Após a vitória de Trump, o preços dos smartphones importados disparam

donald-trump

Antes que apareçam a turminha que odeia a “esquerda” (???), é bom que saibam que o Windows Club é apartidário. Nós almejamos o fim da crise e o fortalecimento da economia, afinal, precisamos disso para que novos aparelhos com Windows 10 cheguem ao Brasil. Se for para criticar, nós criticamos qualquer governo. Não temos um político de estimação, nem tratamos essa classe como popstars. Simplesmente, pensamos no nosso bolso e apenas isso.

Donald Trump, e nós já falamos que ele tomou decisões que quando empossado deverão aumentar o preço de produtos como Xbox One, iPhone, etc. Contudo, nem precisamos esperar para o dia primeiro de janeiro para isso.

As declarações de Trump são muito polêmicas, os mais fanáticos acham que é invenção da mídia e uma conspiração diabólica do planeta, mas não é verdade. A incerteza mundial é tão grande que o dólar está galopando.

Nós amamos o DX para importar Lumias, mas de um dia para o outro o preço dos aparelhos começaram a explodir de valores. O dólar disparou após a vitória do Trump, e não sabemos onde isso vai parar. Por exemplo, o Lumia 650 estava a R$497 quando postei aqui, no outro dia o aparelho já custava R$ 527.

Vai piorar?

Tão logo se anunciou a vitória de Donald Trump, na manhã de quarta-feira, entrei na rádio Jovem Pan e ouvi: “O falcão agora vai virar uma pomba”. Ele tinha acabado de fazer o seu discurso da vitória: chocho, convencional, sem graça, assustado, deixando de lado o histrião e tentando estrear como estadista. Ele chegou a elogiar Obama dias depois.

Ao que parece, ele pode não ser tão ruim o quando o mundo acha. Ele disse até que pegaria conselhos com o atual Presidente dos EUA, e olha que trocaram farpas pesadíssimas antes e durante a corrida eleitoral.

Trump pode dificultar comércio para o Brasil, admitiu o governo recentemente. Contudo, espero sinceramente que tenha consciência e não crie barreiras fiscais. Para quem ainda não entendeu, um “simples” aumento do dólar, afetar até no valor do pãozinho francês.

Para os jogadores que estão esperando Xbox One S e o Project Scorpio, sentem mais um pouquinho. A Sony já disse que para as terras das bananas o PS4 Pro não vai. Só sei que precisamos urgente de uma melhora em nossa economia, viver como índio cansa.

35 comments on “Após a vitória de Trump, o preços dos smartphones importados disparam

  1. A frase final da matéria. “Precisamos melhorar nossa economia” é a resposta pra TUDO!!

    Não adianta ficar reclamando do Trump, por mais que ele seja um “líder mundial” ele é presidente DOS EUA, e não do Brasil ou outros países. O cara vai fazer o melhor possível pro pais dele. Eu não condeno ele por isso.

    Temos que caminhar por nós mesmo e fazer nosso país crescer também.

    1. Cara concordo, se está sendo ruim para o mundo, então os americanos estavam errados, quando disse que Trump não faria bem ao pais deles, e veja só, antes mesmo de assumir, ja esta fazendo um bem por lá, agora em questão do dolar subir, isso iria ocorrer de todo jeito, para aqueles que nao acompanha a situação dos estados unidos, o FED iria anunciar uma subida dos juros por lá, fazendo o dolar disparar no mundo todo, so nao o fez por ser ano de eleição, com a vitoria de Trump, concerteza eles vão aumentar ano que vem, e se prepare, pois o dolar subirá e muito. Infelizmente o PT acabou com o Brasil.

    2. Estados Unidos é o país mais dependente dos outros países e pronto, não é rico em matéria prima, é o país que mais precisa de matéria prima, é o maior consumista do mundo em matéria prima, os outros países acham que dependem dos Estados Unidos, hoje a China se tornou a maior consumidora de carros do mundo, mais que os americanos, se os outros países começarem a dificultar exportação de matéria prima para os Estados Unidos, eles estão ferrados.

      1. Mas cara, tudo isso que você tá falando é a campanha do Trump pra presidente.

        Nos discursos dele ele fala essas coisas todas, quando ele diz em “fazer os EUA grande de novo” é nesse sentido.

  2. O problema do Brasil é querer viver para a economia externa. Tivemos nossas decisões e fica mais fácil ganhar com o mercado externo a curto prazo. Mas é no longo prazo que o mercado interno se fortalece.
    Claro, com investimento interno que inexiste, falar em proteção da produção interna, é como se intoxicar com o próprio vômito. Colhemos o que plantamos. 13 anos de pt, plantamos pedras. Agora vamos tropeçar.
    No passado tínhamos Gradiente, Gurgel Embratel e Correios. As empresas nacionais de hoje, tentam se reinventar a impostos gigantescos.

  3. Primeiro que o Obama foi o recordista em deportação, logo, nao da pra falar mal so do Trump sendo que o anterior ja fazia essa segregação a muito tempo.
    Segundo… o governo anterior a Obama já estava construindo os muros pra bloquear a entrada de imigrantes nos Estados Unidos…. entao essa coisa de dizer que a América vai se fechar por causa do Donald é coisa de quem nunca pegou um livro de historia política pra ler..
    Terceiro… o cara so assume ANO QUE VEM…. entao nao tem como o aumento de preços ser responsabilidade dele.

    Frente a tudo isso a gente so lamenta que sites como esses, que influenciam opiniôes com aquilo que postam, façam matérias lamentaveis como essa.

    E pra finalizar…. nem os políticos brasileiros ligam para o povo brasileiro…. por que o Trump deveria ligar?

    1. A matéria não mencionou o muro e a deportação. A matéria apenas disse que há incerteza gerada pelas declarações dele (o que é fato), mas as eleições americanas afetam o mercado sempre. Se a Hillary ganhasse a matéria falaria sobre a instabilidade na ELEIÇÃO DELA (é ênfase, não gritei), o que não ocorreu. Logo, acho muito natural que fale o que ocorreu após ELE ser eleito. O intuito era informar o pq o DX teve “aumento”

      1. Não, não falariam. Diriam que a culpa é dos alienígenas, tendo em vista que o governo da Hilary seria apenas continuação do incrível, magnifico, grandioso, insuperável, [email protected] governo Barack Obama.
        Nosso amigo “leite com pera” jamais atribuiria qualquer responsabilidade naquela abortista da Hilary. Nosso amigo “leite com pera” jamais veria problemas na forma como o Obama e Hilary (continuaria) conduz a política internacional de acirramento com a Rússia que provavelmente não terminaria bem. Nosso amigo “leite com pera” também não veria problemas na condução econômica que os EUA fazem, inundando o mercado de dólares para valorizar as demais moedas, sobretudo, a de países emergentes, impactando diretamente na capacidade deles competirem no mercado interno americano.
        Não fosse a condução econômica do Obama certamente estaríamos exportando mais. Antes que venha falar que ficaria mais caro para importar suas muambas da china, tenha em mente que a economia em larga escala não gira em torno da compra de objetos xing-ling por meios não-oficiais.
        Antes que fale que o Dólar ainda está caro, isso se deve a conjunturas internas, problemas econômicos e políticos, que espantam o dinheiro de fora, haja vista que ninguém quer colocar seu dólares, do outro lado do Atlântico, em um país instável, não fosse por isso o dólar estaria bem mais baixo.

        1. Concordo sobre Hillary, Obama, China, Dólar… Obrigado por não xingar. Uma discussão saudável é muito boa. Ultimamente o povo só fica se insultando em tudo que é mídia social. A verdade é que, ironicamente, no momento de descrença política mundial, as escolhas para líderes parecem não satisfazer a população e polarizar tudo próximo ao 50%-50%. Nos preparemos desde já pra 2018.

    2. Isso é a tática de esquerdistas, posam de neutros para falar mal de seus desafetos. O único intuito desses seres repugnantes é jogar para os outros as responsabilidades sobre suas próprias incapacidades, assim aquilo de errado que ACONTECE AGORA, no govern do Barack Obama, é transferida para o Trump que nem efetivamente é presidente ainda.
      Lembro-me do ditador Maduro que joga a culpa pela crise na Venezuela na oposição, ainda que ele mande e desmande sozinho na Venezuela, e, quando necessário, tendo as Forças Armadas e o Judiciário em suas mãos, tendo poderes para

  4. Sabe-se q não foi por causa da vitoria dele e sim pela baixa na bolsa brasileira e com isso causou o aumento do dolar, maior culpado disso foi déficit da petrobras que deve prejuízo alto nas últimas contas liberadas nessa semana fazendo nossa bolsa despencar.

  5. Vai ser a mesma transição que teve do governo FHC pro Lula, o dólar disparou pra caralho e depois voltou ao normal (levou 1 e pouco ano pra isso, mas ok). Quem tem que se preocupar são os imigrantes ilegais, esses sim estão fodidos.

    Assim como Lula, o Trump foi eleito com um discurso totalmente ‘fora do estado’ e tals, só que o sistema capturou o Lula (que já era uma merda) e vai capturar o Trump também, simples.

    Aguentem as pontas nessa transição, e deixem de sonhar com o PS4 Pro, VR e Project Scorpio até pelo menos começo de 2018.

      1. Tem a opção de tentar fazer algum trabalho free lancer pela internet pra algum gringo, receber via paypal e comprar o aparelho… Mesmo pagando imposto vai sair barato aqui. ahhahaha

  6. O bilionário vai assumir em Janeiro e o povo com histeria prematura.
    Deixa o cidadão assumir e depois se realmente a barca desandar deem o pití que for.
    Enquanto isso, fiquem apenas dibubia!!!

    1. Pois é. Não entendo isso. Pra mim o aumento de preços é por causa da Black Fraude com seu slogan “TUDO PELA METADE DO DOBRO”.

      Ainda posso estar errado porque o nosso mercado interno é uma bagunça e e ainda estamos nos recuperando pelos 13 anos do PT; talvez tenha algo a ver com a Petrobrás que eu andei lendo por aí. Enfim…

      Mas não. Preferem procurar culpados que é mais fácil e atribuir todos os problemas do mundo de um cara que nem apossou o cargo ainda. Pelo amor, Windows Club.

      1. Se esses caras entendesse um pouco de economia saberia que a porra do real está tão desvalorizado que qualquer centavo de dólar a mais faz diferença aqui.

  7. Nos EUA o presidente eleito toma posse dia 20 de janeiro, se não me engando. Não tenho dado muita bola pra política dos EUA.

    Mas, só mostra que a coisa já está esquentando bem cedo.

  8. Lógica dos esquerdistas: se é de direita, tudo que acontece após as eleições é culpa do eleito, mesmo que esse ainda não tenha assumido.
    Aconteceu e acontece o mesmo com o Doria em São Paulo.

  9. Essa alta recente do dólar é só fruto do desespero pelo resultado da eleição americana. Fenômeno igual se deu quando o Lula, que sempre prometeu antes de ganhar a presidencia fazer um governo seguindo bem a cartilha comunista, ganhou a presidencia em 2002. Com o tempo quando todos perceberam que ele não faria nem metade das coisas que ele prometia a cotação foi diminuindo. A mesma coisa acontecerá agora. Quanto a levar as fábricas de volta para o USA e com isso aumentar a oferta de emprego lá, e isso é um direito deles de quererem isso, é presumível sim que aumente os preços mas não é garantido. Uma forma de resolver isso seria o governo brasileiro, e aí sim seria o caso de nós pressionarmos, abaixar as elevadíssimas taxas de importação. Concluo dizendo que na minha opinião eu concordo com o Reinaldo Azevedo que disse que o Falcão vai virar pomba e quando ele assumir muito do que ele prometeu será considerado de difícil aplicação e esquecido.

  10. Começou cagando o pau kkkkkkkkk quem pensa em trancar e manter a economia sobe as asas do governo é a esquerda, filhote. Um pouco de história nunca é demais 🙂

  11. A todo momento as coisas mudam para melhor ou pior, ainda que a variação seja pequena. Isso é natural, estamos em um mundo interligado no qual qualquer evento isolado jamais poderá ser colocado unicamente como causador de um reação em determinado local #Sqn. Era assim, não mais.
    Um texto sem fundamentação, que alicerça-se só e tão só no argumento de que Donald Trump é responsável por toda variação na economia mundial, ainda que ínfima. Temos fatores econômicos internos relevantíssimos, recessão, inflação alta, problemas de micro e macroeconomia. Temos também um completo desacerto político com políticos da situação e oposição tentando livrar o próprio [email protected] das garras da justiça, mas o autor joga toda responsabilidade por todas as coisas que acontecem no mundo nos ombros de Trump e para piorar começa o “discurso dizendo: “Antes que apareçam a turminha que odeia a ‘esquerda’.” Esse discurso na retranca traduz evidentemente o contrário, isto é, demonstra a falta de argumento razoáveis que promovam reflexão adequada apontando para os reais problemas de nossa economia que nada mais são que internos.
    Lembrou-me muitos petistas gritando em alto e bom som: “não que eu seja petista, mas esse impeachment é golpe”.
    Farei uma recomendação, já que não entende a complexidade dos fatores econômicos, querendo fundamentar todo seu parco conhecimento em cima do “fator Trump” (parece aqueles jornalistas Globonews), não comente.
    Resuma este pequeno blog a traduzir, via bing translator ou google tradutor, as notícias do Windows Central e não passe mais vergonha do que já passa.
    Evite textos tão ruins como este e todos nós agradeceremos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *