Carregando...

Microsoft não deveria comprar a Activision e Electronic Arts, segundo analista

A Microsoft tem comprado vários estúdios da indústria, e sabemos que é uma das empresas mais ricas do planeta. Tendo isso em vista, e muitos rumores que têm circulado nos últimos meses, alguns acreditam que a Redmond poderá dar uma cartada e comprar um gigante como a Activision e Electronic Arts, será mesmo?

 De um lado, a Electronic Arts, empresa responsável pela criação de grandes títulos como: da saga de um dos melhores jogos de FPS da história, Battlefield, aos melhores jogos relacionados ao esporte tradicional (FIFA, NHL, Golf ou NFL. Do outro lado, a segunda empresa que muitos visam como candidata é a Activision. Esta companhia californiana tem sido a criadora de grandes títulos como a saga de Call of Duty, no campo dos shooters ou do Guitar Hero.

Se olharmos para as palavras do analista Morgan Stanley, podemos ver que economicamente não é viável se apossar de uma das maiores empresas do setor:

Em suma, a economia de obter um forte retorno sobre tal aquisição parece ser um desafio. A Microsoft teria que pagar por fontes de receita que não pudessem ser replicadas após a aquisição.

No próximo X018 devemos ver algum movimento por parte da Microsoft na compra de alguma estúdio, teremos que aguardar até.

O que vocês acham? Valeria a pena a Microsoft abrir a carteira para pegar uma grande editora?

 

Fonte

Jorge Henrique
Sou advogado, jornalista e fã da plataforma Windows há cerca de 10 anos. Faço cobertura em eventos e estou diariamente atento a respeito do universo da Microsoft no que tange aos produtos para os consumidores. Respondo como editor-executivo do Windows Club. Estou no Facebook e no Instagram a sua disposição.