Carregando...

Nova plataforma Game Stack da Microsoft é destinada a devs de jogos no iOS, Android, Nintendo e PlayStation

Antes da E3 2019 é a semana da GDC, a Microsoft já começou a anunciar suas várias tecnologias inéditas que se encaixam na visão de jogos da empresa além do console. Hoje, 14 de março de 2019, a Microsoft anunciou uma nova iniciativa chamada Game Stack, que combina todas as tecnologias de plataforma de jogos da empresa, incluindo PlayFab, DirectX, Visual Studio, App Center, Havok, a joia da coroa Azure e agora a Xbox Live.

Individualmente, cada uma das plataformas tem um histórico na comunidade de desenvolvedores da Microsoft como recursos estratificados, exceto a PlayFab, que parece ser o eixo central da nova iniciativa da empresa.

De acordo com Kareem Choudhry, vice-presidente corporativo da Microsoft Gaming Cloud, a recentemente adquirida PlayFab terá um grande papel na alavancagem do imenso poder da nuvem Azure da empresa e reaproveitada para desenvolvedores de jogos como uma ferramenta analítica em tempo real com recursos LiveOps que abrangem dispositivos e plataformas para incluir jogos no Android, PC, Web, Xbox, iOS, Nintendo Switch e até Playstation da Sony.

A próxima parte do Game Stack é o PlayFab, um serviço completo de back-end para criar e operar jogos ao vivo. Um ano atrás, recebemos a PlayFab na Microsoft por meio de uma aquisição. Hoje, temos o prazer de anunciar que estamos trazendo o PlayFab para a família Azure. Juntos, o Azure e o PlayFab são uma combinação poderosa: o Azure oferece confiabilidade, escala global e segurança em nível corporativo; O PlayFab fornece o Game Stack com serviços gerenciados de desenvolvimento de jogos, análises em tempo real e recursos LiveOps. No final do ano passado, vimos o que essas duas plataformas podem fazer junto com os servidores multijogador do PlayFab, que permitem que você inicie e amplie com segurança jogos com vários participantes hospedando dinamicamente seus servidores com o cloud computing do Azure.

Com este anúncio, a Microsoft parece estar jogando todo seu poder para atrair desenvolvedores ao Game Stack, tornando-se talvez o empreendimento mais ambicioso que a empresa fez em jogos desde que decidiu avançar com o Xbox original. Lembre-se, vários jogos atualmente, mesmo que no PS4, usam serviços da nuvem da Microsoft, além disso o próprio Havok foi usado no The Last of Us. É como se a Microsoft combinasse tudo isso.

Claro, a atenção do jogador pode ser mais estimulada com notícias da Microsoft comprando um estúdio como Rockstar ou EA, mas para a longevidade do Xbox como parte da evolução dos jogos, o Game Stack é uma grande aposta com muito retorno para desenvolvedores e jogadores.

Jorge Henrique
Sou advogado, jornalista e fã da plataforma Windows há cerca de 10 anos. Faço cobertura em eventos e estou diariamente atento a respeito do universo da Microsoft no que tange aos produtos para os consumidores. Respondo como editor-executivo do Windows Club. Estou no Facebook e no Instagram a sua disposição.