Dev Indie: “Xbox Game Pass se tornou o maior acordo financeiro que já fiz”

O desenvolvedor Davionne Gooden tem falado sobre sua aventura surreal RPG She Dreams Elsewhere em uma palestra na GDC Summer, destacando o impacto de seu jogo ter sido selecionado para Xbox Game Pass (via GamesIndustry.biz). É muito curioso notar estes exemplos de sucesso e como o Xbox Game Pass está ajudando com a indústria.

She Dreams Elsewhere estará chegará ao Xbox One e PC quando for lançado com o Xbox Game Pass no final de 2020, e Gooden revelou que o jogo foi selecionado para o serviço após um evento open house [email protected] no ano passado, resultando em “o maior acordo financeiro que eu já fiz “:

“Depois da casa aberta do [email protected], recebi algumas dicas de que conseguiria um contrato com o Game Pass, mas não sabia realmente o que isso significava ou o que isso envolvia.

“Foi formalmente oferecido em outubro de 2019, e era muito grande. Ainda é o maior acordo financeiro que eu já fiz, a ponto de pedir que eles repetisse os números na ligação“.

Embora Gooden não tenha conseguido falar sobre detalhes além do “suporte inicial”, bem como “um sistema de bônus também”, ele observou que o acordo do Game Pass acabou se revelando essencial para o projeto:

“Até aquele ponto, eu estava começando. O jogo foi financiado do bolso, por meio de shows de videografia e outras atividades pontuais. Eu também estava negociando com a editora na época, e o acordo da Game Pass me permitiu financiar o resto do jogo, torná-lo lucrativo e ainda fazer tudo o que eu queria fazer com uma editora, sem ter que ir atrás de uma editora. “

She Dreams Elsewhere é baseado numa história de uma menina que está em coma e você deve enfrentar seus senhos e crises de ansiedade para acordá-la. Este é mais um dos vários exemplos como mostra que o Xbox Game Pass pode transformar sonhos em realidade.

87 comments on “Dev Indie: “Xbox Game Pass se tornou o maior acordo financeiro que já fiz”

  1. Enquanto isso no console que não trás nenhum custo benefício para o consumidor…

    “Editora indie dispara: “jogos pequenos não vendem no PS4, mas Xbox e Switch valem a pena”

    https://www.windowsclub.com.br/editora-indie-dispara-jogos-pequenos-nao-vendem-no-ps4-mas-xbox-e-switch-valem-a-pena/

  2. O Game Pass é uma revolução no mercado de jogos tanto pras empresas quanto aos consumidores. Entrega excelente custo-benefício, incentiva o consumo, permite ao consumidor conhecer jogos que nunca conheceria, diminui custos da cadeia produtiva, aumenta os lucros das desenvolvedoras. MITO! A única coisa que o Game Pass vai “matar” são as mídias físicas e as falácias de haters.

  3. O Game Pass é uma revolução no mercado de jogos tanto pras empresas quanto aos consumidores. Entrega excelente custo-benefício, incentiva o consumo, permite ao consumidor conhecer jogos que nunca conheceria, diminui custos da cadeia produtiva, aumenta os lucros das desenvolvedoras. MITO! A única coisa que o Game Pass vai “matar” são as mídias físicas e as falácias de haters.

  4. JORGE, faz uma matéria, toda sexta feira, de jogos extremamente recomendados pra jogar no FDS, pra quem tem dúvida de qual o próximo vai baixar no GamePass, vai ser leitura garantida !

      1. baixei essa cria, mas foi pipocando uma game atras do outro no gamepass e promoçoes e estou ate o pescoço de games novamente kkkkkkkkkkkkk

        Mas esse Indibisible continua na lista de espera

          1. Indico o Shantae!!!

            Me indicaram ele aqui site e pirei no game que comprei até as DLCs e já estou de olho no que foi lançado há pouco para comprar!!!!

  5. Jogo AAA? 2000 pessoas trabalhando? Olha fracamente nunca levei em consideração essas coisas para se interessar por um jogo. De que adianta? O que mais tem no mercado de games sao grandes investimento com jogos ruins, seja pela gameplay ou narrativa mal feita. Sem contar as microtranzaçoes absurdas. O pior que esses termos se tornou meio que modinha por alguns gamers, se não é AAA ja é motivo de desdém. Apois nao é novidade alguma que tem muito indie ai que põe esses AAA no chinelo. Vale lembrar também que o incentivos a essas empresas pequenas os ajudam a trazer coisas ainda melhores no futuro.

  6. O Xbox pode ganhar muito se for um console mais inclusivo. O fato de você conseguir jogar via Xcloud poderá motivar muitos usuários (android) a comprar o controle e possivelmente um console da Microsoft (Xbox Series S). Eu vejo que um console de entrada pode atingir um público que deseja jogar games mais casuais, como Fifa e Forza por exemplo.

