Sea of ​​Thieves estreia no Steam alcançando o primeiro lugar em vendas

O Sea of ​​Thieves conseguiu se tornar, por seus próprios méritos, um dos IPs da Microsoft mais valorizados e amados por seus usuários; E é que o título de Rare conseguiu conquistar o público graças às importantes melhorias e atualizações que recebeu desde o seu lançamento, em 2018.

Até agora, o título estava disponível apenas no Xbox One e Windows 10 via Microsoft Store, mas hoje, o bem-sucedido título de Rare chega a uma nova comunidade, e é que Sea of ​​Thieves já está disponível no Steam, e parece que havia muito desejo de aproveite este título na plataforma Valve, pois o título conseguiu alcançar o primeiro lugar nas vendas do Steam poucas horas após seu lançamento.

A partir de hoje, e graças à chegada de Sea of ​​Thieves na plataforma Valve, temos a oportunidade de criar nossa equipe e navegar pelos mares em busca de aventura junto com nossos amigos do Steam, algo que ajudará muito a aumentar a grande comunidade que gosta deste título.

O jogo recebeu uma grande quantidade de conteúdo desde o seu lançamento, como a chegada das Grandes Histórias, uma série de missões que funcionam como um Modo de Campanha e que nos permitem embarcar com nossa equipe em emocionantes missões, onde revelaremos os segredos que esconde. Seja de ladrões e teremos recompensas importantes.

Lembramos que, como em todos os títulos do Xbox Game Studios, você pode encontrar esse título disponível no Xbox Game Pass, tanto na versão para console quanto na versão para PC. Mantenha-se conectado ao Windows Club para ser informado de todas as notícias relacionadas ao Sea of ​​Thieves.

162 comments on “Sea of ​​Thieves estreia no Steam alcançando o primeiro lugar em vendas

    1. Eu já acho difícil. Mesmo os dois tendo a mesma recepção no lançamento, Sea of Thieves ainda conseguiu vender bem e a Rare fez um bom planejamento do pós game do jogo. Coisa que aparentemente a Ninja Theory não fez.

    2. acho dificil pq o fator mmo do sot é bem inovador e diferente dos jogos multi mais jogados. E provavelmente pela quantidade de pessoas trabalhando a ninja nao consiga ter um otimo planejamento pós game. Mas torço pra que dê certo

    3. Acho dificil, se queimou muito no lançamento do BE por apresentar um jogo extremamente raso.
      Só eu ou vocês acharam um péssimo lançamento também?
      Tipo, Abril ja teve o Ori, pra que lançar o BE nesse estado?
      Tenha dó né M$…ele precisava de mais tempo de desenvolvimento antes do lançamento.

  1. Eu disse que se chegasse na Steam, seria sucesso, Ori está em terceiro mundialmente, Sea Of Thieves está em primeiro no Brasil e mundialmente.

    1. “Por algum motivo”, os jogos da Xbox Game Studios fazem sucesso na Steam.
      Até o vazio (mas com potencial) Bleeding Edge teve suas vendas por lá, mesmo a preço cheio.

  2. 150 reais, ainda achei caro, o jogo foi lançado há 2 anos, teria que custar 100, Microsoft deveria olhar isso e não seguir a Sony que está vendendo DS por 250 e com certeza vai vender HZD pelo mesmo preço.

          1. 10 anos de suporte, Jorge?
            Você leu isso em alguma fonte oficial ou é “achômetro”?
            Não estou tretando não, só queria entender mesmo…tenho curiosidade em saber por quanto tempo a M$ vai dar suporte ao SOT.

          2. A promessa é dez anos de suporte ao jogo é verdade. Eu só não me lembro se essa informação foi dada na E3 ou em entrevista.

          3. Caraca mano, isso é coisa demais, ta doido.
            Será que a comunidade manterá interesse no jogo após tanto tempo?

          4. Somente o GTA Online fará essa proeza. Não acho que outros jogos consiga no momento. Mas vai durar muito tempo, pelo menos mais uns 5 anos já tá bom.

        1. A não ser que ela tenha mudado, a steam fica com 30% das vendas.. Tanto que essa era uma das bandeiras da epic store que ficava só com 12%

      1. Cara, esses fanboys sonystas não representam a comunidade PS e muito menos a comunidade gamer como um todo; são um nicho de “doentes” e só.

      1. Caro Jorge, tem que chegar sim, esse jogo tem potencial de ser um novo Minecraft para Microsoft.
        Pode acreditar!! eu me formei em ANALISTA na game vicio..kkkkkk

    1. Eu acho a ideia interessante levar jogos com foco online pro PS, como é Minecraft; faria grande sucesso lá e no médio e longo prazo levaria o nome Xbox aos clientes da concorrente.

    1. Horizon Zero Dawn só no PS4 vendeu mais de 10 milhões imagina quando sair no PC, agr Sea of Thieves que está no Xbox , Microsoft Store e agr Steam com certeza não alcançou esse número, até pq está disponível no game pass.

