Carregando...

Porta misteriosa do Xbox Series X é possivelmente para armazenamento, e ideal para um cartão CFExpress

Em janeiro, após um alarme falso durante o evento da AMD na CES, as portas traseiras do Xbox Series X foram reveladas de forma extraoficial. Era basicamente o que você esperaria – as portas HDMI normais, USB, Ethernet e áudio óptico, mas havia também uma entrada misteriosa que ninguém conseguia identificar. Alguns especularam que poderia ser para fins de depuração, mas parece que não é o caso.

De acordo com Brad Sams, especialista em vazamentos da Microsoft, no Thurrott.com, a porta misteriosa é, de fato, para expansão do armazenamento. Isso faz sentido, já que o Xbox Series X aproveitará as rápidas SSDs, talvez teremos um efeito colateral: você não poderá mais conectar nenhum disco rígido portátil antigo e barato para armazenamento extra.

Portanto, existe alguma maneira de supor que esse tipo de solução de expansão de armazenamento o Xbox Series X usará apenas examinando nosso slot recém-identificado? Bem, Sams especula em seu artigo – o slot de expansão de armazenamento parece ter cerca de 31 mm x 4 mm, que é quase o tamanho certo para um cartão de memória CFExpress Tipo B. O controle de memória Phison PS5019-E19T do Xbox One X (o chip que permite a transferência de dados de ponta entre um SSD e a CPU) também é compatível com cartões CFExpress Tipo B.

Os cartões CFExpress são a próxima geração de tecnologia de cartão de memória, fornecendo velocidades de leitura e gravação semelhantes a uma SSD. Dito isso, eles também são muito caros no momento – US $ 200 dólares por um cartão de 128 GB e US$ 600 por 512 GB. Então, a partir de agora, parece uma solução improvável de armazenamento, mas talvez a Microsoft esteja se preparando para o futuro? A tecnologia do cartão de memória se move rapidamente e os preços caem rapidamente, então em um ano ou dois, um cartão CFExpress pode ser uma solução real.

Claro, existem outras opções. A Microsoft poderia estar planejando usar SSDs NVMe padrão em algum tipo de pen drive personalizado ou compartimento de cartucho. Isso ajudaria na questão dos preços, pois um SSD NVMe M.2 de 512 GB custa apenas cerca de US $ 150. Ainda caro, mas não tão ruim quanto um cartão CFExpress.

A opção final, e menos atraente, é que a Microsoft esteja voltando à era PS2/Gamecube e planejane vender algum tipo de cartão de expansão de memória proprietário, mas isso parece extremamente improvável em 2020. Certamente não é algo que é provável que a Microsoft faça.

Quais são seus pensamentos sobre este assunto? Como a Microsoft deve abordar a expansão de memória do Xbox Series X? Existe realmente uma opção ideal?

Jorge Henrique
Sou advogado, jornalista e fã da plataforma Windows há cerca de 10 anos. Faço cobertura em eventos e estou diariamente atento a respeito do universo da Microsoft no que tange aos produtos para os consumidores. Respondo como editor-executivo do Windows Club. Estou no Facebook e no Instagram a sua disposição.