Carregando...

EA acaba de lançar o Origin Access Premier, um serviço por assinatura para seus jogos mais recentes

Depois de ser pioneira em serviços de jogos baseados em assinatura nos Xbox One e Windows PCs, a EA está avançando com o Origin Access Premier, um novo nível premium para seu serviço de assinatura para jogadores de PC. A novidade está disponível hoje por US$ 14,99/mês ou US$ 99,99/ano, e dará aos assinantes acesso antecipado às versões completas dos jogos futuros (incluindo conteúdo adicional – DLC), como Battlefield 5, FIFA 19 ou Anthem.

Isso é exatamente o que a Microsoft fez com o Xbox Games Pass, que agora incluirá todos os futuros jogos da Microsoft Studios no dia do lançamento. Para adoçar o pote, os membros do Origin Access Premier também desfrutarão de uma coleção em evolução de jogos para PC, além de 10% de desconto em compras digitais da Origin.

Nada muda para o serviço Origin Access pré-existente, exceto o novo nome “Origin Access Basic”. Esses assinantes ainda terão acesso aos últimos jogos da EA depois de esperarem alguns meses após o lançamento, bem como testes de tempo limitado para novos jogos da EA. Os membros do Origin Access Basic também podem atualizar para a nova o Premier a qualquer momento no site da Origin.

A EA não disse se um nível “Premier” também poderia vir para o EA Access, o equivalente ao Origin Access no console Xbox One da Microsoft, mas certamente seria uma adição bem-vinda. O EA Access precedeu o Xbox Games Pass no Xbox One, e o serviço agora tem sua própria guia dedicada na seção “Meus Jogos e Aplicativos” na dashboard do Xbox. A Microsoft e a EA compartilham a mesma abordagem voltada para o futuro dos serviços de jogos baseados em assinatura, e ainda não se sabe se outras grandes editoras, como a Ubisoft, poderiam seguir o exemplo.

O que vocês acharam?

Jorge Henrique
Sou advogado, jornalista e fã da plataforma Windows há cerca de 10 anos. Faço cobertura em eventos e estou diariamente atento a respeito do universo da Microsoft no que tange aos produtos para os consumidores. Respondo como editor-executivo do Windows Club. Estou no Facebook e no Instagram a sua disposição.