Microsoft conseguiu da Sega os direitos do jogo clássico Alpha Protocol?

Há alguns dias, houve rumores de que o Alpha Protocol, um clássico da Sega, estava sendo eliminado das lojas digitais. Seus direitos de publicação expiraram. Hoje (20), uma novela sobre o assunto veio à tona, já que a Sega surpreendente  deu a entender que teria abandonado o título que teria ficado entregue nas mãos da Obsidian Entertainment, que faz parte do Xbox Game Studios da Microsoft.

Para entendermos o que está acontecendo, devemos indicar que o Alpha Protocol é um jogo desenvolvido pela Obsidian Entertainment, quando eles ainda faziam parte da Sega. Agora, após o abandono da Sega eles teriam pegado os direitos de publicação do Alpha Protocol. Isso poderia levar a relançá-lo sob o rótulo de Xbox Game Studios, ou seja, se tornar um exclusivo Microsoft.

No momento, se formos as lojas on-line como a Steam e outras, poderemos ver que o jogo não está mais disponível. A mensagem diz “A pedido do editor, o Alpha Protocol ™ não está mais à venda no Steam”. O Alpha Protocol foi lançado em 2010 em várias plataformas, incluindo o Xbox 360 e tornou-se propriedade intelectual da Obsidian Entertainment.

Com o Alpha Protocol™, a Obsidian Entertainment criou uma dramatização com jogo de tiro de suspense e todas as cédulas para se tornar um super sucesso. O enredo, ambientado no mundo da espionagem, narra as aventuras de Michael Thorton, um agente do governo treinado para neutralizar todos aqueles que põem em perigo a segurança nacional. Seu objetivo é endireitar as missões nas quais outros falham e evitar a catástrofe internacional, para o qual terá que usar toda sua habilidade e audácia, fazer indagações e usar a mesma regra com a qual seus inimigos pretendem detê-lo: o Alpha Protocol.

Tudo o que Thorton faz afetará o destino do mundo atual. É por isso que é tão importante que o jogador não apenas decida o que ele fará, mas também que personalidade e atitude o protagonista terá. A moderna mistura de combate (que se destaca pelo seu dinamismo), as possibilidades de avanço do personagem e os elementos retirados do papel conferem ao Alpha Protocol um ar inovador não usual neste gênero.

O que a Sega diz?

Hoje, a Sega afirmou ao site Eurogamer que ainda possui os direitos do título e só o removeu por conta de que as licenças com a trilha sonora do jogo.

Então não será um exclusivo Xbox?

Apesar da retratação da Sega, ainda existe a possibilidade do jogo ficar nas mãos da Obsidian. O estúdio se manifestou sobre o assunto da seguinte forma:

Temos visto o seu apoio e amor para Alpha Protocol e apreciamos muito isso! Vamos ver se há alguma coisa que podemos fazer para ajudar a trazê-lo de volta, mas até então: Obrigado!

Poderia ser o próximo trabalho da Obsidian?

Diante dessa polêmica, isso poderia oferecer ao Xbox Game Studios um novo jogo para trabalhar. Isto permitiria oferecer uma remasterização ou um reinício da franquia. A parte positiva é que Obsidian já trabalhou no Alpha Protocol, o que aceleraria o possível desenvolvimento deste jogo. Com isso, Obsidian teria um novo projeto no qual trabalhar de forma semelhante a outros jogos que funcionaram no passado como Fallout: New Vegas, KOTOR II ou Pillars of Eternity.

O que vocês acham?

29 comments on “Microsoft conseguiu da Sega os direitos do jogo clássico Alpha Protocol?

  1. Tem um jogo no Playstation que vale mais que a geração inteira do Xbox One. Esse jogo se chama Bloodborne. O dia que os caixistas tiverem Bloodborne no console deles, aí sim, vão poder conversar de igual pra igual com nós. Beleza? Falou

    1. Tão bom que todo sonysta tem ele né aff sempre o mesmo bla bla bla querendo impor gosto próprio kkkkkkkkkkkkk… cada um tem seu jogo de estimação kkkkkkkkkkk…

      1. Kkkkkkk tá de piada além desse jogo ser genérico e mais o menos nem mesmo é da Microsoft para vc chegar a comparar!

        Comparar jogo Multi Meia boca ai ja é foda!

    2. É aquele jogo que faz sonista pensar que é hadcore? Quer mesmo falar isso pra quem possui ninja gaiden black? ( o true, não a edição de teletubies do PS3)

        1. Caraca so tem esse jogo meia boca, Gears of War e Forza… e olha que em minha humilde opinião sao jogos bons mas que não fazem meu perfil tirando Gears of war que curto bastante… ja a Nintendo e Sony só jogo exclusivo bom… a cada 5 ao menos 3 são bons, ja a Microsoft a cada 5 e olhe la talvez 1 seja bom!

          1. Depende do gosto cara.
            Até hoje jogo Golden Axe 3 e é um jogo “fraco”.
            E acho ele um jogo bom como coop.
            Estes dias joguei Driver o pai do San Andreas.
            E te digo baita jogão.
            Então joga teu jogo e fica frio meu jovem.

          2. Meia boca é o seu rabo. É mais jogo que toda a biblioteca descartável que vc idolatra mas não suporta jogar.

          3. Vc quer ver minha biblioteca de jogos que comprei e nao a de Game Pass acessa ai minha Steam: Lordzin cuscuz

            Mesmo nome e mesma foto que esta ai no disqu!

  2. Alguém ai terminou Outer Wilds? Esse jogo tá sendo uma das melhores experiências que tive, eu fiz o final do game, mas ainda sobrou algumas pontas soltas que tenho que terminar, falta ir até a estação de energia solar, sei que os Nomai conseguiram chegar lá de uma forma segura, mas ainda não descobri, tentei ir com a nave mas o Sol com toda sua gravidade me puxa sempre. Falta também achar o Módulo 3 e o Hospedeiro, fui até o planeta Sombrio, mas lá é um labirinto que é difícil achar alguma coisa ali, fora os grandes monstro que vivem ali. Também falta navegar até a Lua Quântica, fora descobrir o Olho do Universo, já passei das 25 horas vejo que vou gastar muito ainda, quem não jogou, jogue este game, não é nada muito polido, mas vale a experiência, não consigo parar de jogar. Outro game que vale a pena, Void Bastard, zerei este também é o final é tão surpreendente quanto o final de Outer Wilds. Não precisa dar dicas sobre Outer Wilds pessoal, irei conseguir descobrir, afinal, este game só tem graça por causa da exploração, ansioso pra saber o que é o olho do universo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *