CEO da Sony diz “espere pela vendas” ao ser questionado sobre o marketing do Xbox Series X

O CEO da Sony fala sobre o enorme hype do Xbox Series X em relação ao PS5. Kenichiro Yoshida, CEO da Sony, deu uma entrevista ao Bloomberg, onde falou sobre a situação dos consoles atuais, a nova geração que está por vir e como será afetada pela crise global do Covid-19. Além disso, a Yoshida também quis se pronunciar sobre as reclamações dos usuários de sua plataforma. Alguns deles ficaram insatisfeitos com a grande publicidade do Xbox Series X em comparação com o pouco que o PS5 está recebendo. No entanto, o próprio CEO esclareceu que, no final, serão as vendas que decidirão o sucesso ou não do console.

Embora esses detalhes não apareçam no relatório da Bloomberg, eles foram divulgados graças à conta de um repórter da Web no Twitter. Especificamente, o entrevistador mencionou o seguinte em seu perfil no Twitter:

Pergunta: Alguns dizem que a publicidade da Sony está atrasada em relação à do Xbox. Você gostaria de saber o que a equipe PlayStation está fazendo?

Resposta: Consideramos as coisas estrategicamente, mas fazemos o nosso melhor. Quanto aos aprovados ou não, vou esperar as vendas do PS5 decidirem.”

A Sony está se apoiando na supostas vendas do PS5, e não está preocupada em fornecer informações do console por agora. O Xbox Series X e o PS5 estão programados para serem lançados no final de 2020.

442 comments on “CEO da Sony diz “espere pela vendas” ao ser questionado sobre o marketing do Xbox Series X

    1. Olha o gráfico do ps5, TRUE NEXT GEN humilhou XBX. Tá em 8K ainda. O cara da epic falou. Nossa vcs estão mortos, enterrem a microshit..

        1. Por não conhecer nada da concorrência?? Por não querer se informar?? Conhece o PS na Europa?? A mídia lá só fala dele, pq é çonista?? Talvez não, mas por gerar mais clicks, isso pode ser, e nisso o PS continua sendo o mais conhecido, daí eu volto à dizer, se uma pessoa continuar não conhecendo a concorrência q já é melhor nessa gen, pq ela iria pro Series X na outra?? ??‍♂️

          1. o que vc falou não respondeu minha pergunta, se as pessoas não conhecem o xbox em determinado lugar do mundo vc não pode culpar a sony por isso

          2. Respondi e respondo de novo, o cara vai comprar PS sendo bom ou merda por não conhecer ou não querer se informar sobre o Xbox.

            E eu em nenhum momento culpei a Çoni, não culpei nem a mídia, se ela está fazendo isso por clicks está certo ela, está visando monetização, o George faz isso, pq lá fora não farão?? ??

          3. Eu discordo, consoles são objeto de luxo na maioria dos mercados que são comercializados, não acredito que as pessoas não pesquisem sobre o que estão comprando da forma como vcs falam, aqui mesmo no brasil os novos consoles vão custar acima dos 3000 reais, quem paga isso sem pesquisar sobre?

          4. Primeiro, sua comparação do mercado brasileiro com o norte americano e europeu foi no mínimo burro, hoje os consoles são encontrados por 199,00 dólares pra um salário de 1500,00 à 2000,00 dólares, na Europa msma coisa, ou seja, 10% à 15% da renda, na nova geração se chegarem à (chutando alto) 600,00 dólares/euros será 25% à 30% da renda, vc quer msmo q eu mostre os preços dos consoles aqui e a renda dos brasileiros?? ??

            Segundo, galera tá pagando 1000,00 dólares num celular sem nem sequer pesquisar outros modelos, vc acha msmo q vão fazer isso com console?? O cara vai olhar e falar: “nossa, o PS5 tá vendendo mais, e eu só escuto falar dele, bora de PS5”, realidade na maioria dos casos.

            Terceiro: vc acha msmo q o PS4 estaria vendendo mais hoje se o consumidor pesquisasse?? Vc acha q o cara prefere chegar na geração com 2 jogos ou pegar um Xbox podendo ter mais de 200 já de cara?? Será q esses caras estão pesquisando?? Fica a pergunta ?✌️

          5. quem ta parecendo burro é vc meu brother, em nenhum momento eu comparei mercados, eu citei o nosso apenas como exemplo, engraçado vc questionar isso já que vcs mesmo não admitem sonysta falar do psnow já que não tem no Brasil mesmo eu podendo usa-lo por aqui, mesmo sabendo que o Brasil não é parâmetro pra sucesso ou fracasso de nada referente a esses consoles, serve apenas como exemplo em qualquer discussão

          6. O nosso mercado é o único exemplo q serve de parâmetro pra pessoas q precisariam se informar pra comprar um console, já q o poder aquisitivo aqui é baixo, e msmo aqui o PS4 vende mais q o Xbox, ou seja, falta de conhecimento, falta de querer se informar, daí eu pergunto novamente, se o brasileiro fosse informado sobre os dois consoles, qual ele compraria?? Essa pergunta não serve pra fanboy q nem vc, serve pra massa casual ?✌️

        2. Eu acredito que dê início o ps5 venda bem, mais depois cai drasticamente.
          Não é oque desejo, mais pelo tamanho da ladeira o freios são poucos .

    2. Console de 9 Teraflops teve que fazer overclock para vender como 10.
      Console com overclock na CPU, sem dados e informações de outras tecnologias.
      Console sem retro sem saber que vai usar os jogos na nova geração sem comprar outra vez.

      Nem mostrou o produto que confiança tem? Para mim confiança seria se ela tivesse sido honesta de deixar o console com 8 TF e vender como.

      Ai depois ela vem dizer que teraflop não significa nada mas se matou para alcançar os 10.

      1. Tá ok, mas qts jogos de xbox rodam em 8k? Agora lê aqui kkkkkk

        RODANDO EM 8KKKKKKKK
        CHORA

        https://www.eurogamer.net/articles/digitalfoundry-2020-this-is-next-gen-unreal-engine-running-on-playstation-5….

        1. Onde eu falei mal? Apenas questionei com os dados que ela mesmo mostrou.

          Tem console? Não
          Tem certeza de retro? Não
          Tem certeza da estabilidade? Não
          Tem certeza do numero de Teraflops? Não
          Tem informações de tecnologias presentes no Xbox? Não.

          Segurança no produto que tem mas solta informações totalmente escassas, oculta informações e mente para o mundo precisando de outras empresas virem a publico desmentir.

          A culpa não é minha.

          1. Ela disse que a potencia quando não esta overclocado? Ela disse que vai ser 10 e disse que só vai ser 10 em alguns momentos kkk quando não esta com 10 esta com quando?

          2. te respondo quando alguém especializado souber disso com total certeza, o que vc ta fazendo é apenas tentar adivinhar defeitos onde vc não pode provar que tem

          3. Hauahauahaia é com isso que vc vem ?
            Kra espera o pssd5 vim, no mais mesmo que ele venha igual ao Xbox já é uma obrigação.
            Se não vim , vai passar vergonha com teus comentários aqui.

          4. A pessoa mais especializada no assunto que é o desenvolvedor do console não deixou claro e nem vai explicar, você vai esperar isso de quem?

            Ela quer vender como um console de 10 teraflops independente de ser variável, é por isso que o papinho de TF agora mudou.

          5. de vc que não é! relaxa cara, espera lançar o console e vc verá que vão abrir ele peça por peça e vc terá suas dívidas respondidas, o que vc não pode e fazer acusações ou críticas sem base alguma

          6. acho engraçado é vc querendo ter conhecimento sobre algo que vc mesmo afirmou que o próprio criador não conseguiu explicar, tem logica pra vc isso?

          7. O criador não explicou porque não quis e não porque não sabia.

            Não adianta tentar distorcer o que falo porque isso é baixo, apesar de não esperar muito você pode ser melhor.

          8. Sim vc tem razão, só tem 8TF
            KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

            https://youtu.be/PBktSo0bXas
            Vamos comparar gráfico do xbox e do ps5?
            KKKKKKKKKKKK

          9. E roda jogos em 8k

            RODANDO EM 8KKKKKKKK
            CHORA

            https://www.eurogamer.net/articles/digitalfoundry-2020-this-is-next-gen-unreal-engine-running-on-playstation-5

          10. Olha o q 8TF faz
            https://youtu.be/PBktSo0bXas
            Vamos comparar gráfico do xbox e do ps5?
            KKKKKKKKKKKK

          1. marca ai meu comentário que eu afirmei algo sobre o hardware do ps5? vou esperar tá, quem tem essa falácia é vcs, como seu amigo que uma hora diz que o console não presta e outra hora diz que não conhece nada sobre ele, isso não é contradição?

          2. Amigo vc disse isso numa discussão sobre o ps5 chegar a 10.3 a discussão foi longa. Mais foi está semana .

      1. RODANDO EM 8KKKKKKKK
        CHORA

        https://www.eurogamer.net/articles/digitalfoundry-2020-this-is-next-gen-unreal-engine-running-on-playstation-5.

          1. bem, eu só espero que ambos os consoles sejam bons, tem espaço pro público de ambos, to mais preocupado mesmo é com a próxima geração em si, que até agora não me convenceu

      1. Mas o cara não mentiu, oq as vendas do PS4 melhoraram o próprio nessa geração?? Absolutamente nada, poney sempre achou q vendendo mais deixaria o console melhor ???????

          1. que propaganda enganosa? mostre onde a sony prometeu 4k nativo em todos os jogos e eu darei razão a vc, mas se vc não puder fazer isso como poderia acusar de propaganda enganosa se vc nem tiver conhecimento de tal propaganda?

          2. a questao é, naoa tinge 4k nativo em nenhum jogo e nao é por culpa de desenvolvedor mas sim do console que é incapaz de atingir 4k! fora que todo marketing inicial foi em cima disso “4k, 4k, 4k”, não é atoa que foram bombardeados de criticas

          3. https://www.eurogamer.pt/articles/2017-11-03-digital-foundry-fifa-18-na-xbox-one-x-comparado-com-a-ps4-pro-e-pc
            a versão PlayStation 4 Pro de FIFA 18 permite jogar a 4K nativa, algo que acontece também na Xbox One X.
            esse é só um exemplo, ta vendo como vc não sabe do que está falando, existem alguns outros jogos que rodam a 4k nativo no ps4 pro, só isso já torna mentirosa a sua afirmação de ”marketing enganoso” como eu disse não foram prometidos todos os jogos a 4k nativo, tem algo a falar ainda?

          4. Insatisfação?? Não sei, mas ele vendendo mais não fará ele rodar 4K, isso todos nós sabemos ??✌️

          5. não existe no mercado nesse momento nenhum console que rode a maioria dos jogos em 4k, pq isso afetaria minha satisfação com o ps4 pro?

          6. tentei enviar o link mas o site nao deixa. tem no twitter da PS e diversas outros merchans eles prometendo um blundle do ps4 pro com o anuncio de “console 4k”

          7. Mas em nenhum momento eu falei de satisfação ou insatisfação, só falei q o cara estava certo, PS4 vendeu mais e não melhorou nada por causa disso, agora se vc está satisfeito com um console “Premium” q só roda jogos em 2K, bom pra vc ?✌️

          8. engraçado que diz “como poderia acusar de propaganda enganosa se vc nem tiver conhecimento de tal propaganda” tu tava morando em marte nesses ultimos anos ? o que mais rolou foi propaganda prometendo 4k e o que mais teve foi hate em cima dessa mentira que a sony resolveu vender. Claro, existe um salto grafico entre o ps4 base e o PRO mas nao de fato o que prometeram. Mas claro, vc é passador de pano que se faz de joão sem braço ou tava morando em marte pra fazer uma pergunta dessa

          9. eu vi a apresentação e a sony prometeu 4k por upscaling e não 4k real em todos os jogos, mesmo havendo alguns jogos rodam em 4k nativo no ps4 pro, não sei se vc sabe mas nem o xbox one x roda 4k nativo em todos os jogos amigo, A´wm do mais oferecer suporte a 4k é diferente de afirmar que os jogos rodarão em 4k, não sei vc sabe tbm mais tanto sony quanto microsoft prometem suporte ao 8k na nova geração e isso não implica em afirmar que todos os jogos rodarão em 8k, provavelmente alguns indies até consigam isso, de qualquer forma não será uma mentira.
            https://meups.com.br/noticias/sony-confirma-a-maioria-dos-jogos-no-ps4-pro-sera-4k-upscaling/

      1. Verdade a Sony Vega era espetacular, pelo menos dois degraus acima da concorrência, mas a soberba da Sony deixou o produto minguar, essa mesma soberba pode derrubar o PS, espero que não, pois sempre joguei PS e não é pq hj eu prefiro o Xbox que vou desejar o mau de um produto que eu consumi por muito tempo

  1. É esse tipo de atitude que fez o PS3 ser um prejuízo enorme pra Sony mesmo vendendo bem. Vendas não são tudo, se fosse assim o Nintendo Wii U tinha sido um sucesso, pois o Wii vendeu 150 milhões de unidades.

  2. Resposta sem humildade na minha opinião, mostram que só estão preocupados com as vendas do console e não com o consumidor! Espero que estejam com um bom plano para tanta confiança no taco.

    1. Mas todas as empresas só se preocupam com as vendas kkk

      A sobrevivência delas está atrelada a isso.

      Filantropia quem faz são os que não sabem como gastar mais o seu dinheiro

      1. Sim, mas tem a questão de ser um produto de qualidade, se não for não vai vender! Ai que entra a questão de se preocupar com o cliente, oferecer tudo a favor do cliente!

          1. Não afirmei que ele é de qualidade. Pode ter bons exclusivos, mas não vejo qualidade no console e vantagens como consumidor que atende as minhas expectativas e necessidades. Vendeu muito por nome e porque gente leiga, casual não entende de videogame! Nem sempre venda é sinônimo de qualidade! Vão vender o PS5?Claro que vão, mas como disse não é o fator determinante para ser o melhor! Gosto de comparar, custo benefício, suporte que pra mim é o essencial para trazer a segurança do serviço e marca! Que hoje para mim a PS não traz por estar preocupada somente com vendas e a fala do cara aí em cima diz isso. Vamos ver as cenas dos próximos capítulos, o PS5 pode ser totalmente diferente de que foi o 4 e me surpreender, mas nesse momento ainda não me convenceu que tenho que comprar um!

    2. Concordo plenamente, o egocentrismo da Sony se elevou tanto com o sucesso de vendas do PS4 que acha que se tornou uma Apple da vida, só que diferente da Apple, ela não procura mais inovar e encher os olhos de seus clientes, só divulgam a data de lançamento e esperam que os clientes corram pra comprar, a cada dia o consumidor está mais exigente, e se ela não buscar sempre se atualizar no mercado (assim como a Microsoft reconheceu que estava pra trás e correu atrás nós últimos anos), irá fracassar na next gen.

  3. É o que eu disse a pouco em outra notícia daqui.

    A Sony revelou hj que superou 110 milhões de PS4 até março desde ano. Até o lançamento dos próximo consoles este número talvez esteja em 114 milhões ou mais. A base da Sony pra nextgen é sólida, todos que adquirem um PlayStation sabem exatamente o que a Sony vai entregar. O projeto do PS5 pode não ser melhor que o XSX, ainda sim parece ser um excelente console, terá a retro, terá diversos triplo A os quais agora são o foco do PlayStation Studios. Enfim, o PlayStation está na dele porque ele pode, é líder inigualável, não tem porque ela se apressar, mês que vem já tem evento do PS5 exclusivo anunciado, não há motivos pra alarde do lado azul da força

    1. A essa altura do campeonato realmente a Sony tem um lugar consolidado. O bom é que para nós jogadores podemos tirar proveito do que a Microsoft está preparando, pois os preços que ela pratica no Brasil são mais justos que a Sony.

      Eu gosto do Playstation, mas tenho sérias críticas para os preços que a Sony pratica no Brasil.

    2. Claro que vendeu 100 milhões, vc precisa comprar ele duas vezes, antes de o console fritar e a Sony nem te dar ouvidos. Ou seja 50 milhões de clientes comprando consoles mais de uma vez

  4. Alguns dados interessantes retirados dos relatórios financeiros referentes ao primeiro trimestre de 2020:
    Enquanto a receita da divisão de jogos da Microsoft foi de US$ 2,349 bilhões, a da Sony foi de US$ 3,989 bilhões, o que representa um faturamento 70% maior. Além disso, se por um lado a Microsoft não divulga o lucro de sua divisão de jogos, por outro a Sony registrou um lucro de US$ 425 milhões advindos dessa divisão.
    Os dados podem ser encontrados nos links abaixo:
    https://www.microsoft.com/en-us/Investor/sec-filings.aspx
    https://www.sony.net/SonyInfo/IR/library/presen/er/archive.html

  5. Acho que está notícia não é boa para os Sonystas significa que eles não se importam, evidentemente a marca PS é muito forte tem muitos jogadores mas a acomodação não é bom e foi o que pareceu.

    A Microsoft sabe que agora está na hora da última cartada os exclusivos, vejamos se eles iram bem nessa que para mim é a mais importante ao lado de preços.

  6. Manda esse CEO voltar pra faculdade, ou contratar quem estude de fato.

    Vendas e Receita bruta não valem de nada se as deduções legais, ou lucratividade for baixo.

    Existe uma coisa chamada valor de mercado… É igual ferrari, vende menos que o GOL mas ainda sim é mais lucrativo e mais representativo.

    Bem não é de se esperar, talvez com essa declaração do CEO é porque a Sony está meio mal das pernas nas suas divisões.

    Fico até apreensivo, Playstation parece uma plataforma meio insegura, tá louco…
    E sou consumidor da marca também.

  7. Como que vai vender console sem marketing do ps5? só vejo noticia da sony sobre os 2 jogos e nada mais basicamente. O que deu uma variada uns dias foi o controle

  8. Ai se ve, pela resposta estupida do CEO da Sony, porque o sonysta é tão burro. Não adianta vender console pra usuario que não se engaja e não gasta com a plataforma. A Sony botou um papagaio na presidencia da empresa.

    1. Kkkkkkk. Este vídeo já tem uns dois meses mais ou menos do exclusivo do ps5 que vai para o Pc está rodando no PC.. Então não é exclusivo. Kkkkkkkk é com isso.??

  9. Eu concordo que a Microsoft informa mais as coisas e tudo mais, elas fazem o marketing de forma diferente, é visivel tambem que a microsoft respeita mais os seus clientes, todavia, eu, como caixista, prefiro ficar calado e esperar as coisas realmente aparecerem, por que tanto a microsoft quanto a sony são duas mentirosas quando venderam o XBOX X e o PS4 PRO, dizendo que eram 4k 60fps e de mentira ja to cheio, a proxima geracao so vou comprar depois de ver realmente se a coisa é como falaram, por que mentir é com eles.

      1. meus últimos consoles foram xbox360 e ps3

        então ver console com esses gráficos até me animou, já q o preço das VGAs está mais alto que a rejeição do bolsonaro

    1. Tá lindo mesmo. Mas poucos jogos da Sony utilizam essa engine. Vamos ver se eles vão começar a trabalhar com ela. Lembrando que a Ninja está trabalhando diretamente com a Epic Games em Hellblade II. Vamos aguardar para ver os novos jogos e gameplay.

  10. Desespero pegou o homem da cadeira alta. Ele não tem o que falar. Está tudo atrasado, tudo complicado, e não culpem o xoronga vírus, a Sony estava atrasada já

  11. Caraca, não é Teaser, é Gameplay porra

    GAMEPLAY de nova geração apareceu antes no PS5

    E sem a necessidade se enganar ninguém kkkk

          1. Ta tudo aqui coleguinha
            https://www.eurogamer.net/articles/digitalfoundry-2020-this-is-next-gen-unreal-engine-running-on-playstation-5

      1. Na verdade estavam usando texturas 8k.

        And to prove the point, the UE5 demo running on PlayStation 5 mostly uses full fidelity assets taken from the Quixel Megascans library – not the more simplified versions designed for video games using 8K textures.

          1. Com certeza, cara da EPIC disse que o SSD é nível deus. hauau

            It’s got a God-tier storage system which is pretty far ahead of PCs, bon a high-end PC with an SSD and especially with NVMe, you get awesome performance too.”

    1. caraca a gameplay ta linda demaaaaaaaaaaaaaiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiissssssssss
      Imagina o nvl dos exclusivos agora
      mds do ceu

          1. oq impede de usar?
            E suas engines vão estar daquele nvl, aquilo ali é mostrando como vai ser a nova geração
            Enquanto a Sony mostra aquilo, a MS tá mostrando joguinho cartoon kkkkk

          2. Calma goku, sei que está nervoso depois de ver algo rodando no ps5 e não no Xbox, fica calmo, já já em junho vem forza halo e gears denovo e uma enchorrada de indies

          3. Se vc pegar os do PS4, vários dele são mais bonitos que os jogos da UE4 kkkk

            Para de falar merda

            As capacidades do console estão ali, não é a Engine, é a máquina kkkk

          1. A feiura monstruosa do muçulmano vai ficar ainda mais destacada, eu tenho medo quando eu olho pra ele

    2. https://uploaddeimagens.com.br/imagens/w1gQnjo

      hahaha é serio isso????? estou achando que apostar no ultra SSD foi tiro no pé asuhasuhsahu

        1. Sem RT
          Hardware accelerated ray tracing will be supported in Unreal Engine 5, for example, but it’s not a part of the PS5 tech demo revealed today.

          Resolução: 1440p up 3840×2160
          So, when GPU load gets high we can lower the screen resolution a bit and then we can adapt to that. In the demo we actually did use dynamic resolution, although it ends up rendering at about 1440p most of the time.”

          Única coisa impressionante foi usar texturas
          And to prove the point, the UE5 demo running on PlayStation 5 mostly uses full fidelity assets taken from the Quixel Megascans library – not the more simplified versions designed for video games using 8K textures. Liberi adds

  12. “PS5 é tão impressionante que vai ajudar a moldar o futuro do PC”

    EPIC GAMES, 2020

    Taí povinho, criadora da Saga Gears se rendeu ao PS5

  13. Legal Sony… Na falta de argumentos e de conteúdo útil para mostrar, apelam para o fanatismo da “fé cega” … Parece que isso está sendo a marca dos tempos atuais por parte da pura Ignorância, Arrogância e Soberba… Está “certinho”, como eles mesmo disseram, o futuro dirá o quanto isso tudo da bem “certo” sim, ainda que não seja um futuro breve !

    Só o respeito ou a falta dele para com o consumidor já diz tudo… Transparência, informação e investimentos já falam por sí ! E a Microsoft (Xbox) atualmente tem oferecido tudo isso aos seus consumidores !

    1. me explique ai por gentileza onde ele faltou com respeito ao consumidor ? não ficou claro pra min, pq ao meu ver foi uma resposta clara, direta e bem transparente, se o PS5 for bem sucedido comercialmente significa que fizeram um trabalho satisfatório, se o PS5 não vender bem significa que eles eraram, é simples assim, na verdade funciona assim pra qualquer produto comercializado ao público.

      1. Tudo aquilo que não é visto está no seu estado “cego”, concorda ? Só o fato da Sony promover um “evento” e deixar todos os seus consumidores ansiosos por uma apresentação do console e os caras mostrarem só um Logo já diz tudo… Fora a falta de investimentos na melhoria de sua infraestrutura online – apesar de já ter contratado o Azure da Microsoft – e a falta de consideração aos consumidores Brasileiros que está anos a fio atrás dos serviços existentes nos EUA … E etc…

        O mercado costuma avaliar vários fatores além das vendas, e a relação com o consumidor, incluindo o suporte, é outra ponta essencial para isso. Além de que todo produto transparente, no mínimo, é apresentado na íntegra para seu consumidor antes de qualquer especulação ! Mesmo porque a pesquisa de satisfação de um lançamento é outro ponto chave para se avaliar o sucesso de um produto !

        Mas entendo que ele deixou em aberto o como serão os resultados das vendas, mas, conhecendo bem o seu público, e as discussões que existem em torno das vendas, ficou claro o tom de deboche e arrogância por parte dele, e por isso que tal ironia velada soa como soberba, quando não se conhece ainda toda os detalhes reais do console !
        Bom, é a jogada deles… se eles acham bacana isso e o seu público também, então tudo bem.
        Já eu como consumidor gosto de ser respeitado, em todos os níveis de um produto.

  14. Impressionante como o modelo de negócios deles não mudam… Vendas é apenas um dos vários fatores que fazem um produto ter sucesso. A Sony n sai da bolha mesmo, n tem jeito. A Microsoft segue dando aula nesse cenário!

  15. ” as vendas que decidirão o sucesso”

    Vixi com o mesmo pensamento pequeno em achar que numero de vendas se traduz em sucesso, esse pessoal da Sony é meio retardado, o PC que tem em numero uma base menor já lucra muito mais que os 3 consoles juntos.

    1. cara para quem trabalha na sony, oq define sucesso é as vendas mesmo, afinal é assim que paga o salario deles kkkk tem que separar os funcionários da empresa dos consumidores

        1. Se esse serviço estivesse no PlayStation vocês estariam batendo palmas e falando:”Xbox não tem serviço igual” agora só quem tem 200 reais pra gastar em um jogo que pode jogar né? Ah é sonystinha adora arrotar caviar mas só compra o excrusivinho (isso se compra porque normalmente é só FIFA e Cod) quando tá em oferta com os famosos PlayStation Hits kkkkkkkkkk.

          1. Cara, o serviço não é ruim. A crítica não é essa. O problema é que o Xbox e seus usuários ultimamente tem se agarrado só a ele. Enquanto a Microsoft reduz drasticamente a qualidade dos exclusivos q oferece (com exceções de Forza, Halo e Gears). Sobre o que vc falou sobre FIFA e cod… O PS4 tem foda of war e Spiderman entre os 10 jogos mais vendidos no console. A Microsoft não tem nenhum. E se for falar de vendas absolutas de exclusivos, a Sony tá muito a frente com Horizon zero Dawn, uncharted 4, Bloodborne e outros. Na lista da Microsoft tem Halo 5, Halo coletânea remaster e vários forzas. Já foram lançados 5 nessa geração. Então, a diferença é bem grande. Esses dias saiu um relatório de vendas da Capcom. Usuários do PlayStation foram responsáveis por mais de 60% das compras. Do switch, mais de 20%. E olha q multis não são o forte do switch. Microsoft na lanterna com 6%. Uma coisa é a gente dizer q as vendas não importam diretamente pra nós, jogadores/consumidores. Outra coisa é pras empresas. Tá ai um dos motivos pra vários jogos não serem lançados no Xbox.

      1. não amigo , no contexto da entrevista ele foi preciso na resposta dele, a questão ali não era sobre lucros da plataforma em si, era sobre o sucesso ou fracasso comercial do console independente de jogos ou serviços

        1. Faz sentido. Ele sabe que independente do produto da Sony ele tem seu mercado “garantido”. Aí é fácil falar. Mas entendo.

        2. Faz sentido. Ele sabe que independente do produto da Sony ele tem seu mercado “garantido”. Aí é fácil falar. Mas entendo.

        3. Viu o game demo do ps5 mano ? O que é aquilo ? Achei que Uncharted era o máximo graficamente, os caras mostram um game lá que caga no Uncharted eita porra, PLAYSTATION 5 SÓ VEM MEU AMOR.

          1. Pode ver a missao em que Samuel e Drake encontram libertalia, se aquilo foi com 1.,84 teraflops e HD, esses graficos mostrados hj parecem bem possíveis com 10 terás e SSD

          2. E PEIDANDO PRA RODAR A 1440P e 30fps kkkk. Mais fraco que o Stadia que é 10.7 Teraflops ,hehehe . Pssd5 já nasceu morto ,está é a realidade.

          3. Cara tenho certeza que vc não leu a matéria que você mesmo postou, o cara fala que na verdade na demostração usou resolução dinâmica, e que rodou na maior parte em 1440p e além disso a tecnologia Unreal 5 e multiplataforma, ou seja não é exclusiva do Ps5!

          4. Lembra do Watch Dogs 1? As empresas criam hype mas na hora de jogarmos é um downgrade nervoso e não estou falando de consoles e sim relaxo na hora de entregar o produto final.

          5. Pode ser que sim, pode ser que não, watch dogs foi demais meu amigo kkkk, aquele foi o maior downgrade da história kkk

        4. [13/5 12:03] Rodrigo: Olha o gráfico do ps5, TRUE NEXT GEN humilhou XBX. Tá em 8K ainda. O cara da epic falou. Nossa vcs estão mortos, enterrem a microshit
          [13/5 12:39] Rodrigo: SSD ganhou a geração
          [13/5 12:40] Rodrigo: E xbox peidando pra rodar AC em 4k e 30fps
          [13/5 12:40] Rodrigo: Triste

          1. Queria saber da onde vc tirou a ideia de que essa demo esta rodando a 8k.. ??????? Já disseram e confirmaram que ela esta rodando a 1440p, sem Ray Tracing e na casa dos 30fps.. depois falam que o Series X é fraco só por que Bugsoft disse que no mínimo (faltando 7 meses para o lançamento do AC) o AC Valhlla vai rodar a 30 fps 4k.. ?‍♂️?‍♂️

      2. Olha o gráfico do ps5, TRUE NEXT GEN humilhou XBX. Tá em 8K ainda. O cara da epic falou. Nossa vcs estão mortos, enterrem a microshit.

    2. Olha o gráfico do ps5, TRUE NEXT GEN humilhou XBX. Tá em 8K ainda. O cara da epic falou. Nossa vcs estão mortos, enterrem a microshit

        1. Tô rindo pra não chorar, peguei o super PS4 PRO, pra jogar o novo COD, o vídeo game fritou, agora tá na assistência e tive que pegar o jogo para o Xbox One X, e a diferença é grande, mas o One eu nem ouço, enquanto o PS4 quase voava do quarto, nem podia jogar a noite para o povo dormir! ? ? ? ? ?

        1. Mano onde tá 8k? Manda link aew, pq ao menos que tenha um monitor compatível com 8k não vai dar de ver diferença no YouTube, sério preciso ver isso….

    3. RODANDO EM 8KKKKKKKK
      CHORA

      https://www.eurogamer.net/articles/digitalfoundry-2020-this-is-next-gen-unreal-engine-running-on-playstation-5

    4. Sonysta é muito gado da marca, qualquer coisa q a Sony fazer eles vão hypar e dizer q é bom.
      A mídia vai criar uma narrativa como sempre fazem babando o ovo do PS. Microsoft lança os jogos para Pc é ruim, qndo a Sony começar a fazer o mesmo vão mudar a narrativa e dizer q é bom, q é uma boa estratégia da Sony e etc. Mesma coisa fizeram em relação ao poder tempo q o one fat tinha menos poder era só o q falavam agora q saiu o one x mudaram completamente de narrativa.

      1. A Microsoft não paga propaganda para you tuber e reporters “gamers” , não envia Tvs next gen para seus “anúnciantes” , não usa seus jogos para fazer “lacração” pois o intuito é o intretenimento não alienar com ideologias a Microsoft é a Microsoft ela quem dita as regras do mercado , quem traz inovação e se erra tem bala na agulha para se manter diferente da Sony ou mostra números ou terá sérios problemas com os investidores ! Alguma semelhança com os sonystinhas ? Pois é cada empresa cria sua base de fãs de acordo com seu próprio caráter !

      2. A Microsoft não paga propaganda para you tuber e reporters “gamers” , não envia Tvs next gen para seus “anúnciantes” , não usa seus jogos para fazer “lacração” pois o intuito é o intretenimento não alienar com ideologias a Microsoft é a Microsoft ela quem dita as regras do mercado , quem traz inovação e se erra tem bala na agulha para se manter diferente da Sony ou mostra números ou terá sérios problemas com os investidores ! Alguma semelhança com os sonystinhas ? Pois é cada empresa cria sua base de fãs de acordo com seu próprio caráter !

  16. “Vendas” kkkkkkkkk A Sony é uma empresinha fajuta mesmo, sempre querendo “ganhar a geração” em cima de seus consumidores. Prevejo o PS vendendo mais mesmo por causa da alienação, nostalgia e marketing, mas com a Microsoft tendo mais receitas e lucros na divisão de jogos do que a Sony. Independente disto, o Xbox continuará a ser a melhor plataforma de jogos do mercado, disparado.

    1. Mano infelizmente pra vc somos +110 milhões de “alienados” pela Sony. PS5 vai vender mais, isso não deveria importar pra vcs né kkk

      1. A da maioria será sempre a que leva “gado”; infelizmente a maioria não tem opinião própria e isso vale pra qualquer mercado.

          1. Não. Se um consumidor casual viesse a você perguntar qual console você recomendaria a ele, o que você responderia levando em consideração que a maioria só vai jogar mesmo os multiplataformas famosos, o custo-benefício sobre cada um dos consoles e sem levar a sua opinião pessoal sobre jogos? A maioria não sabe exatamente o que quer, desconhece os benefícios de cada console, e se não foi convencido antes pelo amigo, será pelo vendedor antes de passar no caixa porque “vende mais”. Mas no fundo esse vendedor está preocupado mesmo é com seu retorno indireto pelas vendas de mídias físicas.

          2. Não. Se um consumidor casual viesse a você perguntar qual console você recomendaria a ele, o que você responderia levando em consideração que a maioria só vai jogar mesmo os multiplataformas famosos, o custo-benefício sobre cada um dos consoles e sem levar a sua opinião pessoal sobre jogos? A maioria não sabe exatamente o que quer, desconhece os benefícios de cada console, e se não foi convencido antes pelo amigo, será pelo vendedor antes de passar no caixa porque “vende mais”. Mas no fundo esse vendedor está preocupado mesmo é com seu retorno indireto pelas vendas de mídias físicas.

          3. olha, faz sentido, ao menos para min o melhor console sempre será aquele que me oferecer os melhores jogos, as demais coisas são importantes porém são secundárias quando se trata de video games.

          4. 98% dos jogos são iguais; e exclusivos podem ser fundamentais pra você e de 10% a 15% do mercado (não disse que não são importantes, ok!). E pra maioria das pessoas outros benefícios e recursos podem ser mais importantes na prática do que dois ou três jogos exclusivos; motivo da minha pergunta acima. Mas a resposta é clara, transparente e óbvia: o Xbox é o melhor console pra maioria.

          5. 98% dos jogos são iguais; e exclusivos podem ser fundamentais pra você e de 10% a 15% do mercado (não disse que não são importantes, ok!). E pra maioria das pessoas outros benefícios e recursos podem ser mais importantes na prática do que dois ou três jogos exclusivos; motivo da minha pergunta acima. Mas a resposta é clara, transparente e óbvia: o Xbox é o melhor console pra maioria.

          6. 98% dos jogos são iguais; e exclusivos podem ser fundamentais pra você e de 10% a 15% do mercado (não disse que não são importantes, ok!). E pra maioria das pessoas outros benefícios e recursos podem ser mais importantes na prática do que dois ou três jogos exclusivos; motivo da minha pergunta acima. Mas a resposta é clara, transparente e óbvia: o Xbox é o melhor console pra maioria.

          7. Se vc acha que o xbox é um console melhor para a maioria, como vc explica essa mesma maioria que vc fala comprar o Playstation? Se fosse mesmo um console melhor na visão da maioria isso refletiria nas vendas, ninguém compra algo melhor e mais barato que o da concorrência que teoricamente é pior e mais caro, isso só mostra uma deficiência gigante da Microsoft em transmitir essa suposta grandiosidade de seu console

          8. “mas vc concorda que é difícil afirmar que algo é melhor quando a maioria consome o oposto?”

            Aí vai do bom senso, se todo mundo falar que comer cocô é bom, você comeria?

            A maioria, sempre tem que tomar cuidado com este parâmetro…

          9. Não é sem lógica, é só uma alusão, tem que saber separar a lógica relativa da realidade.

            É o conceito de massa, entendeu? Na qual o Burigas falou.
            Por isso outro exemplo:

            Se amarrarem um parente seu no poste, querendo bater nele, se a maioria falar que é bom isso… Tu vai aceitar que batam nele?

            Existem várias lógicas que podem ser elaboradas e feitas para exemplificar.

          10. ”Se amarrarem um parente seu no poste, querendo bater nele, se a maioria falar que é bom isso… Tu vai aceitar que batam nele?” onde esse seu exemplo se encaixa quando estamos falando de vendas de um produto de entretenimento? isso que to falando pra vc, fica difícil saber o ponto que vc quer chegar se vc não usar exemplos minimamente dentro do contexto do assunto.

          11. -É que seu argumento foi em base de decisão da maioria dizendo acima:

            “mas vc concorda que é difícil afirmar que algo é melhor quando a maioria consome o oposto?”

            – Estou te dando exemplo de que; se maioria optou por algo, não quer dizer que seja bom, saudável, ou bacana.

          12. ok, mas se vc não tem números pra sustentar sua tese, vc não tem a opinião pessoal da maioria do público, volto a perguntar: ”é difícil afirmar que algo é melhor quando a maioria consome o oposto?” vc nem ninguém me respondeu isso até agora de uma forma aceitável e com algo que sustente isso.

          13. Bem, difícil de afirmar ou convencer até pode ser, mas que isso define algo… De fato não.

          14. Eu não concordo, e acredito que Vc também não concorde, pois estaria sendo incoerente com o que Vc sempre fala por aki, independente do que um ou outro ache, devemos analisar e comprar o q nós julgamos ser o melhor e não o que tentam impor que seja. Eu sou muito eclético com relação a jogos então não me apego a exclusivos, jogo mais multi e gosto do cenário competitivo e nessa minha área de preferência posso te afirmar q muita gente só foi de PS4 pq lá o hardware era muito melhor pra jogar os multi, não posso afirmar no geral, mas nessa área que eu me enquadro o cenário é esse, e se a Sony não der atenção a essa fatia do bolo q ao meu ver é a maioria da sua base, pode ter uma queda significativa

          15. mas a questão que eu levantei é que é muito difícil vc afirmar que algo é melhor quando os números não estão do seu lado, opinião pessoal sobre qual é o melhor cada um vai ter a sua e disso eu não posso discordar, eu tenho um ponto de vista que viso primeiramente os jogos, mas outras pessoas podem visar serviços ou custo benefício ou qualquer outro fator que lhe seja importante, mas na minha visão os jogos são primordial quando se fala em video games que tem como função existencial rodar os jogos basicamente.

      2. A da maioria será sempre a que leva “gado”; infelizmente a maioria não tem opinião própria e isso vale pra qualquer mercado.

          1. Para empresas sim, para nós não deveria fazer a menor diferença.. quando gosto de algo e pra mim é o melhor basta a venda de apenas 1 unidade.. a minha

          2. seu gosto pessoal é inquestionável, foi exatamente isso que eu disse no comentário anterior ao burigas, mas o tema aqui é outro

          3. Eu não concordo, tenho 38 anos e sou comerciante na área de comunicação visual há 12 anos, trabalho levando a marca e os produtos das empresas aos consumidor final é posso te afirmar sem sombra de duvidas que o números estão bem longe de refletir a qualidade de qualquer que seja o produto ou ate serviço.

  17. Ou o povo se faz de burro ou gosta de cagar regra mesmo … vamos deixar claro porque as vendas decidem… simples quanto maior o número de consoles vendidos maior o número de assinantes dos meus serviços maior o número de jogos vendidos logo maior o meu lucro … tá difícil ou tem que desenhar ??‍♂️

  18. A Sony pode até vender mais hardware mas parece que a corrida vai ser nas vendas de software e serviços, senão a Sony não teria criado um guarda chuva para abrigar todos os seus estúdios.

    1. Em software ela esmaga o Xbox, este domina em serviços.

      Veja, pós Gamepass as vendas de software do Xbox caíram bastante visto que a assinatura serviços com centenas de jogos custa preço de uma tapioca

  19. Luzinha Error
    Cabinho Error
    Touchzinho Error
    Trocar a região Error
    Estatisticas de jogos Error
    Sistema de refrigeração Error
    Fabricação no Brasil Error

    O sonysta tinha que desejar que o Xbox vendesse mais, pra Sony sair da acomodação, aliás dá até medo do Xbox vender mais e ficar a mesma situação dos preços dos controles de Xbox no Brasil, bem mais caros porque são mais procurados, e ainda se acomodar no sucesso…

    VENDA MENOS, XBOX, VENDA MENOS

    Retro Error
    Pass Error
    EA Access Err… ops, esse já tem (mas ninguem liga)

  20. Alguns dados interessantes retirados dos relatórios financeiros referentes ao primeiro trimestre de 2020:
    Enquanto a receita da divisão de jogos da Microsoft foi de US$ 2,349 bilhões, a da Sony foi de US$ 3,989 bilhões, o que representa um faturamento 70% maior. Além disso, se por um lado a Microsoft não divulga o lucro de sua divisão de jogos, por outro a Sony registrou um lucro de US$ 425 milhões advindos dessa divisão.
    Os dados podem ser encontrados nos links abaixo:
    https://www.microsoft.com/en-us/Investor/sec-filings.aspx
    https://www.sony.net/SonyInfo/IR/library/presen/er/archive.html

    1. Isso porque a base instalada da Sony é mais que o dobro né; mas não tem mais que o dobro de receitas e nem de lucros. Logo, proporcionalmente, a Microsoft fatura mais. E na próxima geração provavelmente faturará mais até de forma bruta mesmo vendendo menos consoles.

      1. Isso porque a base instalada da Sony é mais que o dobro né

        Então você admite que os números do VGChartz estão corretos?

        mas não tem mais que o dobro de receitas e nem de lucros

        A Microsoft não divulga os lucros de seu segmento de jogos. Sendo assim, podemos inferir que seus custos são mais elevados que o da Sony (devido ao investimento no catálogo do Game Pass, por exemplo) e seu lucro líquido menor, sendo até possível eventuais prejuízos em razão do custo x receita do Game Pass.

        1. Não sabemos o quão maior ou menor são os custos da divisão Xbox; você não pode tentar inferir através de um serviço como o Game Pass, uma vez que este serviço pode até gerar mais receitas proporcionalmente do que as vendas de mídias físicas ou digitais justamente pq tem um custo menor associado. E se for considerar as receitas de serviços, a Xbox Live está melhor consolidada do que a PSN em usuários ativos. Se tiver que fazer um chute, é muito mais provável que os lucros da divisão XB sejam maiores do que as do PS. E a divisão Xbox, apesar de não ser a maior dentro da Microsoft, é muito saudável. Seus fundamentos estão falidos.

          1. mas não tem mais que o dobro de receitas e nem de lucros

            Então por que você afirmou que o lucro da divisão de jogos da Sony não é o dobro da Microsoft? Como você mesmo disse, não sabemos, então é possível que isso ocorra de fato.

            justamente pq tem um custo menor associado

            Com base em que você afirma que o custo é menor? Os valores das licenças dos jogos incluídos no catálogo podem ser altíssimos (jogos como GTA V ou Red dead Redemption 2, por exemplo)

            E a divisão Xbox é muito saudável.

            Por fim, baseado em que você diz isso? Quem poderia nos demonstrar seria a Microsoft através da divulgação dos dados financeiros completos (da mesma forma que a Sony faz, por exemplo). Como ela diminui cada vez mais a transparência de seus relatórios, não é possível fazer uma afirmação como a sua.

          2. Você mesmo está se baseando no “acho” pra inferir sobre lucros e isso não é possível. Sei que o custo associado de serviços de modo geral costuma ser menor; se há uma projeção a ser feita aqui é o contrário da sua. Se for considerar as receitas de serviços das redes online, a Xbox Live está melhor consolidada do que a PSN em usuários ativos; logo seus lucros devem ser maiores, o que impulsonaria os lucros das respectivas divisões como um todo. Enfim, o que quero dizer é que sua “conclusão” sobre os lucros da Microsoft não tem qualquer fundamento lógico.

          3. Aqui, achei uma análise sobre as contas da Microsoft de um relatório financeiro trimestral de 2019. Aqui é só um exemplo que não tem a pretensão de definir tudo, mas é um relatório da época em que ambas as empresas tiveram grande queda nas receitas da divisão de seus jogos e foram justamente os serviços da Microsoft que mandaram bem. Mesmo diante dessa queda a análise (parte feita com estimativas) conclui pela boa saúde da divisão Xbox. E estou falando de um blog de Portugal, e lá eles são muito fanboys de PS, inclusive o autor. Taí, baseado numa matéria de um blog de fanboys de PS dá pra concluir que a divisão Xbox é saudável. Pelo menos é o que temos já que a Microsoft não divulga seus lucros.
            http://www.pcmanias.com/relatorio-e-contas-da-microsoft-decifrado/
            E como falei, serviços e mídias digitais tem um potencial de lucros maior que mídias físicas; logo é bem provável que proporcionalmente falando a divisão de jogos da Microsoft seja tão boa quanto a da Sony. Veja, proporcinalmente falando, uma vez que em números brutos a Sony terá maior mesmo já que tem o dobro de base instalada.

          4. Citação do artigo escrito pelo Mário do PC manias:

            A Xbox pode estar em queda, mas as contas não mentem. A divisão, a nível de receita gerada, ainda está no positivo! Não são números como os da Sony, não implicam lucros uma vez que as despesas são desconhecidas

            Essas estimativas foram calculadas com base no relatório Q3 2019 (artigo de 07/05/2019) da Microsoft e os números que apresentei têm como base o Q3 2020 (divulgado em 24/04/2020). Muita coisa pode ter mudado e só saberíamos caso a Microsoft fosse transparente (como a Sony) em seus relatórios financeiros.

            E como falei, serviços e mídias digitais tem um potencial de lucros maior que mídias físicas

            Faz sentido, porém teríamos de avaliar qual é o custo da Microsoft com o catálogo do Game Pass, uma vez que as licenças de jogos como GTA V ou Red Dead Redemption 2 podem ser caríssimas. Além disso, é preciso avaliar o impacto do Game Pass sobre a venda de jogos: alguns títulos menores podem ter uma boa rentabilidade (como Ori), mas o cenário muda totalmente para jogos de orçamentos maiores (como Gears e Halo, por exemplo).

          5. O cenário para jogos maiores muda? Com base em que? Não percebe que você só replica falácias de fanboys que de tanto soltarem na internet viram verdades? Veja que é um modelo diferente; se o consumidor assina o serviço ele está contribuindo mensalmente com as receitas da Microsoft; e se isso diminui as vendas nada tem de problemático uma vez que é um modelo diferente. Qual é melhor? Comprar um jogo por ano e só (é a média de consumo de jogos por consumidor) ou pagar mensalmente por um serviço cujos jogos não são seus, tendo como compensação o acesso mais facilitado a eles? O seu questionamento sobre “avaliar o impacto do Game Pass sobre a venda de jogos” não tem qualquer fundamento pq o modelo de negócios MUDOU; compreende? Ou seja, o consumidor, ao invés de gastar o recurso comprando um jogo, ele está gastando assinando o serviço. Está gastando DO MESMO JEITO. Entende? E está gastando continuamente, o que é ainda melhor do que o modelo tradicional de vendas de jogos apenas, pois permite à empresa receitas contínuas, melhor planejamento no desenvolvimento de jogos, maior potencial de lucros, etc. Se há quedas nas vendas de jogos NÃO TEM QUALQUER PROBLEMA uma vez que só mudou a FORMA DE ENTRAR RECURSOS. Sai da bolha e das falácias dos fanboys, cara.

          6. Veja que é um modelo diferente; se o consumidor assina o serviço ele está contribuindo mensalmente com as receitas da Microsoft

            A contribuição deve remunerar TODOS os jogos que estão incluídos no catálogo do Game Pass. Quantos % da assinatura de R$ 1 (ou R$ 29 a preço cheio) se destinam a remunerar cada jogo? Quantos meses ou anos são necessários para cobrir o orçamento de apenas um grande jogo, como Gears 5, por exemplo?

            Qual é melhor? Comprar um jogo por ano e só (é a média de consumo de jogos por consumidor) ou pagar mensalmente por um serviço cujos jogos não são seus, tendo como compensação o acesso mais facilitado a eles?

            Claro que ter acesso a um grande jogo por R$ 1 financeiramente é mais vantajoso do que a R$ 250, porém não é somente esse fator de curto prazo que entra na equação. Aqui vai um artigo da mesma fonte mencionada por você anteriormente:
            http://www.pcmanias.com/gamepass-tem-agora-10-milhoes-de-subscritores/

            Ou seja, o consumidor, ao invés de gastar o recurso comprando um jogo, ele está gastando assinando o serviço. Está gastando DO MESMO JEITO. Entende? E está gastando continuamente, o que é ainda melhor do que o modelo tradicional de vendas de jogos

            O consumidor NÃO ESTÁ GASTANDO do mesmo jeito, esse é o ponto! É só acompanhar o raciocínio que coloquei mais acima: quantos meses ou anos de assinatura são necessários para remunerar o desenvolvimento de um grande jogo? Mesmo que os assinantes paguem o valor cheio de R$ 29 do Game Pass isso representaria em um ano R$ 348, valor que cobre apenas UM JOGO em seu lançamento! Imagine agora essa assinatura tendo que remunerar DIVERSOS JOGOS ao longo de um ano, a conta simplesmente não fecha e essa é uma situação economicamente inviável.

          7. Na verdade ele não está gastando do mesmo jeito, com o serviço ele está gastando mais uma vez que é incentivado a isso. O valor da assinatura anual é até maior do que a média de gastos de cada usuário do Playstation e Xbox juntos. E serviço tem um custo agregado menor para a fabricante, por isso pode com ele oferecer “mais por menos”. E o custo de um jogo no catálogo é fixo, negociável, não é variável, o que condena a sua perspectiva dita no final do seu comentário.

          8. O valor da assinatura anual é até maior do que a média de gastos de cada usuário do Playstation e Xbox juntos.

            De qual fonte você retirou essa informação?

            E o custo de um jogo no catálogo é fixo, negociável, não é variável, o que condena a sua perspectiva dita no final do seu comentário

            E o custo de produção do jogo continua igual, sendo assim ele precisa ser remunerado da mesma forma, estando no Game Pass ou não. Me explique como e a que prazo uma assinatura cobre o valor de produção dos diversos jogos incluídos no catálogo.

          9. A média de consumo de consumidores é de pouco mais de um jogo por ano, nem dois; e não estou falando de jogos lançamentos. Uma das fontes foi a própria Sony ao divulgar quantos jogos vendeu em toda a geração, que na média deu nem dois jogos por ano por cada usuário (e a maioria desses jogos devem vir de promoções). Uma assinatura anual de um serviço dá mais que isso; e mais… poucos meses de assinatura já superam a média anual de consumo atual de um consumidor. Estou falando de receitas contínuas, mais segurança no planejamento de jogos, potencial de lucros maiores uma vez que o custo agregado dos serviços é menor. Se bem implementado e disseminado, o modelo de negócios por serviço é melhor tanto às empresas quanto aos consumidores e permite melhor desenvolvimento de jogos pois o risco é menor e está diluindo. No final das contas os modelos são diferentes mas na prática não muda tanto para as empresas, apenas as fontes de receitas são diferentes: no modelo tradicional as receitas vêm de vendas; e no modelo de serviço as receitas vem de assinaturas, mas com algumas vantagens já citadas ao modelo de serviço: menor risco, receitas contínuas, melhor planejamento. Logo, nem preciso dizer que ficará inapropriado comparar vendas de jogos, né? Se no modelo da Sony o foco está nas vendas de jogos e no modelo da Microsoft o foco está nas assinaturas de serviços, não faz qualquer sentido comparar vendas de jogos, independente de base instalada, inclusive. Fanboys gostam de dizer: “afetou as vendas”; mas meu amigo… é claro, mas as receitas estão entrando; existe uma troca de receitas aí; parte do que seria “vendas” agora vem de “assinaturas”. E se o modelo por serviço incentiva ainda mais o consumo além das assinaturas, como já mostrou que incentiva, este modelo ainda leva uma parte com “vendas” da mesma forma. Essa nova gestão da Microsoft vem mudando sua perspectiva para serviços, fez isso com sucesso em outras de suas divisões e o resultado está aí: é uma das três empresas mais ricas do planeta. Ainda bem que no Xbox ainda existe as duas coisas, e cada consumidor pode optar por como consumir seus jogos: se comprando mídias físicas, digitais ou se assinando o serviço Game Pass; ou mesmo se fazendo as duas coisas (como eu). E por experiência própria, com o Game Pass eu passei a gastar mais dentro do Xbox do que quando eu apenas comprava meus próprios jogos. Mas também passei a jogar mais e ter melhores opções de acesso. Mudança para melhor.

          10. A média de consumo de consumidores é de pouco mais de um jogo por ano, nem dois; e não estou falando de jogos lançamentos. Uma das fontes foi a própria Sony ao divulgar quantos jogos vendeu em toda a geração, que na média deu nem dois jogos por ano por cada usuário (e a maioria desses jogos devem vir de promoções). Uma assinatura anual de um serviço dá mais que isso; e mais… poucos meses de assinatura já superam a média anual de consumo atual de um consumidor. Estou falando de receitas contínuas, mais segurança no planejamento de jogos, potencial de lucros maiores uma vez que o custo agregado dos serviços é menor. Se bem implementado e disseminado, o modelo de negócios por serviço é melhor tanto às empresas quanto aos consumidores e permite melhor desenvolvimento de jogos pois o risco é menor e está diluindo. No final das contas os modelos são diferentes mas na prática não muda tanto para as empresas, apenas as fontes de receitas são diferentes: no modelo tradicional as receitas vêm de vendas; e no modelo de serviço as receitas vem de assinaturas, mas com algumas vantagens já citadas ao modelo de serviço: menor risco, receitas contínuas, melhor planejamento. Logo, nem preciso dizer que ficará inapropriado comparar vendas de jogos, né? Se no modelo da Sony o foco está nas vendas de jogos e no modelo da Microsoft o foco está nas assinaturas de serviços, não faz qualquer sentido comparar vendas de jogos, independente de base instalada, inclusive. Fanboys gostam de dizer: “afetou as vendas”; mas meu amigo… é claro, mas as receitas estão entrando; existe uma troca de receitas aí; parte do que seria “vendas” agora vem de “assinaturas”. E se o modelo por serviço incentiva ainda mais o consumo além das assinaturas, como já mostrou que incentiva, este modelo ainda leva uma parte com “vendas” da mesma forma. Essa nova gestão da Microsoft vem mudando sua perspectiva para serviços, fez isso com sucesso em outras de suas divisões e o resultado está aí: é uma das três empresas mais ricas do planeta. Ainda bem que no Xbox ainda existe as duas coisas, e cada consumidor pode optar por como consumir seus jogos: se comprando mídias físicas, digitais ou se assinando o serviço Game Pass; ou mesmo se fazendo as duas coisas (como eu). E por experiência própria, com o Game Pass eu passei a gastar mais dentro do Xbox do que quando eu apenas comprava meus próprios jogos. Mas também passei a jogar mais e ter melhores opções de acesso. Mudança para melhor.

          11. A média de consumo de consumidores é de pouco mais de um jogo por ano, nem dois; e não estou falando de jogos lançamentos. Uma das fontes foi a própria Sony ao divulgar quantos jogos vendeu em toda a geração, que na média deu nem dois jogos por ano por cada usuário (e a maioria desses jogos devem vir de promoções).

            Você simplesmente não tem base para fazer tais afirmações, além do fato de que os Bundles tem maior valor justamente pelo fato de incluir os jogos, ou seja, o game está sendo remunerado da mesma forma, seja em Bundle ou venda direta.

            Uma assinatura anual de um serviço dá mais que isso; e mais… poucos meses de assinatura já superam a média anual de consumo atual de um consumidor.

            Você apenas não está considerando que uma assinatura deve remunerar TODOS OS JOGOS contidos no catálogo. Logo, de forma resumida, se o valor anual de uma assinatura é dividido entre 10 jogos, demoraria 10 ANOS para cada jogo se pagar!

            as receitas estão entrando; existe uma troca de receitas aí; parte do que seria “vendas” agora vem de “assinaturas”. E se o modelo por serviço incentiva ainda mais o consumo além das assinaturas, como já mostrou que incentiva, este modelo ainda leva uma parte com “vendas” da mesma forma.

            Aqui está nosso ponto de discordância: a receita de assinaturas não substitui a de vendas, pelo menos no modelo atual (valor) comercializado pela Microsoft. Além disso, não está comprovado que o Game Pass incentiva as vendas, essa frase foi dita sem nenhum dado que a sustente.

            Essa nova gestão da Microsoft vem mudando sua perspectiva para serviços, fez isso com sucesso em outras de suas divisões e o resultado está aí: é uma das três empresas mais ricas do planeta.

            A divisão de jogos da Sony é maior e mais rica do que a da Microsoft, conforme abordei no meu primeiro comentário. Além do mais, nem toda divisão da Microsoft atinge o sucesso esperado, vide Windows Phone.

          12. Você apenas não está considerando que uma assinatura deve remunerar TODOS OS JOGOS contidos no catálogo.

            Você tem noção do tamanho da besteira que disse? O serviço não é venda de jogos, é um meio de acesso a eles. Ninguém joga todos os jogos do catálogo, então pq um consumidor deveria remunerar “todos os jogos”? Não faz qualquer sentido. O valor da assinatura serve pra dar acesso aos jogos. Se pegar toda a base de assinaturas, as receitas delas tem que sustentar a divisão para o desenvolvimento dos jogos exclusivos e para a inclusão no catálogo de jogos de terceiros. Mas essa receita não provém apenas das assinaturas, ela é compartilhada também com a venda de jogos, que continua operante. Na prática a Microsoft negocia com terceiros um valor fixo pela inclusão de determinado jogo por um determinado tempo. RDR2, como exemplo, pode ter custado alguns milhões pra ficar um tempo no catálogo. Muitos não jogarão. Outros jogarão pela assinatura. Outros jogarão pela assinatura e ainda comprarão o jogo depois. As receitas são compartilhadas. Se pegar a base de assinantes atualmente de 10 milhões, quanto isso gera mensalmente para a Microsoft? Não sabemos exatamente pq o serviço está em expansão; é um serviço em crescimento e parece bem razoável pensar que sua receita dá pra “pagar” a inclusão de jogos de terceiros e sustentar o desenvolvimento de jogos exclusivos; e ainda tem as vendas de forma complementar. Não sei porque tanto haterismo com o modelo de serviço, visto que este funciona em vários outros mercados; pq não funcionaria no de jogos? Novamente, precisa ampliar o raciocínio. E no mais, a Microsoft soltou dados sim sobre o incentivo ao consumo de vendas de jogos. E você quer me cobrar “dados” mas tudo que você diz sobre o serviço são suposições e muitas são falácias de fanboys e só.

          13. Você apenas não está considerando que uma assinatura deve remunerar TODOS OS JOGOS contidos no catálogo.

            Você tem noção do tamanho da besteira que disse? O serviço não é venda de jogos, é um meio de acesso a eles. Ninguém joga todos os jogos do catálogo, então pq um consumidor deveria remunerar “todos os jogos”? Não faz qualquer sentido. O valor da assinatura serve pra dar acesso aos jogos. Se pegar toda a base de assinaturas, as receitas delas tem que sustentar a divisão para o desenvolvimento dos jogos exclusivos e para a inclusão no catálogo de jogos de terceiros. Mas essa receita não provém apenas das assinaturas, ela é compartilhada também com a venda de jogos, que continua operante. Na prática a Microsoft negocia com terceiros um valor fixo pela inclusão de determinado jogo por um determinado tempo. RDR2, como exemplo, pode ter custado alguns milhões pra ficar um tempo no catálogo. Muitos não jogarão. Outros jogarão pela assinatura. Outros jogarão pela assinatura e ainda comprarão o jogo depois. As receitas são compartilhadas. Se pegar a base de assinantes atualmente de 10 milhões, quanto isso gera mensalmente para a Microsoft? Não sabemos exatamente pq o serviço está em expansão; é um serviço em crescimento e parece bem razoável pensar que sua receita dá pra “pagar” a inclusão de jogos de terceiros e sustentar o desenvolvimento de jogos exclusivos; e ainda tem as vendas de forma complementar. Não sei porque tanto haterismo com o modelo de serviço, visto que este funciona em vários outros mercados; pq não funcionaria no de jogos? Novamente, precisa ampliar o raciocínio. E no mais, a Microsoft soltou dados sim sobre o incentivo ao consumo de vendas de jogos. E você quer me cobrar “dados” mas tudo que você diz sobre o serviço são suposições e muitas são falácias de fanboys e só.

          14. Mas essa receita não provém apenas das assinaturas, ela é compartilhada também com a venda de jogos, que continua operante.

            Esse é o ponto da discussão e do qual não há dados para comprovar: qual o impacto nas vendas dos jogos? Havendo uma queda nessa receita, o faturamento provenientes das assinaturas é capaz de cobrir essa diferença?

            Se pegar a base de assinantes atualmente de 10 milhões, quanto isso gera mensalmente para a Microsoft? Não sabemos exatamente pq o serviço está em expansão

            Exato, não sabemos o valor efetivo de cada assinatura (promoção ou valor cheio?) e até mesmo não é claro se esse número é de assinantes fixos ou apenas esporádicos.

            Não sei porque tanto haterismo com o modelo de serviço, visto que este funciona em vários outros mercados; pq não funcionaria no de jogos? Novamente, precisa ampliar o raciocínio.

            Não é haterismo, é exatamente o que você disse: estamos ampliando o raciocínio, debatendo e tentando entender se esse modelo de negócios é sustentável a longo prazo tendo em conta o orçamento de produção dos grandes jogos.
            Além disso, esse modelo funciona em outros mercados de forma diferente. Vamos tomar como base o mercado cinematográfico: os Blockbusters primeiro são lançados nos cinemas (vendas) e somente depois de algum tempo entram na Netflix (serviço), nenhum filme desse porte é lançado day one no catálogo.

            E no mais, a Microsoft soltou dados sim sobre o incentivo ao consumo de vendas de jogos.

            Não forneceu dados, foram apenas declarações. Caso haja algum dado que eu não tenha visto, agradeceria se você me mandasse.

          15. Esse é o ponto da discussão e do qual não há dados para comprovar: qual o impacto nas vendas dos jogos? Havendo uma queda nessa receita, o faturamento provenientes das assinaturas é capaz de cobrir essa diferença?

            Então agora você compreendeu o que eu disse lá atrás sobre os modelos de negócios e sobre não ter sentido mais comparar vendas de jogos entre os consoles. Enquanto o foco da Sony é vender mídias físicas e digitais, o da Microsoft é vender assinaturas de serviços (apesar de as vendas de mídias continuarem disponíveis). Há aqui uma TROCA DE RECEITAS; o recurso continua entrando no caixa da mesma forma. E sim, a questão é essa: quanto as assinaturas compensam as vendas? Mas há outro questionamento: quanto as assinaturas INCENTIVAM as vendas? Sim, porque o GP também é um marketing, uma vitrine. E só a Microsoft sabe os números, apesar de já ter dito coisas interessantes sobre isso (vou procurar depois). E me cobrar números não te dá razão já que também não os tem. Logo, criticar o serviço ou o modelo de negócios sem dados é uma falácia.

            Uma outra questão aqui, sobre os modelos de negócios. Sabemos que o PS tem muita força em mídias físicas (por causa da base instalada muito maior, principalmente, mas também por causa da cultura da Sony), mas este modelo tem um custo agregado muio mais alto com “comissões” para distribuidores, atacadisas e varejistas; e cada mídia física pode ser revendida infinitamente sem que os verdadeiros produtores de jogos tenham parte nessas negociações. Por isso costumo dizer que as mídias físicas é que são os verdadeiros “cânceres” para os produtores de jogos, pois tem uma cadeia “predatória” grande até o condumidor final e podem ser revendidos infinitamente. Se quer defender a produção de grandes jogos, condene a mídia física. Mas me condenam por falar isso rsrsrs. Já com as mídias digitais ou o modelo por assinatura todo esse custo não existe; e a margem de lucros é maior. Isso também ajuda a compreender como o modelo por serviços pode oferecer mais por menos ao consumidor.

            Exato, não sabemos o valor efetivo de cada assinatura (promoção ou valor cheio?) e até mesmo não é claro se esse número é de assinantes fixos ou apenas esporádicos.

            Aqui eu tenho uma observação a fazer. Em meados de 2019 tinha saído rumores de que a base de assinantes era de quase 10 milhões; e recentemente apareceu esse mesmo número como base de assinantes, mas oficialmente. Logo, isso está de acordo com o que eu costumo dizer: que consumidores que assinam por 1 real não fazem parte dessa estatística uma vez que são flutuantes. Logo eles estão foram das estatísticas; pois assinam por 1 mês e depois saem. Mas se alguns milhões assinaram por 1 dólar que seja, isso gerou 5 milhões de dólares e provavelmente pagou os jogos que foram incluídos naquele mês. Os 10 milhões de assinantes muito provavelmente são consumidores estabelecidos que pagam mensalmente ou assinam em promoções a cada 6 meses. E nesses casos não custa 1 real, pelo contrário. Poderíamos aqui já projetar uma receita média de pelo menos 5 dólares por assinatura (com médio e “por baixo”), o que geraria 50 milhões de dólares mensalmente. Parece um valor bem razoável pra um serviço que é complementar às vendas (mas acredito que seja bem mais que isso). Mas o serviço está em expansão ainda, principalmente no PC, onde a Microsoft ainda trabalha para monstar um ecossistema integrado entre plataformas: console Xbox + PC + xCloud (futuramente). Pense também no xCloud e poderá entender onde a Microsoft pretende chegar com assinaturas de Game Pass.

            Além disso, esse modelo funciona em outros mercados de forma diferente. Vamos tomar como base o mercado cinematográfico: os Blockbusters primeiro são lançados nos cinemas (vendas) e somente depois de algum tempo entram na Netflix (serviço), nenhum filme desse porte é lançado day one no catálogo.

            As produções exclusivas da Netflix entram sim direto ao catálogo. E quanto ao mercado de filmes as receitas dos cinemas são “principais” enquanto as de aluguéis são “acessórias”. A Microsoft não quer ficar em cima do muro aqui, oferecendo um serviço “acessório”. Ela quer que seu serviço seja a principal fonte de renda, acima das “vendas”; por isso decidiu foco nele e com exclusivos no lançamento. Você não pode desmerecer ou condenar o modelo com base no de filmes. Também sem sentido. Seria apenas querer replicar modelos pré-existentes. Entendo que as pessoas têm medo de mudanças; mas como já disse a Microsoft já tem expertise nesse modelo por serviço, fez em outras de suas divisões com sucesso, como o Office, e está fazendo agora com a divisão de jogos. O que eu acho importante é que tanto as vendas de mídias físicas e digitais quanto as assinaturas funcionem como opções ao consumidor.

          16. Há aqui uma TROCA DE RECEITAS; o recurso continua entrando no caixa da mesma forma.
            […] Logo, criticar o serviço ou o modelo de negócios sem dados é uma falácia.

            Voltamos ao mesmo ponto: há uma troca de receitas de mesma proporção ? O faturamento e o lucro continuam os mesmos? Há aumento ou redução?
            E utilizando seu raciocínio, elogiar ou avalizar o modelo de negócios sem dados também é uma falácia.

            Os 10 milhões de assinantes muito provavelmente são consumidores que pagam mensalmente ou assinam em promoções a cada 6 meses. E nesses casos não custa 1 real, pelo contrário. Poderíamos aqui já projetar uma receita média de pelo menos 5 dólares por assinatura (por baixo), o que geraria 50 milhões de dólares mensalmente. Parece um valor bem razoável pra um serviço que ainda é complementar às vendas.

            Podem ser também consumidores que assinaram promoções de R$ 1 por 3 anos, por exemplo. Enquanto não forem divulgados os dados, há muita margem para especulação.
            Com base na notícia abaixo, a Microsoft geraria quase US$ 41 milhões por trimestre (15% de US$ 273 milhões):
            https://gamingbolt.com/playstation-now-generated-more-revenue-in-2018-than-xbox-game-pass-and-origin-access
            Porém, com base nos mesmo cálculos, a Sony geraria com a PlayStation Now aproximadamente US$ 142 milhões! Além disso, é importante ressaltar que a Sony não disponibiliza seus exclusivos day one no serviço e que o modelo é diferente (streaming e somente permite download em um PS4), ou seja, o modelo de assinatura é complementar, não substituto.

            As produções exclusivas da Netflix entram sim direto ao catálogo. E quanto ao mercado de filmes as receitas dos cinemas são “principais” enquanto as de aluguéis são “acessórias”. […] mas como já disse a Microsoft já tem expertise nesse modelo por serviço, fez em outras de suas divisões com sucesso, como o Office, e está fazendo agora com a divisão de jogos.

            As produção exclusivas da Netflix entram direto no catálogo porque tem um custo de produção menor que os filmes. Por isso no mercado de filmes os serviços de assinatura são receitas acessórias, é o mesmo caso que citei acima sobre a Sony.
            De fato a Microsoft tem cases de sucesso, mas vamos lembrar que nem todos os produtos atingiram o sucesso esperado: Windows Phone e mais recentemente o Mixer (antigo Beam).

          17. Você mesmo está se baseando no “acho” pra inferir sobre lucros e isso não é possível. Sei que o custo associado de serviços de modo geral costuma ser menor; se há uma projeção a ser feita aqui é o contrário da sua. Se for considerar as receitas de serviços das redes online, a Xbox Live está melhor consolidada do que a PSN em usuários ativos; logo seus lucros devem ser maiores, o que impulsonaria os lucros das respectivas divisões como um todo. Enfim, o que quero dizer é que sua “conclusão” sobre os lucros da Microsoft não tem qualquer fundamento lógico.

          18. “Por fim, baseado em que você diz isso? ”

            Se A divisão Xbox não fosse saudável, teria sido cancelada, e a MS não apresentaria o investimento na next Gen com o series X, mais poderoso que a concorrência. Xbox One deu bala na agulha pra ter dinheiro pra fazer o series X.

          19. Se A divisão Xbox não fosse saudável, teria sido cancelada

            Isso ainda pode ocorrer, dependendo do desempenho na próxima geração. Há inúmeros casos de empresas que mantêm divisões deficitárias apostando em uma recuperação no longo prazo, vide a Microsoft com o Windows Phone.

          20. Se A divisão Xbox não fosse saudável, teria sido cancelada

            Isso ainda pode ocorrer, dependendo do desempenho na próxima geração. Há inúmeros casos de empresas que mantêm divisões deficitárias apostando em uma recuperação no longo prazo, vide a Microsoft com o Windows Phone.

          21. Para a Microsoft o dinheiro que o Xbox faz não é nada, para a Sony o dinheiro que ela faz com o Playstation é muito e não pode faltar.

          22. Sem querer vc descreveu o motivo do esforço da sony em manter o sucesso do playstation, ela tem muito a perder caso fracasse nessa area, por isso tenho confiança nesse segmento da sony, enquanto a microsoft não tem dependência do Xbox por exemplo.

          23. Não sei em relação a “CAIXA XBOX”, mas em relação a serviços e venda de jogos a microsoft parece querer continuar faturando muito com isso, se tornando em uma das principais rendas.

          24. logicamente, mas a questão que eu quis dizer é que a sony é muito mais dependente do playstation do que a microsoft do xbox, por isso a sony arrisca muito menos e trabalha com uma margem de erro muito menor em cima do seu principal produto, isso me traz confiança na marca, já que eu sei que mudanças bruscas é algo que dificilmente eles fariam.

          25. Não tem dependência mas agora quer a fatia desse seguimento e veio muito forte, seria mais fácil para a Sony se o Xbox não existisse porque Xbox agora é uma divisão de jogos e não só a caixa.

            Você percebe que a Sony tem receio dentro do seu próprio mercado pelos movimentos que ela vem fazendo, você apenas não querem admitir.

            TUDO que a Sony esta fazendo HOJE a Microsoft fez com o Xbox lá em 2016 e HOJE ela (Microsoft) apenas vai trabalhar para entregar, e esse é o maior problema da Sony.

          26. “você não pode tentar inferir através de um serviço como o Game Pass, uma vez que este serviço pode até gerar mais receitas proporcionalmente do que as vendas de mídias físicas ou digitais justamente pq tem um custo menor associado.”

            Vai gerar mais receitas como?? Com assinaturas a 1 real /1 dollar / 1 euro?? Ah, sim os jogos de serviços…..mas quais jogos? porque se for os dos estudios da Microsoft, eu acho meio dificil…. lembrando que são pouco mais de 10 milhões de assinantes de gamepass, somados com os assinantes do PC…..

          1. Cara, não me envergonhe desse jeito, por favor. Leia, aplique os conceitos e volta aqui me falar qual foi o resultado do seu cálculo:
            https://www.exponencialconcursos.com.br/macete-para-calcular-variacao-percentual

  21. Lógica caixista:
    você não pode jamais em hipótese alguma saber o número de vendas de XBOX ONE, salvo acionistas da Wall Street formado em economia na universidade de Harvard com mais de 15% das ações da Microsoft.

    1. Por mim foda-se se quiser saber, se isso satisfaz essa punheta mental q vcs batem pensando em números, só não vem usar isso pra dizer q PlayStation é melhor pq é um argumento mentiroso q serve única e exclusivamente pra ajudar sonysta fracassado a dormir a noite, não tem uso prático nenhum na realidade e não muda o fato do Playstation ser uma porcaria perto do Xbox.

  22. uma coisa que a Sony faz de bom é MARKETING mesmo engando os otários dos sonystas com trailers, mentindo sobre resolução, jogando trailers e mais trailers bonitos pra depois vim o jogo capado e demorar 10 anos para entregar… a sony faz bem seu marketing.. coitado é dos sonystas que se enganam com isso!

  23. Bom dia para quem realmente quiser ver um game next gen, a Sony acabou de liberar uma demo mostrando um, VENHAM PARA A VERDADEIRA NEXT GEN, NÃO AQUELA BOSTA DE INSIDE, NÃO VÃO FICAR TRISTES QUANDO VEREM O GAME RODANDO NO PS5 OK, ABRAÇO SONYSTA.

    1. Hellblade 2 já mostrou o que é poder e esse novo trailer da Epic Games no PS5 mostrou a versão capada da nova geração, Quando mostrar no Xbox séries X será a versão completa

    2. “VENHAM PARA A VERDADEIRA NEXT GEN”

      -Cara, PS5 nem existe ainda… É ainda um projeto… Não tem nada mostrado, nem jogos.

      Qualquer maluco pode falar venha pra next gen, e daí?

        1. PELO VISTO ESTÁ FALTANDO UCs, A PRAGA DO CONSOLE NÃO AGUENTA NEM 1440P real.

          https://uploaddeimagens.com.br/imagens/w1gQnjo

    3. Estava aqui no blog e vi seu comentário e fui ver a demo da Sony, PQP que jogo é esse, já decidi vou vender meu One X aqui e partir pra Sony hoje mesmo ! Espero que mais caixistas vejam seus comentários, pq abriu meus olhos aqui, se não fossem os sonystas no blog do Xbox eu ainda estaria sendo alienado ao Xboxta.

      /ironic mode=off

    4. Estava aqui no blog e vi seu comentário e fui ver a demo da Sony, PQP que jogo é esse, já decidi vou vender meu One X aqui e partir pra Sony hoje mesmo ! Espero que mais caixistas vejam seus comentários, pq abriu meus olhos aqui, se não fossem os sonystas no blog do Xbox eu ainda estaria sendo alienado ao Xboxta.

      /ironic mode=off

    5. “Unreal Engine Tech demo on the PS5 is impressive but it does run at Dynamic 1440p resolution scaling with temporal upsampling”

      É COM ISSO?????

      1. Sim, com isso aí, vc sabe que o Ray tracing tá ligado aí né ??? sabe que no assassins do séries X vai rodar 30fps sem Ray tracing né ? Particularmente não ligo pra fps ou resolução, eu jogo “jogos” e dá forma que foi apresentada aí esta espetacular, um belo salto de geração. Finalmente mostrado.

    6. Estava aqui no blog e vi seu comentário e fui ver a demo da Sony, PQP que jogo é esse, já decidi vou vender meu One X aqui e partir pra Sony hoje mesmo ! Espero que mais caixistas vejam seus comentários, pq abriu meus olhos aqui, se não fossem os sonystas no blog do Xbox eu ainda estaria sendo alienado ao Xboxta.

      /ironic mode=off

      1. O xbox one X é um belo vídeo game, triste é que não teve muita utilidade para jogos, é um verdadeiro desperdício, Xbox one base estava de muito bom tamanho para a geração que vimos

        1. Não concordo contigo, se for pensar assim é como pensar em PC top, posso jogar os mesmos jogos que um PC mediano, mas vou ter melhor desempenho. Se for pensar assim PS4 PRO foi outro erro também, na boa, nem time eu defendo mais, fanatismo faz mal em todo lugar, até em religião faz mal, eu sempre escolho o serviço, produto ou aparelho que me oferecer maiores recursos na qual tenha um custo que se valha a pena pagar, no caso dos consoles, se amanhã for a Sony, irei pra ela, se for a Microsoft, vou continuar onde estou, o maior atrativo que a Sony tem hoje é os exclusivos e só, já tive meu PS4, joguei quase todos os exclusivos, porém são jogos com tempo de vida curta, que não são jogados por muito tempo depois de zerar, perde muito o sentido zerar de novo e o multiplayer não é interessante, nunca fui apegado aos exclusivos por causa disso, por isso não me prendo a plataforma. Os jogos que curto tem nos 2 consoles e o online é bem divertido e o jogo tem uma vida longa de anos de jogatina sem cansar.

          1. Ps4 Pró teve grandes exclusivos chupando o poder do vídeo game amigo e ainda tem mais pra sair, sabe que o real poder do console só é retirado de exclusivos e a Microsoft não fez isso, o xonao que eu tenho aqui roda tudo de boa.

    7. Se no ps5 capado está daquele jeito, imagina no séries x q tem mais poder.
      Do jeito q fala até parece q foi um evento da Sony apresentando um jogo qndo na verdade foi a epic q apresentou o novo motor gráfico no PS.

          1. Spiderman, Horizon, days gone, bloodborne, infamous, gtsport, tlou 2,ghost of tsushima, já jogou o final fantasy 7? E o nioh 2 ? A é esqueci, vc deve tá jogando street of rage kkkkk

          2. Spider Man só testei por enquanto, Horizon platinei joguinho mais ou menos campanha boa mas sidequests são um pé no saco, days gone sem pressa não pago mais q 50 naquilo, bloodborne pode ser um bom jogo mas não é estilo de jogo q gosto, infamous joguei 2 dias e já desinstalei do console jogo chato demais, jogo de corrida bom é Forza o resto é pra quem não tem xbox ou Pc, tsushima e tlou2 não saiu ainda, FF nunca joguei nenhum talvez jogue algum q está no game pass, nioh 2 não joguei nem o um nem pretendo por enquanto tenho jogos melhores pra terminar. Street of rage joguei um pouco bom jogo e de graça no game pass.
            Colocar infamous em lista é pq o desespero tá grande. E vc jogou esses jogos q citou? Cadê a id?

          3. Jr_simoes chupa, mas não vai fazer igual o outro que pediu minha ID, ver e não falar mais nada kkkk pq ficou chateado com o tanto que eu jogo né, infamous é desespero ? Desespero é bleeding edge, crackdown, Battletoads, INDIELANDIA, o que salva é o game pass e o trio de ferro.

          4. Uncharted PS3 1%, Gran turismo 5 1%, uncharted 3 PS3 1%, Killzone shadow fall 1%, tlou remastered 0%, until Dawn 5%, street fighter v 1%, little big planeta 3 0%, gravity rush 2 2%, Yakuza kiwami 1%. Até outro dia tava colocando Yakuza em lista e só jogou 1 até hj se é q pode dizer q jogou.
            Manda gamertag agora.

          5. Entendi, todos os jogos da Sony são ruins mas streets of rage é bom kkkkkkkkk
            Akakakakakakakak
            RETARDADO FANÁTICO, todos esses jogos que vc falou da Sony são excelentes, igual gears halo e forza do Xbox, mas é triste quando a pessoa não dá o braço a torcer, mente pra ele mesma, pobre alma.

          6. Ah vai pra lista de block, cansei de perder tempo com vc sempre a mesma ladainha de sempre e ainda tá partindo pra ofensa. Com vc não perco mais meu tempo. Vai lá jogar no seu console capado q eu vou jogar em 4k aqui flw.

      1. Volto a dizer pra quem realmente quiser ver um game “next gen” rodando, a Sony liberou um vídeo ok amigo, interpretação, só isso.

        1. Aquilo não é um jogo é uma tech demo e não foi a Sony q liberou foi a epic q mostrou o novo motor gráfico no console do PS apenas isso.

          1. Calma mano, amanhã as 17 não perca o que a Sony é capaz com 1.84 teraflops no ghost of tsushima, afinal o ps4 já teve 110 milhões de vendas confirmadas e essa base merece dois grandes jogos ainda…

          2. Tsushima já não é surpresa nenhuma, apesar q hj tenho mais interesse nele q no tlou2, pelo menos ele não teve a história vazada nem parece q vai ter a lacração do neil druckman.
            Exclusivos, depois vendas sempre o mesmo papo furado de sempre.

        1. Talvez mano, geralmente fico assim quando tô com frio, quando vi esse jogo aí chamei minha muie pra ver falei bem vem ver isso aqui, COMPRA PRA MIM KKKK, ISSO É NORMAL ?

    1. Fracasso total o ps3, vendeu 83 milhões de unidades aí caixistas falam que Xbox ONE vendendo 40 milhões é um arraso Kkkkkkkkkkkkk HIPÓCRITAS.

      1. Se não sabe o número de vendas é melhor ficar calado.

        https://www.sie.com/en/corporate/data.html
        (87.4 milhões de PS3 vendidos até 31 de março de 2017)

        https://www.nintendo.co.jp/ir/en/finance/hard_soft/index.html
        (101.63 milhões de Wii vendidos até 31 de março de 2020)

        https://www.gamespot.com/articles/e3-2014-399-xbox-one-out-now-xbox-360-sales-rise-to-84-million/1100-6420231/
        (84 milhões de Xbox 360 vendidos até 09 de junho de 2014, note que os resultados são próximos ao da Sony divulgados de 2017, quase 3 anos depois e o PS3 vendeu 3.4 milhões a mais do que o resultado do Xbox 360 de 2014, sem um parâmetro do Xbox 360 nesse mesmo tempo seria ridículo e uma burrice dizer que ele vendeu mais que o X360... E ainda você vem dizer que o PS3 foi líder, você é uma piada !)

          1. Não na geração do x360, o número dele sempre foi maior do que o do PS3, de todas as gerações, a única que a Sony perdeu (até o momento, foi no PS3, a briga foi bem acirrada entre Sony, Nintendo e Microsoft

      2. Wii vendeu mais burro. Além disso, a Sony tomou prejuízo a geração toda com PS3, em 2013 as ações totais da Sony valia menos que um app de mensagem de celular. 16 bilhões, WhatsApp foi comprado por 20 bilhões.

  24. Não não vendas não é sinônimo de sucesso não!
    Vou colocar uma barraca na feira pra vender tomate…se a barraca ao lado vender 3x mais que eu vou insistir que eu tive sucesso!

  25. Ray Tracing – Techdemo estava sem RT.
    O ray tracing acelerado de hardware será suportado no Unreal Engine 5, por exemplo, mas não faz parte da demonstração tecnológica do PS5 revelada hoje.

    Resolução: 1440p – 3840×2160
    “Assim, quando a carga de GPU fica alta, podemos diminuir um pouco a resolução da tela e então podemos nos adaptar a isso. Na demonstração, nós realmente usamos resolução dinâmica, embora ela acabe rendendo cerca de 1440p na maior parte do tempo.”

    Detalhe: estava rodando a techdemo em 30FPS.

    Tragam o nosso concorrente de volta!!!

    Serão esmagados, coitados!!!
    https://pbs.twimg.com/media/EX6QXByXkAEDGsy?format=jpg&name=4096x4096
    https://pbs.twimg.com/media/EX6P-qtXQAEsApg?format=jpg&name=4096x4096
    https://pbs.twimg.com/media/EX6P98iWsAEuFr0?format=jpg&name=4096x4096
    https://pbs.twimg.com/media/EX6P8_qWkAEQp8t?format=jpg&name=4096x4096

    https://www.eurogamer.net/articles/digitalfoundry-2020-this-is-next-gen-unreal-engine-running-on-playstation-5

        1. https://d2skuhm0vrry40.cloudfront.net/2020/articles/2020-05-12-18-07/Unreal_Engine_5_11.png/EG11/resize/1920x-1

          O cenário é mais real que a boneca de massinha, mas se deve ao fato que as texturas do quixel estarem a 8k.
          https://d2skuhm0vrry40.cloudfront.net/2020/articles/2020-05-12-18-07/Unreal_Engine_5_16.png/EG11/resize/1920x-1

          Sério? Você está precisando fazer um exame de vista.

  26. pior de tudo é que pq isso não saiu na entrevista?
    Já que o Yoshida falou pq não publicaram?
    Mas no fim das contas ele só disse a verdade eu ainda não conheci nenhum mercado onde uma empresa vende mais que o concorrente direto em um mercado e período de tempo e não seja considerado sucesso…

  27. Agr eu entendo o pq da Microsoft não considerar a Sony uma concorrente, o pensamento é muito diferente, enquanto a Microsoft pensa em um mercado muito maior,com ambições globais, a Sony tá presa na década de 2000 defendendo seu feudinho e limitando seu console e assim prejudicado seus consumidores.

  28. Muitos rumores e fake News, caixinhas esperem em 1 ano se irão ou não sofrer mais uma geração. Não adianta ficar se baseando em fofoquinha, a resposta de qual dos 2 consoles irá se sair de melhor vira daqui 1 ano

    1. João, n entendi a colocação sobre “sofrimento”… Eu por exemplo, só estou com tempo de jogar agora com essa quarentena, pq antes eu mau conseguia terminar um jogo e jah tinha outro imperdível me aguardando. Sempre tive PS, mudar n faz mau a ninguém, muito pelo contrário, acrescenta experiências, conhecimento, etc… Me fez um bem danado comprar um Xbox One, recomendaria de olhos fechados o Series X!
      Se o PS5 seria ruim, pior? De forma alguma, mas sem sombras de dúvidas a Microsoft oferece mais por menos!

  29. Parece argumento se sonysta na internet vendas vendae exclusivos exclusivos SSD SSD kkkkkkkk olha o que o CEO da Sony fala pqp! a paulada foi grande com o XSX que nem o console eles mostraram ainda!

      1. Quem tem dinheiro não compra o xbox one x e sim um pc, muito melhor, roda steam. Só pobres comparam xbox slim mesmo. Por isso xbox one x foi o maior fracasso da marca.

  30. Eu moro no Japão e aqui os números contam e muito a Sony tem de vender e vender muito para manter seus investidores ! Mas com essa postura estão apostando com a base de fãs “consolidada”? Grande erro a Microsoft estará trazendo de volta muito de seus consumidores perdidos com o fracasso do Xbox One no começo da geração devido as condições necessárias para se jogar sempre on line , kinect etc… Vocês já conhecem bem a história porém com a entrada e excelente admistração de Phil Spencer da next gen com o novo Xbox Serie X e modelos – ou + poderosos quem sabe ? E serviços como o Ultimate Game Pass (que simplesmente é imbátivel sou assinante), com o Xcloud e novas e antigas Ips dá para entender que a guerra não está só nos consoles a guerra pelos consumidores , a Microsoft visa também o público dos smartphones esse sim com seus bilhões de jogadores casuais que nessas plataformas oferece muitos jogos gratuitos porém com micro transações agora imaginem o Game pass no celular ? Bilhões pagando por mês com o inicio de 1 dolár e cobranças seguinte de 10 a 15 doláres ? Ainda acham que a Microsoft comprou e formou do zero tantos Estúdios para uma fábrica de Indies ? Marketing assombroso esse da Microsoft e uma visão de mercado impressionante de Phil Spencer !

  31. Na minha opinião Windows club, CEO da Sony não diz não espere pela vendas não ao ser questionado sobre o marketing do Xbox Series X. Na minha opinião. Ok Windows club.

  32. Resumindo: continuamos sendo arrogantes e desrespeitosos com nossos consumidores…e daí? Nós queremos é lucrar e ponto. Se não quiser comprar o PS5 a porta é logo ali ?

  33. Eu moro no Japão e aqui os números contam e muito a Sony tem de vender e vender muito para manter seus investidores ! Mas com essa postura estão apostando com a base de fãs “consolidada”? Grande erro a Microsoft estará trazendo de volta muito de seus consumidores perdidos com o fracasso do Xbox One no começo da geração devido as condições necessárias para se jogar sempre on line , kinect etc… Vocês já conhecem bem a história porém com a entrada e excelente admistração de Phil Spencer da next gen com o novo Xbox Serie X e modelos – ou + poderosos quem sabe ? E serviços como o Ultimate Game Pass (que simplesmente é imbátivel sou assinante), com o Xcloud e novas e antigas Ips dá para entender que a guerra não está só nos consoles a guerra pelos consumidores , a Microsoft visa também o público dos smartphones esse sim com seus bilhões de jogadores casuais que nessas plataformas oferece muitos jogos gratuitos porém com micro transações agora imaginem o Game pass no celular ? Bilhões pagando por mês com o inicio de 1 dolár e cobranças seguinte de 10 a 15 doláres ? Ainda acham que a Microsoft comprou e formou do zero tantos Estúdios para uma fábrica de Indies ? Marketing assombroso esse da Microsoft e uma visão de mercado impressionante de Phil Spencer !

  34. Só sei de uma coisa, to zerando varios jogos do gamepass ultimate, red dead redemption 2 é loco, quando a Sony respeitar o consumidor e lançar um serviço igual, talvez eu compre um ps, mas agora nem fudendo, jogos carissimos e suporte online pessimo !!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *