Carregando...

Nasce Xbox Game Studios, 13 equipes para competir com exclusivos

A rede de estúdios de desenvolvimento de videogame conhecida até agora como Microsoft Studios mudou seu nome recentemente. De agora em diante, temos que nos referir a ela como Xbox Game Studios, que não é, portanto, uma equipe única, mas uma divisão inteira à qual milhares de trabalhadores pertencem.

A expansão da divisão nos últimos meses tem sido muito forte, a maior já visto neste sector, na sequência da aquisição de várias empresas até então independentes (Compulsion Games, inXile Entertainment, Obsidian Entertainment, Playground Games, Ninja Theory e Undead Labs) e a criação a partir do zero de outras com personalizardes de renome, como The Initiative. A todos eles devemos acrescentar os que já formaram a Microsoft Studios (343 Industries, Turn 10 Studios, The Coalition, Minecraft, Rare e Global Publishing).

Portanto, Matt Booty, à frente da Xbox Game Studios, administrará um total de 13 divisões, algumas delas como Obsidian e Playground, com várias equipes separadas umas das outras, já que existem estúdio que estão criando mais de um jogo. Todos eles, trabalhando para produzir videogames para plataformas Microsoft com exceções como Minecraft, multiplataforma, ou Obsidian, que ainda tem um projeto que vai sair para PS4.

Durante o Inside Xbox, que ocorreu ontem à noite, Botty disse que nunca esteve “em um lugar melhor para oferecer um catálogo de jogos exclusivos para os fãs do Xbox, agora e no futuro”.

É ótimo ver que a Microsoft está expandindo a marca para englobar todas as suas ambições de jogos. Considerando que experiências como Hellblade:Senua’s Sacrifice, We Happy Few, The Outer Worlds e Minecraft estão disponíveis em outras plataformas, a mudança de nome também é uma ótima ferramenta promocional.

Jorge Henrique
Sou advogado, jornalista e fã da plataforma Windows há cerca de 10 anos. Faço cobertura em eventos e estou diariamente atento a respeito do universo da Microsoft no que tange aos produtos para os consumidores. Respondo como editor-executivo do Windows Club. Estou no Facebook e no Instagram a sua disposição.