  3. Aí um jogo que ja cogitei iniciar algumas vezes mas acabo sempre protelando.
    Quem sabe um dia desses começo explorar os mares da Rare .
    Culpo o gamepass por essa, mal consigo terminar um e já tem coisa nova pra jogar.

  4. Depois os sonystas vem falar que o jogo era ruim, flopado, depois de 2 anos ainda consegue chegar no top em vendas, já que vendas “importam”

  5. Com uma notícia dessas….
    Babaconistas estão rasgando o c…zinho com o seu controle de ps move!
    Isso ocorre pela raiva q eles tem pela Microsoft, pelos estúdios XBOX, e por não gostarem dos jogos “exclusivos console xbox one”!

    4KKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

  6. é jogao, so nao gosto de jogar sozinho e quando tento jogar com time, o time normalmente fica ausente, e haja saco pra reunir todo mundo denovo.

    1. Donkey Kong pertence à Nintendo. Agora como Banjo e Kazooie pertencem à Rare e apareceram em Smash Brothers, pode ser que tenha aontecido um acordo que a gente não sabe. Com jogos da MS aparecendo no Switch e personagens da Nintendo aparecendo em smart phones, existe a chance de aparecer alguma coisa…

    2. Isso mesmo, porque a IP pertence a Nintendo.
      Nesse caso, era cedida a RARE para desenvolver os jogos.
      Entretanto, a dona dos direitos é a Nintendo mesmo.

  7. Uma assinatura do GP pra PC custa 15 reais se não me engano. Se em vez de comprassem fossem assinar, pegariam o jogo e todos os outros do serviço pra PC, e o valor da assinatura cobriria 10 meses, que é o tempo de SoT entrar uma promoção e poderiam além de jogar todos os outros jogos, comprar ele por um valor mais baixo se quisessem… É o que eu faria pelo menos…

    1. Justo. Faz sentido.
      Infelizmente tem gente que não adere de maneira nenhuma a serviços de assinatura (eu tinha um amigo assim).
      Falava “Eu quero o jogo pra ser meu”.

  8. Agora eu quero ver a mídia fazer matéria disso e os youtuberzinhos TMB mas é óbvio q não farão nada pq é do Xbox mas se fosse um exclusivo do Playstation q chegasse ao steam NOSSA JOGÃO
    ….

  9. lembro de um jogo que quase deu certo pela rare. que é o conker bad for day, pensei que era um jogo infantil, mas notei que é um jogo para adultos, quem já viu esse jogo, sabe o que estou falando.

  10. E com isso varios arjumentos sonystas são derrubados de uma vez:

    -PCista é pirateiro e não compra jogo
    -PCista é monojogo.
    -Xbox GamePass vai falir a industria
    -Xbox GamePass faz as pessoas não comprarem mais jogos.
    -Sea of Thieves é um flop de vendas.

        1. A por favor né, nem o Twitter q é uma é uma rede social lacradora viu racismo naquele post. Os caras as vezes falam demais, mas eles divulgam mais coisas no Xbox, do q a própria XboxBR, q parece q só tem sonysta lá, pq se depende-se da Xbox BR, o Xbox aqui já taria morto.

  11. Esse jogo é top, não jogo sempre, mas quando lança algo novo mato a saudade, jogo desde o beta. Jogava muito quando não tinha “nada para fazer”

  12. “Ah, mas a Microsoft matou a Rare”
    “Seria melhor se a Rare tivesse ficado com a Nintendo”
    “A Microsoft obrigou a Rare a fazer jogos para o Kinect”
    “A Microsoft nunca deu liberdade da Rare”

    São frases que sempre costumo ver por aí sem embasamento nenhum com a intenção de difamar a marca.
    Tá aí o resultado, Sea of Thieves é a IP de mais sucesso da Rare.

      1. sim, principalmente por ser um MMO fantástico. Agora o problema seria que ferraria com o marketing do xbox e colocaria a plataforma totalmente em dúvida kkk, mas eu curtiria jogar com outras pessoas independente da plataforma

      2. Tbm nem ligo, quem é consolista nem se preocupa com isso apenas os doido que compra console pra jogar “exclusivos” que fica pilhados com essas coisas, principalmente quem tem o PC como plataforma principal

        1. Exatamente amigo tenho xbox e Pc e me sinto completo podendo alternar de plataforma sem nenhum problema quando sai o xcloud vai ser melhor poderei transformar meu cell em um portátil

          1. Jogo dessa forma também, Xbox e PC, acho maravilhoso! Com o XCloud vai ser a cereja do bolo.
            Amo essa integração.

      3. Jamais.
        A Xbox Game Studios precisa se impor, precisa de títulos-chave para se apresentar para o mundo. Deixa as franquias da RARE só no ecossistema Microsoft mesmo (Xbox, PC e Steam).
        Não concordo com nenhuma franquia da RARE indo para plataformas concorrentes (PS e Nintendo).

          1. Sim, eu compreendo, mas é executada quase que 100% no ecossistema Windows, então não é concorrente da M$ e ela continua ganhando.

