Carregando...

Phil Spencer: “nosso próximo console Xbox terá leitor de discos”

Assim como o Project Scorpio, que se tornou no Xbox One X, a Microsoft anunciou durante a sua conferência na E3 2019 o Project Scarlett, o seu novo console ultra poderoso para a próxima geração. Agora, Phil Spencer, líder da divisão de games da Microsoft, deu mais alguns detalhes da nova máquina, como por exemplo, ela terá leitor de mídia física.

Falando ao GamesIndustry, Spencer reiterou o objetivo da empresa de dar aos jogadores a escolha com todos os seus serviços, e isso se estende para a nova máquina do Project Scarlett. Ele acrescenta que acredita que o digital tem certas vantagens, mas a empresa não está disposta a forçar os jogadores para o caminho “totalmente digital”.

“Sim [discos físicos são parte do nosso futuro]”, diz ele.

“Nós sabemos, porque nós vemos, que mais e mais jogadores estão comprando digital. Achamos que a experiência em certos casos, especificamente se eu estou longe do meu console e tudo está no meu disco rígido é mais fácil manusear tudo, mas sabemos que as pessoas ainda têm discos.

“Então, mesmo quando lançamos coisas como a edição Xbox One S All-Digital, fomos muito claros com o nome porque não estou tentando confundir ninguém, que se você é alguém que tem uma biblioteca de discos, ou é assim que você quer adquirir o conteúdo, então você deve comprar o Xbox One S, não o Xbox One S All-Digital … e é por isso que o colocamos no nome, e sim, eu sei que diz SAD [SAD significa triste, e saíram memes que ele seria o “Xbox SAD” – Xbox triste por não suportar mídia física].

“Eu quero ser muito descritivo, porque não estou tentando confundir ninguém sobre quais são as opções. Eu quero dar às pessoas escolhas, e agora física é uma escolha que milhões de pessoas amam.”

Isso será um alívio para os varejistas de jogos físicos, que viram o streaming de jogos e os serviços de assinatura digital dominando a discussão do setor na E3.

O que vocês acham?

Jorge Henrique
Sou advogado, jornalista e fã da plataforma Windows há cerca de 10 anos. Faço cobertura em eventos e estou diariamente atento a respeito do universo da Microsoft no que tange aos produtos para os consumidores. Respondo como editor-executivo do Windows Club. Estou no Facebook e no Instagram a sua disposição.