Carregando...

Quais jogos Phil Spencer trará do Japão para o Xbox One?

Yakuza Kiwami versão para PC| Sega

A Microsoft não desistiu do Japão, um mercado historicamente dominado por empresas nacionais. No início da semana passada, foi noticiado que Phil Spencer viajou para o Japão em busca de novos games ou estúdios para o Xbox One. Um tempo atrás, especificamente antes da E3 de 2017, Phil Spencer também viajou para a terra do Sol Nascente, e conseguiu coletar jogos imporantes como Dragon Ball Z ou Code: Vein e a chegada inédita de um título da franquia One Piece, com One Piece: World Seeker. Como você pode ver, eles são todos os jogos de renome produzidos pela Namco Bandai. Este final de semana, por exemplo, é possível testar Jump Force Beta no Xbox One. Diante disso, sabemos que essas viagens de Spencer são sempre valiosas.

A geração atual de consoles foi marcada por alguns títulos que demoraram um pouco mais a chegar no Xbox One como Nier: Automata. Além disso, vimos vários títulos do Final Fantasy que até agora chegando ao Xbox, falamos de jogos como Final Fantasy VII, Final Fantasy IX, Final Fantasy X / X-2 HD, o Final Fantasy XII The Zodiac Age ou mais recente, World Of Final Fantasy Máxima. Sem dúvida, uma grande farra de jogos da saga para os usuários do Xbox, dos quais muitos deles esperavam.

Outros possíveis jogos que a Microsoft foi em busca é o Yakuza da SEGA, já que os desenvolvedores não colocam empecilhos para que tal saga chegue em outras plataformas. Queremos ainda algo que substitua Scalebound, o possível NioH 2 e Ni No Kuni 2.

Destarte, o simples fato de Phil Spencer estar viajando e olhando para o mercado japonês é algo positivo, e que pode ter reflexos no X018, próximo grande evento do Xbox One, que esperamos ter boas notícias dessa viagem.

Quais as suas expectativas?

Jorge Henrique
Sou advogado, jornalista e fã da plataforma Windows há cerca de 10 anos. Faço cobertura em eventos e estou diariamente atento a respeito do universo da Microsoft no que tange aos produtos para os consumidores. Respondo como editor-executivo do Windows Club. Estou no Facebook e no Instagram a sua disposição.