          2. Eu sei amigo, mas você quer discutir sobre o percentual de uso? Sobre a relevância de cada OS nos usuários da Steam?
            Inclusive nos requisitos do jogo na Steam diz que Windows 10 é obrigatório.
            Anyway…Steam não é concorrente da divisão gaming da M$, pelo contrário, estão fazendo $$ e fãs por lá.

          3. Sim, meu caro colega, mas não é essa a discussão. Você simplesmente AFIRMOU que era uma plataforma Microsoft e/ou exclusiva da Microsoft com o Windows, e não é… Não quero saber se 90% da base está no Windows.

          4. Sim, existe Steam para Mac e Linux, mas se a dona do jogo colocar para o jogo funcionar só no Windows, não tem como rodar nos outros sistemas.

          5. Sim, estou plenamente ciente disso, o que não muda o fato do comentário dele ser equivocado, pois a Steam continua não sendo exclusiva da Microsoft e tão pouco do Windows

    1. o que mais dá odio nem é o pessoal falar isso, mas sim ficar spamando essa bobagem em noticia que é pra fãs do jogo/xbox. Parece que esses famboys são mt atoa e tão sem o que jogar

    2. o foda é que é a Rare que quer fazer jogos assim. A microsoft pode até pedir um jogo de um jeito que eles querem mas quem decide é sempre a Rare. Eu queria ver jogo single-player dela tbm. Uma coisa não deveria excluir a outra

    3. A Rare era consagrada por ditar o mercado de jogos plataforma como Conker, DK, Banjo. E revolucionar o FPS em console com Goldeneye Perfect Dark. Ela foi comprada pela Microsoft por conta desse curriculum. Era uma especie de Naughty Dog ou Playground Games da epoca.
      Eu vejo que quem como eu, esperava por novas franquias como essas ou pelo menos uma continuação de qualidade a Rare continua devendo.
      Os unicos jogos que eu realmente gostei da Rare no Xbox foi Conker Reload pro Xbox Original e Killer Instinct 2013 mesmo assim nem sei se foi ela que produziu esse ultimo.
      Banjo e Perfect Dark do 360 foi muito abaixo da expectativa. Viva Pinata, Kameo e Sea of Thieves são bons jogos, mas muito longe do potencial que a empresa tinha no passado.

        1. Exato! Vi aqui agora. Ela só deu suporte no desenvolvimento. Eu estava na duvida porque não vi o logo da Rare na capinha do jogo aqui. rsrsrsrs…

      1. Como vc mesmo disse, a ideia da Rare é “revolucionar”.. Eles ajudaram a definir os jogos de plataforma os de FPS e depois seguiram tentando fazer coisas novas.. Fica fazendo remake (como KI, battetloads) ela deixa pra outros..
        Foram fazer jogos de kinect pra experimenta coisas novas, Sea of Thieves, gostando ou não é um jogo diferente do que se tem no mercado.
        Eu sei que pra quem curte um genero especifico (tipo jogos da ND por exemplo) a vontade é que a empresa fique fazendo sempre a mesma coisa, só melhorando a formula.. mas a Rare não é esse tipo de empresa

      2. Concordo realmente mais a antiga gestão prendeu ela na bosta do Kinect ainda q o Phil chegou é libertou o estúdio estou interessado em everwild espero q seja o grande retorno da rare ao single player

        1. Acho que não vai ser single player. O proprio trailer de lançamento do jogo mostra mais de um “guerreiro”. Mas talvez seja focado em campanha (sozinho ou coop). Veremos.

  13. Parabéns para a Microsoft e para a RARE.
    Sea Of Thieves hoje é um excelente jogo.
    Sejam bem-vindos jogadores da Steam, nos encontraremos no mar!!
    Tamo junto.

  14. Enquanto a MS vai se expandindo (Steam, Samsung, xCloud Project etc.), a Sony vai se retraindo. É por isso que uma vai lançar o console mais poderoso da próxima geração, enquanto a outra está sem dinheiro para lançar a churrasqueira.

  15. lembro de um jogo que quase deu certo pela rare. que é o conker bad for day, pensei que era um jogo infantil, mas notei que é um jogo para adultos, quem já viu esse jogo, sabe o que estou falando.

  16. Não que precisasse, mas agora com mais essa evidência, não restam mais dúvidas quanto ao sucesso do jogo. Foi crescendo aos poucos.

  17. poderiam fazer um remake do banjo kazoie, e não a retrocompartibilidade, um remake com iluminação, gráficos melhores, e não ficar parecido com nintendo 64.

      1. Ela já disse q não tocará em Jogos antigos, se outro Studio se interessar pode fazer ela disse, mas ela mesmo não quer tocar Games antigos.

  18. “Ain mas Sea of Thieves flopou”. O resultado a gente vê hj, espero que este jogo consiga chegar nas outras plataformas tbm

  19. Rapaz, desde o lançamento nunca fui com a cara do game. Mas vou dar uma olhada nos canais de transmissão pra ver o porque de tantas pessoas estarem jogando ele! Talvez eu tenha julgado o livro pela capa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *