Estes são os novos detalhes vazados do próximo telefone da Microsoft, algo completamente inédito!

satya-nadella-lumia

A Microsoft prometeu o “dispositivo móvel definitivo“, algo híbrido entre um telefone e um PC. Tal aparelho é o mais esperado e especulado da Redmond. O CEO Satya Nadella afirmou que só bateria de frente com o Android e iOS se conseguisse “mudar as regras”, ou melhor, se a Microsoft revolucionasse nos campos dos dispositivos móveis. Bem, hora de você conhecer mais sobre isso.

O Windows Central detalhou segundo suas fontes confiáveis o novo dispositivo móvel da empresa, e parece até um sonho tirado dos conceitos. A Microsoft está trabalhando em um dispositivo dobrável com ênfase na caneta (assim como o Samsung Galaxy Note) e Ink que funciona com Windows 10, e que poderia chegar em 2018.

Embora os esforços móveis da Microsoft em relação ao Windows 10 Mobile estejam quase mortos, a empresa não vai abandonar o campo móvel. Enquanto o Windows em smartphones não é o foco, a Microsoft está esperando para criar um novo dispositivo móvel definitivo, uma nova categoria completamente diferente dos aparelhos atuais.

Ainda segundo o Windows da Central, tal dispositivo usará os projetos Windows Core SO e CShell. Ambos estes projetos desempenham um papel importante no próximo dispositivo móvel a Microsoft, que parece ser comumente referido como “Andromeda” na web.

O que exatamente este dispositivo Andromeda fará?

[youtube]UmIgNfp-MdI[/youtube]

De acordo com Windows da Central, o hardware protótipo Andrômeda será um tablet dobrável que executa o Windows 10 construído com o Windows Core OS, junto com CShell para tirar proveito de sua tela dobrável. Considerando que é dobrável, sendo um tablet, mas também foi projetado para caber no bolso, como uma espécie de telefone.

Sim, ele terá capacidades telefônicas, ou seja, você poderia substituir seu smartphone atual por ele e ainda ser capaz de receber chamadas e enviar textos. As fontes do Windows Central garantiram isso, porém, ele não vai ser vendido como um substituto dos smartphones, mas sim um dispositivo semelhante ao cancelado “Microsoft Courier“, Em suma, Andromeda é um caderno de bolso digital.

Agora imagine, os fãs da Microsoft estão para “vomitar arco-íris” com a ressureição do incrível Courier no corpo do “Surface Phone“.

Ele vem com aplicativos interessantes entrelaçados com ao OneNote com suporte ao Windows Ink. O aplicativo em si é como se fosse um caderno projetado de uma maneira que imita a escrita real, com páginas virtuais que se espalham através do dispositivo dobrável. Claro, uma vez que é o Windows também tem uma tela e menu Iniciar e a capacidade de executar aplicativos como Edge ou fotos.

É provável que Andromeda seja executado em ARM, o que significa que vai vir com o mais recente processador Snapdragon atual no momento de seu lançamento. Windows Central ainda não confirma se ele vai executar programas do Win32. Ele será capaz de executar aplicativos UWP, é claro.

A Microsoft não está a construir este dispositivo para o seu consumidor médio, não vai ser um concorrente do iPhone ou Android. Em vez disso, a Microsoft vai criar um mercado próprio com novos dispositivos. Não é difícil imaginar que este dispositivo seja comercializado como um jornal digital para empresas ou escolas. Lembrem-se, todo Surface tem um público alvo, os fabricantes parceiros que devem ampliar isso.

paten-folding-2patente-suface-phone-3

Muitas dessas informações não devem ser uma surpresa. A Microsoft vem revalidando patentes para dispositivos dobráveis desde o ano passado. Isso, juntamente com o sistema operacional CShell e Windows Core, e o fato de a Microsoft ter afirmado publicamente que, se for para retornar aos celulares, será com um novo tipo de dispositivo, não é difícil imaginar que a Microsoft consiga fazer algo assim.

Windows Central acredita que os parceiros de hardware da Microsoft também podem criar seus próprios dispositivos dobráveis semelhantes.

Perguntas não respondidas….

Há muitas coisas sobre esse dispositivo que ainda não sabemos. Por exemplo, não sabemos se o dispositivo possui uma tela unificada que dobra ao meio, ou duas ou mais telas separadas adjacentes por algum tipo de mecanismo de dobradiça. Nós também não sabemos sobre nenhuma das suas especificações, tamanho atual, preço, aparência ou nome.

As fontes dizem que, se este dispositivo for lançado, isso acontecerá no início de 2018 (isso é música para os meus ouvidos). Parece que a Microsoft está focando “em algum momento em 2018” por sua liberação. Não ficaria surpreso se isso fosse empurrado adiado, no entanto. Claro, considerando que este não é um produto oficialmente anunciado, a Microsoft pode alterar ou cancelar seus planos a qualquer momento, como já aconteceu com o Surface Mini.

Supondo que a Microsoft não cancele esses planos, seus futuros esforços móveis são incríveis. A fusão de dois produtos épicos e especulados por anos seria algo bem animador, e por favor, que rode Win32, meus lado gamer agradeceria imensamente.

O que vocês acharam? Hora de abandonar o smartphone?

199 comments on “Estes são os novos detalhes vazados do próximo telefone da Microsoft, algo completamente inédito!

  1. A capacidade que se tem de falar sobre o mesmo assunto, mas de forma diferente é incrível. Surface phone daqui, Surface phone dali… E nada….. Esperança …. Kkkkk

        1. Suporte ao Windows 10 ARM 32 vai até 2019 man. Mas faço aqui uma pergunta, tens certeza de que não vai mais ter Windows para dispositivos móveis?

          1. Tens certezas que depois do fiasco e das decisões erradas do Nadella, o consumidor final terá coragem de adquirir um produto Mobile com o sistema dela? Veja bem, vocês defendem demais a Microsoft no Mobile, e nem deveria, o próprio Nadella percebeu que foi um erro tremendo ter deixado os consumidores na mão, para ele assumir isso, é por que ele, já deve ter feito pesquisas e análises e percebeu que isso sujou o nome do sistema para Mobile e que sem o consumidor, nada irá para frente.

          2. Nadella toma decisões difíceis faz parte. Eu queria mais velocidade no processo masssssssssssss ele sabe o que faz 😀

            Perder é bom, assim os caras aparecem com algo novo. Como o Nadella mesmo diz, se for para ser mais um nem quero.

  2. Eu sinceramente perdi completamente a vontade de ter esse dispositivo… Se lançar ótimo, se não tudo bem… Tenho um Lumia 925 e estou aguardando o lançamento dos novos iPhones para trocar e sem dó depois de tudo… Para quem lembra do Courier, algumas pessoas que cansaram de esperar pela Microsoft, criaram um aplicativo para o iPad com as mesmas funcionalidades https://uploads.disquscdn.com/images/bd9f48badfb9e50fb951246689e82f6e95cb793c30080f52dcc4765da7fc04e5.jpg … Ele se chama Taposé

  3. Primeiro Windows Club, o consumidor quer algo barato e bom, veja que as vendas de Smartphone fira em torno dos intermediários, isso ai será caro demais. Outra coisa, o consumidor quer algo prático, e o Lumia 950 era prático, quando quiser algo de PC, usava o Continnum, quando não, ficava só no Smartphone. Microsoft não percebeu que Tablet nunca foi ameaça para Smartphone? Microsoft nunca percebeu que o povo não quer ter trabalho? Basta ver que as telas dos Smartphone cresceu e estacionou em 5.5 polegadas, as fabricantes perceberam que os consumidores não quer algo maior que isso. Qual o conforto deste produto definitivo para atender? E ai você virá e irá dizer: Basta usar o fone de ouvido para atender, mas quem ficará 24 horas com fone de ouvido na orelha? Sem mencionar que atender usando um produto que ficará do tamanho de uma tela, sem mencionar os jogos, vídeos, filmes, ficará tudo desengonçado, a tecnologia Continnum era a salvação, e isso ai, este produto serve somente para o corporativo.

    1. Foi o que eu venho opinando há tempos: essa “categoria revolucionária” ficará restrita a um nicho corporativo/elitista/entusiástica, somente isso…

      1. Ou não. Veja o Notebook e sua história, o mesmo foi dito sobre ele e tantos outros dispositivos. Logo se populariza.
        Eu particularmente não gosto da ideia de duas telas, mas tem gente que vai curtir a ideia. Tem público pra tudo.

        1. O meu problema reside na praticidade. Atualmente tenho um smartphone de 5.5 e já acho que o tamanho/espessura dele está no “limite”… maior será anti-prático… TALVEZ inventem soluções… aguardemos…

          1. Eu sou do público que gosta do W10 para desktops, gostava do WM10, gosta de hardware, gosta de placas de vídeo, NÃO GOSTA de games (tanto é que não opini nada nos posts deles, que são mais de 90% do site)… quer que eu continue vindo aqui? Sirvo assim? Já ajudei pessoas aqui com algumas dicas de BIOS, arquivos do Facebook para o antogo W10 feito péla própria MS e outras coisas…

          2. Realmente, tem gente que não quer Smartphone, mas a maioria quer, mas ninguém quer um Tablet, Tablet que fazem ligação nunca fizeram sucesso, será por que?

          3. Mais ou menos. Tudo tem um começo é um fim. O ciclo da Apple chegou ao ápice, vide recentes lançamentos e ano passado com o lançamento da ridícula touch bar. (Sim, eu experimentei a touch bar).

          4. Sua avô pode não ver a necessidade de um smartphone.

            Com as telas touch, muitos não apoiavam. O mundo não vai parar agora para ficar de acordo com seu gosto.

          5. Ok, desisto… difícil explicar para você que tem mercado para todos… mas o seu fanatismo não permite isso… fico por aqui…

          6. Isso depende da pessoa mesmo. Imagine uma pessoa com 1,90 m de altura, as mãos são grandes… Mas o tamanho exato desse aí na sua forma fechada ainda vamos descobrir.

      2. O que você quer dizer é que este dispositivo ficará bem atraente em países de primeiro mundo onde as pessoas podem pagar. Aqui será muito caro mas em algum anos se tornará acessível a todos.

          1. Não considere esse dispositivo que estamos debatendo como a única nova opção de telefone móvel com Windows.
            Se você acompanhar as notícias/vazamentos e levar tudo em consideração, não deveríamos esquecer o que foi revelado sobre o WCOS. Este sistema segundo as fontes confiáveis será modulado, ou seja, a MS ou OEMs parceiras poderão lançar aquilo que faz mais sentido para o hardware que vão usar. Nada impede de alguma parceira lançar um novo dispositivo simplesmente igual a um smartphone, com apenas uma tela, não dobrável, e usando o WCOS. Entendeu? Outro dia saiu um rumor de que a HP estaria tentando protótipos com o novo WCOS, dúvido que seja um dispositivo dobrável.

      1. Nenhum produto da linha Surface é para consumidor médio.

        Surface Laptop = estudantes

        Surface Pro = corporativo

        Surface Book/Studio = designers.

        Todo são modelos para serem copiados, incrível como o pessoal aqui ainda não entendeu algo tão básico.

        1. Pois é: então você pergunta a NÓS se “é hora de abandonar o smartphone”??? Aqui quase 100% são consumidores “médios” para baixo… pelo menos no BraZil… talvez você deveria fazer essa pergunta nos EUA, na Europa, na parte rica da Ásia…

          1. Isso é um modelo, a Microsoft não quer atingir a massa com sua linha.

            São modelos a serem copiados. Galera, isso é o básico, vocês não são novos aqui e no texto mesmo isso foi dito.

            Novos públicos podem ser o alvo, os parceiros que irão levar para a massa.

          2. A maioria saberá o que fazer com seu dinheiro caso tais dispositivos atinjam em massa o varejo. Como diz Jobs, nem os consumidores sabem o que querem.

          3. Concordo: mas foi você que perguntou se era a hora de abandonarmos os smartphones… a maioria acha que não… mas respeito sua opinião…

          4. Cara, eu acredito que tem muita coisa para se fazer com smartphones ainda. MS só vai trazer uma nova categoria, quem precisar ou quiser que abrace a ideia.

          5. Modelo a ser copiado, me mostre um Tablet inspirado no Surface que custa barato meu jovem? Me mostre, pois o Tablet barato que usa o Surface como modelo custa 600 reais, vem com o Windows 10 completo, até ai tudo bem, mas vem com apenas 1 GB de RAM, e 8 GB de ROM, o troço é lerdo demais… Belo modelo…rs

          6. Positivo aquele lixo? E com um Hardware porco para o sistema operacional usado? Pois Windows 10 nunca foi leve, é mais leve que um Windows 7, mas é pesado.

          7. Não é só no Brasil, segundo dados, as vendas maiores de Smartphones encontra-se nos modelos intermediários e baixo custo, os Top de linha vendem muito a nível Global, mas, são produtos mais limitados nas vendas.

      2. Justamente, isso que eu estou afirmando. Consumidor final não quer ter trabalho em manusear um produto, ter que desdobrar ele para ser útil, ter que usar fone de ouvido, por que ele aberto lembra um Tablet e sem mencionar que ele é dobrável, caiu, quebrou mais fácil.

        1. Com toda certeza ninguém será obrigatório a usar ele na sua forma aberta. Ainda não sabemos como será, mas algumas patentes mostram que ele terá tela visível também quando estiver fechado.

          1. Meu Deus, comprar um produto para ficar usando como se fosse Smartphone, e ainda quando fechado o troço será grosso e pesado… Tá bom.

    2. Não tem como lançar um dispositivo desse porte e com o WCOS com um processador inferior ao SD835, ou seja, este virá com tecnologia de ponto e por isso será caro, não tem outro jeito. Mas daqui uns anos o preço vai cair e este dispositivo vai popularizar.

    3. Cara, já foi, deu, já era, bola para frente. Esqueça esse assunto, cara. MS vai lançar isso, ou algo do gênero, para outras finalidades e mercado.
      Acabou Lumia e smartphones para MS.
      Agora tu fica nesse copia e cola texto toda vez que falam sobre esse assunto, poxa, acorda pra vida.
      A intenção não é ser rude com a sua pessoa, mas tu tá parecendo disco arranhado.
      Abraço!!!

        1. Mas estará sim, é só uma questão de tempo, não vai acontecer do dia pra noite. As pessoas tendem a migrar para aquilo que oferece mais. O fato é que a maior diferença entre smartphones e essa nova proposta é o sistema operacional. Mas se essa questão do hardware dobrável se confirmar, isso pode ser o outro ponto chave que irá representar o fim do modelo de hardware atual. Eu acredito que o hardware será apenas um detalhe, vamos continuar vendo o modelo de hardware atual, o que vai evoluir será principalmente o OS. Mais possibilidades e ferramentas antes exclusivas de PCs e tablets.

          1. Será:

            1 – Se for o sistema operacional, a Microsoft esta queimada justamente no setor Mobile, mesmo que o Windows 10 adapta-se a qualquer tela, o consumidor final não irá querer apostar de novo num sistema onde a empresa não cumpriu com suas promessas, e a prova maior e vou usar ela sempre é o Nadella ter admitido que errou ao deixar o consumidor final nas mãos, ou seja, ele percebeu que isso custou a imagem dele, da empresa neste setor e pode dificultar ou até mesmo, impedir que os planos para o consumo final cresça como ele quer.
            2 – Hardware o povo quer praticidade, por isso os Notebook são mais vendidos atualmente que Desktop, por que o povo quer praticidade, leva onde quer. Mas no ramo de telefones, este produto não será prático, pois o que o povo irá usar é o que usa sempre. Veja uma coisa, o povo usa Smartphone para ver Facebook, jogar uns joguinhos legais, para abrir o What’sapp e etc, este produto é voltado para quem faz mais coisas, coisas mais profundas e então não vejo motivo para os atuais consumidores comprar um produto que dobra a tela, não será prático, pois mesmo fechado, será grosso e pesado, mais frágil, pois caiu, quebra mais fácil e etc, para ter mais coisas. Sem mencionar que o Windows 10 usado nele é o Windows 10 completo com suporte a ARM, o qual este Windows 10 é mais pesado, pesado e exige muito mais RAM, mais Hardware, então esqueça produtos baratos baseados nele.

          2. É, a MS mudou de estratégia e não acredito que tenha feito conta das vendas do atual Windows mobile. Justamente para facilitar (a praticidade) a vida dos desenvolvedores e pra atrair mais foi o motivo da Microsoft unificar seu OS para o WCOS. Isso é um prato cheio para os consumidores que receberão mais apps e jogos. Por isso Nadella vê o setor de games como um dos pilares para a nova estratégia, esse será um diferencial em relação ao Android e IOS. A MS se adiantou e decidiu acabar com o Windows 10 mobile por esses motivos e vai apostar num produto que só será acessível a todos daqui uns 5 anos, ou menos, mas que já está no ponto exato do que eles querem entregar. Daí em diante é só evoluir o que eles criaram. Contudo, o Windows 10 mobile atual seria deixado de lado mais cedo ou mais tarde e ainda acho que os fãs/usuários deste sistema estão se adiantando quando concluem que estão sendo abandonados. Ora, vocês terão que trocar de dispositivo nos próximos 3 anos pois a bateria vai falhar e até lá esse surfacephone já estará mais acessível. Eu acredito que a MS embora tenha confirmado que não lançará algo barato, muito provavelmente vai querer ao máximo alinhar o preço dele com o praticado pela concorrência. Sobre a espessura, ninguém tem certeza, mas com certeza será fino sim, mesmo fechado, talvez 60% mais espesso que os smartphones, mas ainda estariam dentro do aceitável.

          3. Não considere esse dispositivo que estamos debatendo como a única nova opção de telefone móvel com Windows.

            Se você acompanhar as notícias/vazamentos e levar tudo em consideração, não deveríamos esquecer o que foi revelado sobre o WCOS. Este sistema segundo as fontes confiáveis será modulado, ou seja, a MS ou OEMs parceiras poderão lançar aquilo que faz mais sentido para o hardware que vão usar. Nada impede de alguma parceira lançar um novo dispositivo simplesmente igual a um smartphone, com apenas uma tela, não dobrável, e usando o WCOS. Esse surface phone debatido hoje tem uma proposta mais ousada, isso nós sabemos desde que apareceram os primeiros rumores. Claro que mesmo um dispositivo móvel com WCOS usando o sp835 ainda seria caro, como o 950XL é hoje, mas pelo menos já conquistaria um maior público por ser mais acessível.

      1. Só estou mostrando que este dispositivo só serve para o corporativo, e que o consumidor não quer produtos enormes, ele pode dobrar para ser levado, mas no manuseio não será fácil, para atender, se quiser conforto, fone de ouvido, senão, ficará com um troço enorme na orelha. Entendeu, Microsoft ela pensa em seus produtos analisando o setor corporativo, para o setor corporativo será bom, pois ajuda por exemplo nos serviços como Office, mas para o consumidor final, não será bom, por isso Smartphones estacionaram na tela de 5.5 polegadas.

          1. Não tem que abrir para atender? Sei, e a saída de som ficará aonde? Ou você irá atender por viva voz com todo mundo ouvindo? Desculpa cara, você nem sabe como será o produto ao afirmar que não terá que abrir para atender. O povo quer praticidade, o povo quer também privacidade. Eu me lembro que sugiram muitos Tablet que faziam ligação, pegava Chip, e nunca foi adiante, aliais, Tablet nunca fez sucesso, até mesmo os Tablet baseados no Surface, nunca fizeram sucesso estrondoso. Por que o povo não precisa deles o tempo todo, por que eles são ruins para levar, eles são ruins para manusear. Veja que se fosse fácil manusear, eles não teria um suporte para transformar eles em Notebook, pois o tamanho atrapalha. Microsoft vai ter que orar muito, mas muito mesmo.

          2. o ZTE não precisa abrir para atender. Você sofre de ansiedade? Imagina tantas coisas que não foram ditas ou confirmadas, muito estranho.

          3. Eu sofro de ansiedade? Quem sofre é você, que todo dia posta uma matéria parecida sobre este produto dobrável. E além do mais, Microsoft esta queimada com o consumidor final, não é atoa que Nadella veio a culpa assumir que ele errou, ele assumiu a culpabilidade dele. Resumindo tudo, qualquer produto Mobile que a Microsoft lançar, não fará sucesso, pois o consumidor final, lembrará das promessas quebradas, das coisas descontinuadas, do dinheiro que eles gastaram e não obteveram retorno prometido pela Microsoft e assim por diante.

          4. Inéditas? O povo esta achando que isso ai fará a Microsoft reerguer, mas não vai, ela pode até vender bem, mas não vai. Smartphones continuará sendo os mais vendidos e tendo mais focos pelos consumidores, pois o povo quer praticidade e este troço ai não é prático. Sem mencionar que é frágil, caiu, quebra fácil, e lá vai dinheiro jogado fora.

          5. Ilusão sua, não existem promessas quebradas nessa área. Se a MS continuará com telefones móveis então não há quebra de promessas. Se a MS não lançar outro dispositivo móvel com função de telefone aí sim, concordarei contigo.

        1. Depende, Rodrigo!
          Veja bem, se você como consumidor comum se adaptar com tal modelo, o que te impede de adquirir um?
          E se este novo dispositivo atender duas necessidades sua, particular e profissional?
          Já pensou nisso?
          Tudo que é novo, dito como revolucionário, nós ficamos sempre com o pé atrás. Porém, depois de vermos pessoas usando, também queremos entrar.
          Isso é um sentimento normal do ser humano, medo do novo ou do diferente.

      2. Cara com todo o respeito ,nunca duvide de uma empresa do tamanho da Microsoft ,estava desacreditado com na Xbox one E olha que eles fizeram com o Xbox one x, tu acha mesmo que eles não estamos pensando em tudo que vc falou aí …. Não sei não irmão mais acho que de novo vai falar a boca de muita gente esse dispositivo aí

        1. Não afirmei nada sobre isso que menciona. Eu disse que nos moldes atuais a MS não existe mais.
          MS vai criar uma categoria e com certeza muitos irão adotar a ideia.

    4. Se é um dispositivo dobrável, basta fecha lo para reduzir seu tamanho. Meu amigo tem um Samsung de 5.7″, esse 5.5″ tá pequeno rsrs. Gosto não se discute mesmo.

      1. Dispositivo dobrável, estou falando na hora de usar meu caro, usar, terá que abrir e pronto, estou falando em conforto, usabilidade, dobrar, dobrar é para guardar.

          1. Primeiro:

            1 – Abre se quiser? Que eu saiba ao fechar as duas telas ficarão indisponível, então, não, não abre se quiser, terá que abrir para usar.
            2 – Já tiveram Tablets que faziam ligação, e nunca venderam bem, por isso hoje é raro encontras eles.
            3 – Consumidor quer praticidade, segurança, conforto e privacidade.

            Este produto é para corporativo, não fará sucesso com o consumidor final, pois o consumidor final não quer ter trabalho de toda hora ter que abrir e fechar, abrir e fechar, o consumidor que apenas apertar um botão, ou clicar duas vezes na tela, ela desperta e usa. Sem mencionar que um produto dobrável se torna mais frágil, o conserto mais caro. Por isso os telefones Flip nunca fizeram sucesso quantos os telefones em barra.

            4 – Satya admitiu o erro, e ele admitiu o erro, por que ele sabe, que qualquer Mobile que a Microsoft lançar com o Windows 10, ela terá que convencer, e o filme esta queimado. Então meu caro, o Mobile dela, só fará sucesso se ela oferecer muito, mas muita coisa para o consumidor dar outra chance, e terá que já trazer o dispositivo abarrotado de aplicativo.

          2. Entendi muito bem, pena é você achar que o público que quer aparelhos finos e leves, vai querer comprar um produto grosso e pesado… Simples assim. Um produto que será mais frágil, pois ele é duas telas que usam um encaixe feito de dobradiça… Sacou?

          3. Vc ainda não entendeu. Na medida que a litografia desses processadores ficam menores, menores e mais leves ficam os dispositivos.

          4. Você não pode falar pelos outros, afirmando que ninguém quer isso ou aquilo. Deixa o negócio criar forma, entrar no mercado e ai sim poderemos especular.

            Outro detalhe, Rodrigo!

            Este sendo muito importante. Você lembra, não sei sua idade, mas quando os celulares nasceram eles eram gigantes, o mercado foi reduzindo os tamanhos aos poucos e ficando cada vez menores. Tempo foi passando e chegaram ao tamanho mínimo de tela, peso e espessura. Quando os smartphones entraram foi a mesma coisa, só que ao inverso. Chegaram menores e foi aumentando gradativamente até virarem Phablets.
            Então, tem público pra tudo. Esse dispositivo será a mesma coisa, vai se encaixar em um grupo, podendo expandir ou não. Isso vai depender se existe demanda ou não para este dispositivo agora.

          5. O que foi vazado explica que fechado ele terá a tela tipicamente vista em um smartphone, a mesma coisa que já existe, entendeu? Aberto vai ganhar a visão de um tablet ou desktop. Será como ter um dispositivo com três telas. Talvez será todo rodeado por uma única tela. No corpo do texto acima mostra o exemplo de uma patente.

          6. Meu jovem entenda, ele dobra e UMA tela desativa, a outra entra em interface de smartphone, e fica menor que muitos que estão no mercado atual.
            O problema mesmo seria a largura dele, pode ficar parecendo um X-tudo. O preço que pode ser bem elevado devido à tela grande e dobrável (se uma bordinha dobrada já aumenta pra cacete o preço dos galaxys). A fragilidade de não ter uma parte de trás do telefone “riscável”. A bateria que teria que ser mega ultra fucking foda.

            De resto seria como um tablet com windows 10, tenho um e recomendo muito, é um mini-computador.

        1. Eu também não curtia. Os celulares eram assim para deixa los menores, assim as telas eram ainda menores, o que pra mim era algo inaceitável. Mas essa proposta da Microsoft traz telas bem maiores e talvez nenhuma margem… Sei lá. Tô ansioso pra ver como será.

        2. Se a gente acompanhar as notícias/vazamentos e levar tudo em consideração, não deveríamos esquecer o que foi revelado sobre o WCOS. Este sistema segundo as fontes confiáveis será modulado, ou seja, a MS ou OEMs parceiras poderão lançar aquilo que faz mais sentido para o hardware que vão usar. Nada impede de alguma parceira lançar um novo dispositivo simplesmente igual a um smartphone, com apenas uma tela, mas usando o WCOS. Esse surface phone tem uma proposta mais ousada, isso nós sabemos desde que apareceram os primeiros rumores.

    5. pra brasileiro algo bom e barato é o galaxy da vida pq tem o app retrica deles e o Snapchat rs, microsoft está presa nesse ciclo e ela não pode ficar pagando para devs fazer apps, foco agora e por um device no bolso dos clientes isso q interessa, uma pq aumenta o numero de windows 10 e especialmente ajuda a loja a crescer, no dia q conseguirem encher a loja podem voltar no formato de smarts baratinhos pq terão os apoios dos devs.

  4. Obrigatório que rode Win32. E espero que até lá ela melhore a interface dos UWP: Fotos, Calendário, E-mail e Contatos. Favor também 2 USBC. Ele será sonho de consumo como os Surface, caro de se comprar rs.

      1. É o que eu mais quero. Os apps padrão UWP do Windows estão muito aquém em interface e funcionalidades. Espero esta mudança desde o lançamento do Win10. Só seguir o layout do finado Groove.

      1. Se for vendido como PC de bolso seria muito interessante dois USB-C para conectar periféricos e carregar ao mesmo tempo. Não que seja obrigatório, mas seria um super diferencial.

  5. Brasileiro quer um aparelho que faça ligações, mande mensagens via WhatsApp, acesse internet e seu Facebook e que possa ser colocado no bolso da calça jeans, (dianteiro e até no bolso traseiro)… esse dispositivo permitirá isso?

          1. No bolso de traz quebra… No bolso da frente não cabe… Em qualquer bolso fica a vista do ladrão… Não tem jeito, nunca vai ficar perfeito. Pode ser que o surface phone estabeleça novamente as 4″ como padrão sendo que aberto traria umas 6″, quer teclar? Basta abrir. Atender e tirar fotos ou vídeos de forma instantânea? Fechado mesmo. Quem sabe? Vamos torcer por isso.

    1. INFELIZMENTE brasileiro só quer smartphone pra isso, alias internet, ainda bem que não me enquadro nessa lista, pois nem uso essas merdas de zap e facebosta. Estudar que é o essencial na internet quase ninguém faz. O país só recua porque o próprio povo do país só regride. A tecnologia apareceu aqui pra nós pra piorar a situação e mentalidade do povo. O efeito foi ao contrario. è uma tristeza

      1. É o que tem acontecido mesmo. É por isso num concurso público com mais de 10 mil inscritos e somente 300 vagas eu fiquei entre os classificados sem esforço. Povo não quer conhecimento, só querem teclar. Enquanto isso os ladrões fazem a festa na política Brasileira.

          1. Ainda está acima de concurseiro. Uma coisa é aquele que quer trabalhar pro setor público pq gosta/vocação, e outra coisa são aqueles que querem enriquecer sendo funcionário públicos.

        1. pois é mas negar um surface pocket hj não existe com todas as evidencias, cshell, windows on arm, Nadella falando toda hr…antes eles não tinham interesse em um dispositivo de bolso (pq seria um smart comum e já tínhamos os lumias) hj não há pq não ter

  6. Não vai ser exatamente im game changer,nem acho que seja algo prático,vai ser mais um gadjet,com o agravante de não vir com o Android,ou ainda não deram conta que o que falhou foi o sistema,e não os aparelhos em si?Havia muitos aparelhos superiores,na altura,ao Lumia 930?

      1. ERA? Porque disseste era? Não tem mais atualização pra Windows 10 para dispositivos móveis? Vixxx agora morreu mesmo. #Techmanja

      1. Não sou hater, sou user muito de muito tempo ao ponto de indicar o sistema para muitos. Resumindo: Não sou hater. Só não gostei mesmo. Tá muito feio. kkk

  7. To de boa com meu moto g5 plus ,nunca mais volto pra device mobile da microsoft ,produtos q vou continuar com certeza windows e xbox msm , e alguns serviços dela mas qm sabe esse lendário telefone ai sai msm e surpreenda todo mundo

    1. Rapaz… Esses moto G5 estão bichados…

      Minhas duas irmãs tem um e ambos deram problema… Começa com toque/digitação fantasma ai começa a bugar de várias formas diferentes, e por fim, ele apaga e não ressuscita. O mais novo deu problema duas vezes e morreu, o outro é poucos meses mais velho, mas já está começando os fantasmas citados e a travar…

      Usou-se a garantia, mas a empresa fica enrolando para não trocar e não assume a responsabilidade.

      Espero que o seu seja de lotes com possíveis alterações e ajustes (se é que houve)

      1. 1 lote com certeza sua irmas pegou e eu tmb tive azar um novinho veio com dead pixel de fabrica , o outro com arranhado perto do microfone fiquei 1 mes esperando trocar 2 celular no submarino ,espero n dar problema nesse meu celular por pelo menos 1 ano

      2. O G4 tem toque fantasma.
        Os problemas do G5 são o App do Google.

        Quando comprei meu Moto G5 em abril, ele reiniciava de meia em meia hora, travava muito quando eu abria o Google App (puxando a tela da esquerda pra direita) e as vezes ele reiniciava parado, sozinho carregando na mesa.

        Depois de varias atualizações ele agora ta liso, perfeito.

  8. Minha mãe, minha prima, e praticamente boa parte da minha família só usa o celular para whatsapp e facebook, ou seja não estão nem ai para rodar aplicativos mais pesados, e nada do tipo, por isso se esse dispositivo sair (o que eu duvido), as vendas não vão ser boas, isso seria um produto de nicho, um produto caro de nicho

    1. Discordo. Eu sou hard user e trocaria facilmente meu Android por algo mais forte que rode até programas do Windows.

      Quanto aos erros, a Microsoft é conhecida por tentar até acertar e por isso é a gigante que é atualmente.

      1. Vc é hard user, logico que compraria. Mas o comentário do Túlio nao foi relacionado aos hard users.
        A Microsoft nao é gigante por tentar acertar, é gigante pelo monopólio criado desde o primeiro Windows vendido instalado nos NECs que quase quebrou o Apple Lisa.
        Lembra do Zune? Então… É por ai.

    2. Vc nao entendeu. a Microsoft não quer que a sua mae ou prima comprem esse aparelho. Surface Pro é nicho e é considerado sucesso de vendas. esse aparelho vai ser caro, usado por empresas, não por usuário comum

  9. Se é o híbrido PC/celular pelo qual espero há tanto tempo, ele virá com um dock para espetar teclado e mouse, correto? Do contrário, acho que MS não espera que alguém use um teclado num espaço que não dá para juntar os 10 dedos

    1. O sistema é Windows 10. Eles vendendo um dock especial ou não, basta você pegar a saída que tiver no aparelho, ligar num hub usb e conectar seu teclado ou mouse.

  10. A última coisa com Andrômeda no nome foi a maior merda que ja vimos…
    Então… Vamos esperar a MS lançar pra sabermos se o problema é a maldição do nome.

  11. Penso que será por aí, e para quem não quiser investir muito em um hardware tão forte, creio que as OEMs (Dell, HP, Lenovo, etc) renovarão os NETBOOKS (lembram deles? Foram superados pelos tablets há uns anos atrás), só que dessa vez com 6′ de tela, teclado físico dobrável ao invés da segunda tela, rodando em ARM e com o Win10 completo (ou o S), com suporte a LTE e e-SIM.

  12. Poderiam me ajudar amigos..
    Meu Lumia 950 está oscilando o sinal de rede, fica somente em 2G e as vezes sem nenhum sinal.
    Mui grato!

  13. Smartphone so serve pra falar, mandar mensagem, redes sociais e por ai vai. Quero ver esse aparelho ai rodar AutoCAD no talo, blender e cinema 4d. Fora editor de imagem, editor de videos… Se nao conseguir aguentar o tranco o pessoal so vai pagar por carcaça “dobrável”.

    1. ninguém que trabalha com cad ou software do tipo vai usar um tablet pra trabalhar. se esse dispositivo tiver uma caneta boa ja vai ser um sucesso, windows 10 com office full e boa bateria.

        1. Minha opinião, não, opinião da Microsoft que tem um pouquinho a mais de dinheiro que eu ou você para fazer uma pesquisa de mercado. Um pouquinho de estatística também ajuda se você estimar a quantidade de pessoas que precisam usar o AutoCAD ou o Office e quanto o tamanho da tela influencia em uma experiência ou outra.

          1. Nossa quanta maturidade! Para alguém que só fala de jogo, não tinha como esperar uma discussão mais inteligente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *