Carregando...

Google atrasa o lançamento do Progressive Web Apps na área de trabalho

Google atrasa o lançamento do Progressive Web Apps na área de trabalho

google-microsoft

Progressive Web Apps é uma tecnologia do Google que permite aos desenvolvedores criarem aplicativos da Web que se parecem e atuam exatamente como aplicativos nativos do sistema.

No ChromeOS, o Google deveria permitir os PWAs no início de 2018, substituindo os aplicativos tradicionais do Chrome. A Microsoft também espera aumentar o número de aplicativos adicionando Progressive Web Apps na sua loja e trabalhou com o Google para desenvolver a tecnologia.

Agora, o Google enviou um e-mail aos desenvolvedores dizendo que a substituição dos apps do Chrome em favor da PWA será atrasada. O gigante de buscas afirmou:

A equipe do Chrome agora está trabalhando para permitir a instalação de Progressive Web Apps (PWAs) na área de trabalho. Uma vez que esta funcionalidade seja lançada (direcionando a metade de 2018), os usuários poderão instalar aplicativos da web na área de trabalho e iniciá-los através de ícones e atalhos; semelhante à forma como o os apps do Chrome Apps podem ser instalado hoje.

Para permitir uma transição mais perfeita dos aplicativos Chrome para a web, o Chrome não removerá completamente o suporte para aplicativos Chrome no Windows, Mac ou Linux até que a instalação do PWA no Desktop esteja disponível em 2018. As linhas de tempo ainda são difíceis, mas isso será levará alguns meses depois do “início de 2018”.

Também reconhecemos que os PWAs na área de trabalho não substituirão todos os recursos dos aplicativos no Chrome. Nós estamos investigando maneiras de simplificar a transição para desenvolvedores que dependem de APIs exclusivas de aplicativos para o Chrome, e continuaremos focando nisso – em especial as API Sockets, HID e Serial.

A data de lançamento parece ter saído do início de 2018 para a metade do ano ou mais. É notável que os aplicativos do Chrome ainda parecem ter capacidades que os PWAs não terão, e parece que o Google deseja corrigir essa lacuna primeiro.

Enquanto os Progressive Web Apps estão sendo a grande aposta por muitos na indústria como a próxima onda de desenvolvimento de aplicativos, eles podem ajudar o Google, pois o Android nos Chromebooks não está dando certo, e ajudar a Microsoft a conseguir apps móveis, mesmo sem ter um plataforma móvel no mercado. Cada um com seus problemas.

Fonte: MSPoweUser

Jorge Henrique
Sou advogado, jornalista e fã da plataforma Windows há cerca de 10 anos. Faço cobertura em eventos e estou diariamente atento a respeito do universo da Microsoft no que tange aos produtos para os consumidores. Respondo como editor-executivo do Windows Club. Estou no Facebook e no Instagram a sua disposição.