O catálogo completo da Bethesda pode estar no Xbox Game Pass, desde que Phil Spencer aprove

No início desta semana, a Microsoft comprou a Bethesda e todos os seus IPs e estúdios por US $ 7,5 bilhões, o que obviamente terá um grande impacto no futuro da indústria de videogames, mas também afetará seu passado. A Microsoft agora possui o vasto catálogo de jogos da Bethesda, incluindo entradas favoritas nas franquias Fallout, Elder Scrolls, Doom e Wolfenstein. Então, o que acontece com eles?

Bem, em uma nova entrevista com o Major Nelson do Xbox, o guru de marketing da Bethesda, Pete Hines, deu a entender que provavelmente veremos muito mais jogos da empresa, seu catálogo completo, talvez, no Xbox Game Pass (dependendo da aprovação de Phil Spencer, é claro) …

Um dos primeiros mantras que aprendi com Todd [Howard] foi: “Queremos o máximo de pessoas possível para jogar nossos jogos.” É muito trabalho e muito da sua vida você coloca para fazer algo, então eu quero que o maior número possível de pessoas tenha a chance de experimentar algo que eu criei.

[Xbox] Game Pass é uma ótima ferramenta para fazer isso. Então, ter mais do nosso catálogo antigo, ter todo o nosso catálogo antigo … é mais ou menos o que Phil [Spencer] decide fazer e quando … mas eu acho ótimo. Tem sido ótimo para nós. Adoramos ver as pessoas jogando nossos jogos e mal posso esperar para ver como isso continua a crescer.

No momento, a Microsoft mantém apenas uma coleção permanente de 100 a 150 jogos para Game Pass, mas considerando o quão drasticamente o número de jogos em seu catálogo aumentou repentinamente, talvez isso pudesse mudar? Eu não me oporia a pagar mais por algum tipo de cofre de jogo clássico, então eu poderia jogar os jogos isométricos originais do Fallout ou Morrowind novamente.

Cabe lembrar que, até mesmo os jogos da Microsoft, não entraram de uma vez só no Game Pass, foram em “ondas”, então é algo muito possível de acontecer também. Vamos Phil, seja um cara bom e faça acontecer.

O que você acha? Quais jogos clássicos da Bethesda você gostaria de jogar no Xbox Game Pass.

35 comments on “O catálogo completo da Bethesda pode estar no Xbox Game Pass, desde que Phil Spencer aprove

  1. acho que não Irão adicionar tudo de 1 vez, serão aos poucos. Tem que ter espaço para os outros lançamentos.
    São 21 estúdios pra abastecer o catálogo, fora os parceiros.

    1. também não da pra adicionar tudo de uma vez só quando quiser, pro jogo entrar no gamepass do PC primeiro eles tem que colocar o jogo na microsoft store e não é tão simples como copiar e colar em uma pasta não

    1. Sobre o Forza 7 já foi meio que falado que ele não entrou por possíveis problemas de licença. Já o novo Forza certeza que será day one no GamePass.

      1. Se ele estivesse com problemas de licença, nem poderia estar sendo comercializado isso aí é lorotinha! Igual quando a sony falou que não aprovava o Cross play pra protejer as crianças!

  2. Eu só quero que entre no catálogo todos os jogos recentes da franquia Wolfenstein, que merecem muito uma nova jogatina. Fora que terminei o segundo jogo muito apressado porque ia sair do GamePass, quero jogá-lo novamente com mais calma.

  3. A IGN passando a desinformação que os estúdios da Zenimax, incluisive a Bethesda, não vão fazer parte da Xbox Game Studios. Segundo a IGN, estes estudios vão atuar de forma independente, podendo produzir jogos para as plataformas que eles quiserem alem do Game Pass. Ou seja, a IGN dá a entender que vão produzir jogos para o PS5.
    Conclusão: A Microsoft pagou pela Zenimax o valor equivalente ao que a Disney pagou por Star Wars + Universo Marvel pra não mandar em quase nada. O jornalismo sonysta não tem limite pra ser tão podre.
    Postei este comentário em outra matéria, mas nesta se encaixa melhor.

    1. Jornalista pilantra demais, MS gastou 7.5 bi. para nada então.
      Vai ser tudo exclusivo cara, quem tem Playstation, pode esquecer jogos da Bethesda no PS.
      Vão ter apenas os 2 jogos que a Sony tem acordo.
      Ainda mais agora com o anuncio da Amazon entrando na parada.

    2. Vão quebrar a cara, quem acreditar na IGN. Tem coisas complicadas, como jogos já em desenvolvimento. Mas confio bem mais no insider, Jez Corden?, que respondeu a um sujeito dizendo que é óbvio que os jogos serão exclusivos.

      1. Eles estão ajudando as vendas de PS5. É um mercado de mais de uma centena de milhões de consumidores, um mercado multibilionário. Uma reportagem dessas influencia a escolha de muitas pessoas para a próxima geração. Não tem nada de inocente nesta reportagem.
        Eu espero que isso se volte contra eles e contra a Sony, muita gente vai ficar frustrada por causa de matérias e de marketing desonesto.

  4. Adicionar tudo de vez é complicado. O gamepass, por enquanto, tem foco em parcerias também com grandes desenvolvedoras bem como o equilíbrio na quantidade de jogos existentes para todas terem possibilidade de ganhar os royaltes por horas jogadas (provavelmente).

    Se a MS chegar colocando todos os jogos da Bethesda lá de uma vez, como ficaria isso? As grandes parceiras poderiam ficar assustadas e não quererem mais continuar visto que a própria MS virou concorrência pra elas

  5. finalmente um bom estúdio, pena que a bethesda vem vacilando em alguns casos, mas acho q ela consegue dar a volta por cima

  6. “O catálogo completo da Bethesda pode estar no Xbox Game Pass, desde que Phil Spencer aprove”
    Ih… ferrou, Phil Spencer não vai querer isso, é tão anti consumidor isso. Se botar no gamepass significa que os jogos são indies e não venderam nada.

  7. Eles devem estar estudando qual é a melhor estratégia. Ir colocando em doses homeopáticas ou perto do lançamento do Series X/S botar tudo de uma vez junto com a EA Play e fazer um mega marketing em cima…
    Acho melhor a segunda opção. Mas não entendo nada de marketing…
    Saudações Colosso

  8. Fato é que independentemente de como a MS vai gerir o lançamento das franquias da Microsoft Game Studio, nós gamers, podemos ficar tranquilos. São franquias suficientes pra nós abastece o ano inteiro.

    Vai ter mês com mais lançamento que outro. Mês mais minguado… Mas não vai ter nerd triste. Isso não vai.

  9. Adicionar de pouco em pouco é melhor até pro marketing, conseguindo “picos” de acesso ao gamepass, imagina num mês saber que TES 5 entrou, daqui 2 meses os fps, depois fallout, da pra angariar mais ondas de assinantes, dando aquela impressão de novidade toda hora, de pouco a pouco causa mais impacto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *