E o pouco que foi dito não foi muito encorajador. Jez Corden, editor-chefe do Windows Central, falou no Twitter sobre o sigilo da análise. Segundo os comentários, o jogo é dificilmente falado porque está completamente quebrado.

“Não haverá cópias para analisar a partir do Agony no Xbox. Ouvi dizer que o jogo está quebrado e cheio de erros. Uma pena”.

Abaixo, confira as notas:

  • ActuGaming: 5.5/10
  • Eclypsia: 12/20
  • GameInformer:3.5/10
  • Gamekult: 2/10
  • Gaming Boulevard: 5/10
  • Génération-Game: 4/10
  • GReviews: 5.6/10
  • Invision Game Community: 6/10
  • Millenium: 52%
  • NoFrag: Sem Nota (“é uma catastrófe, um completo desastre”)
  • PCGamesN: Sem Nota
  • PlayFrance: 5/10
  • Push Start: 5/10
  • The SixthAxis: 4/10
  • Twinfinite: 1.5/5

Então, muita calma na hora de comprar este jogo. Contudo, caso queira adquirí-lo, Agony é só mais um que veio para lembrar que os jogos na Xbox Live são normalmente muito mais baratos que na PS4.

Para o PS4, o jogo custa R$ 143,50, enquanto que para o Xbox One R$ 79,00. É quase a metade do preço, e vimos algo muito semelhante em Senua e em uma lista ampla de jogos. Sim, a “agonia” do jogo será pior para quem escolheu o console da Sony.

Não sabemos porque no Brasil os jogos do PS4 são tão mais caros, pois os impostos são aplicativos de forma igual para Sony e Microsoft. Sem falar que normalmente as melhores versões estão no Xbox One X. Então, saiba que se você possui os dois consoles, e queira jogar esta obra, vale muito a pena pegar pela Xbox Live (óbvio).

Jorge Henrique
Sou advogado, jornalista e fã da plataforma Windows há cerca de 10 anos. Faço cobertura em eventos e estou diariamente atento a respeito do universo da Microsoft no que tange aos produtos para os consumidores. Respondo como editor-executivo do Windows Club. Estou no Facebook e no Instagram a sua disposição.

Curta nossa nova página no Facebook!