Carregando...

Jim Ryan, o “inimigo da retrocompatibilidade”, será o novo CEO do Playstation

Jim Ryan da Sony foi o protagonista de muitas matérias polêmicas repassadas aqui pelo site por conta das  suas declarações, mas parece que a empresa japonesa concorda com a postura de Ryan já que ele será o novo presidente e CEO do Playstation a partir do dia primeiro de abril.

Assumindo o lugar de John Kodera, que em vez disso vai começar a focar nos serviços de rede da PlayStation, Jim Ryan será a cabeça central da próxima geração de consoles da Sony. Ryan não é novato na Sony. Enquanto ele está na indústria há muito tempo, ele é conhecido por algumas declarações controversas sobre jogos mais antigos.

Em uma entrevista à Time, Jim Ryan disse certa vez: “Quando nos debruçamos sobre a retrocompatibilidade, posso dizer que é um dos recursos mais solicitados, mas na verdade não é muito usada. Isso, e eu estava em um evento do Gran Turismo recentemente, onde eles tinham jogos para PS1, PS2, PS3 e PS4. Eles pareciam antigos, tipo, por que alguém jogaria isso?

No que diz respeito a retorcompatibilidade, o Xbox está atualmente fornece um método forte e popular para milhões de jogadores em todo o mundo. Ocorre que, o Xbox One consegue rodar também alguns jogos do Xbox original e Xbox 360 sem custo adicional para os jogadores por conta da retrocompatibilidade. Se a mentalidade de Jim não mudar, o PS5 poderá não rodar jogos do PS4, PS3 ou PS2.

Quanto ao novo cargo Ryan, o novo chefe da PlayStation está bastante satisfeito.

“É uma enorme honra ser convidado para assumir o papel de presidente e CEO da SIE”, disse Ryan.

“Eu vi o crescimento do negócio PlayStation e mudei maciçamente desde os primeiros dias, e espero poder usar bem essa experiência para reforçar os fundamentos do negócio de Game & Network Service, e na evolução do entretenimento que o PlayStation oferece à sua comunidade engajada e apaixonada.

“Trabalhando com John [Kodera] e a equipe da SIE em todo o mundo, estou comprometida em fortalecer as relações com nossos parceiros de negócios e continuar a fornecer as melhores experiências de entretenimento interativo que tornam PlayStation o melhor lugar para se jogar.”

Espero que, com seu novo cargo, Jim Ryan seja menos Don Mattrick e e se inspire no trabalho de Phill Spencer no que diz respeito ao futuro da PlayStation.

Jorge Henrique
Sou advogado, jornalista e fã da plataforma Windows há cerca de 10 anos. Faço cobertura em eventos e estou diariamente atento a respeito do universo da Microsoft no que tange aos produtos para os consumidores. Respondo como editor-executivo do Windows Club. Estou no Facebook e no Instagram a sua disposição.