  7. Q lixão

    Digital Foundry analisa versão Early Access de Grounded
    Versão beta do game está executando a 900p 30fps no Xbox One S e 1080p 60fps no Xbox One X

    1. Eu gostei dessa análise, o foda é a IGN analisando Grounded e dando uma nota, se quer analisar, que faça a análise mas sem a nota, sem marcar o game, ele nem lançado foi.

  8. NO PLAYSTATION.

    “Para se ter ideia, a venda de jogos físicos representou 6% da receita
    total, enquanto as vendas de jogos digitais representaram 24% da
    receita, algo em torno de 1.37 bilhão de dólares. Porém, 41% da receita
    vem da venda de DLCs ou microtransações, gerando cerca de 2.29 bilhões
    de dólares.”

    Então, é assim que sustentam a indústria..kkkkkkkkkkk

    1. Acho que 8% vem de vendas de consoles. Por isso o subsidio é gigante nesses consoles, quanto mais vende, mais você consegue vender dlcs e microtransações dentro da plataforma. Agora tem um dado interessante, jogos da Sony não tem dlcs e microtransações, isso me faz crer que esse faturamento, vem de jogos de terceiros, como Fortnite, GTA V e ects, isso cai por terra a narrativa de que todo sonysta tem um PC para jogar melhor, pois não imagino que os cara teria um PC foda e jogaria esses jogos no Ps4 capado.

    2. Jogo físico só traz grana pra empresa na 1ª venda. Depois quem comprou vende o jogo, e o próximo revende, e nada dessa grana ir pra Produtora.

  9. Melhor jogo indie que já joguei foi cave story RECOMENDO MUITO foi criado por um cara só e é top demais.

    Quem tiver um switch tem cave story+ que é uma versão estendida do jogo original com mais quest,itens e etc quem não tem switch pode jogar o jogo original no PC,pode confiar que só vem coisa boa desse game.

    1. Ah, e quem tiver Mega Drive, tem uma ótima versão de Cave Story pra Mega Drive tbm.
      Mas meu indie favorito ainda é o Horizon Chase, não desmerecendo Cave Story.

  10. Acreditem em mim, o suporte da MS para indies é lindo demais. Alguns Devs ainda relutam e lançam no switch ou PS pelo numero da base que as duas oferecem, mas esse penamento cada vez mais esta sendo invalidado.

    1. Pois eu curti o jogo. Mas encaro ele como outro jogo de robôs. Se encarar como megaman é decepção, pois ele tem habilidades que o Megaman ñ tem mas ñ tem mtas outras q o Megaman tem. Tem chefes e fases legais, enfim, que jogou e zerou sabe que o jogo é bom. MAS poderia ser melhor, com polimento visual melhor, personagens com falas e mais movimentação durante os diálogos, etc. Acho q o Inafune falou demais. Devia ter prometido menos.

  11. Para o pequeno e médio desenvolvedor, estar sob o guarda-chuva do Gamepass é uma ótima escolha, por conta da receita recorrente.

    Através do Gamepass pude conhecer alguns incríveis jogos de pequeno e médio orçamento, como Mutant Year Zero, Children of Morta, A Plague Tale, Garden Between, Old´s Man Journey (esse é especial), Battle Chasers, Tacoma, What Remains of Edith Finch, Sterender, Hue, Late Shift, Abzu, e por aí vai, a lista é grande. Não deixei de apreciar os jogos de maior orçamento, mas já não são mais prioridade na minha jogatina, eu procuro mesclar, dentro do possível.

    1. Já jogou The Long Dark? É o melhor jogo de sobrevivência que joguei. Ele não aparece na loja BR no Xbox, mas funciona no PC de boa sem precisar alterar a região. Se não jogou, vale a pena, tem 3 capítulos no modo história.

  12. Engraçado que sonysta adora chamar o gamepass de mendigopass falando que mata a indústria, mas o psnow é o melhor serviço de todos e faz crescer a indústria, adoram falar que o cuphead chegou ao ps4, mas não falam nada do hellblade, enfim a hiprocrisia

  13. Bem, se você que está lendo isso e é desenvolvedor ou quer ser um, e está tendo dificuldades no seu projeto, siga em frente com suas ideias e aprenda a divulgar seu trabalho. A MS está realmente de olho no mercado indie com o [email protected] e se a sua ideia for boa, você tem uma chance de conseguir fazer uma carreira.

  14. Em resumo, com surgimento do GAMEPASS, a Microsoft criou uma ponte direita entre os pequenos e médios desenvolvedores a todos os tipos de consumidores, principalmente por causa do seu preço extremamente acessível.

  15. O Dev do Blazing Chrome tbm disse que GamePass foi uma ajuda e tanto para o desenvolvimento do jogo. Não sei como funciona pra jogo já feito, mas pra jogo ainda em desenvolvimento é feito um baita investimento nele.

  16. Se você é um Jumento vestido de sonysta, certamente irá criticar a Game Pass e sonhar com a Ps Now.
    Sonysta é a piada do mundo gamer que irá pagar pelo jogo Leôncio Morango e irá agradecer a sony por isso! kkkkk

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *