Sua assinatura ativa do EA Play se tornará Xbox Game Pass Ultimate

Um dos anúncios mais proeminentes de ontem foi a fusão da EA Play com o Xbox Game Pass Ultimate. Dessa forma, os usuários do serviço de assinatura da Microsoft podem desfrutar do serviço EA sem custo adicional, sim, de graça. Isso significa acesso ao catálogo e seus mais de 80 jogos, descontos exclusivos e dez horas de testes de jogos. Mas e se eu tiver uma assinatura ativa do serviço?

A resposta é simples, pois acontece o mesmo que quando temos uma conta Gold ou Xbox Game Pass e vamos para o Ultimate: passam a ser meses deste último. Existe uma conversão que é feita pela o sistema da Microsoft e ela é totalmente opcional.

Uma medida que a Microsoft tomou quando lançou seu serviço e que agora será replicado com o EA Play ao se associar. Para qualquer pessoa que tenha uma conta ativa com mais de 50 dias de assinatura, ela será convertida em meses de Xbox Game Pass Ultimate na proporção de 3:1. Ou seja, se tivermos um ano inteiro de EA Play, teremos 4 meses de Ultimate.

O EA Play se fundirá com o Xbox Game Pass Ultimate até o final de 2020. A partir de então, todos os usuários do serviço poderão desfrutá-lo no Xbox One, Xbox Series X, Xbox Series S e PCs com Windows 10.

42 comments on “Sua assinatura ativa do EA Play se tornará Xbox Game Pass Ultimate

  1. Os jogos da EA normalmente não me interessam mas a adição ao gamepass é ótima, até porque é certo que a EA não sabia o que fazer com o serviço já que deveria estar pegando poeira.

  2. O Xbox já anunciou os melhores jogos da próxima geração e a maior line up, mas eu gostaria de ver um trailer matador de perfect Dark ou a Game play do Hellblade para finalizar.

    1. Não me parece que a EA vai ser parte do Gamepass como deveria ser, no primeiro momento vai entrar os jogos que já estavam no catálogo mas depois vai funcionar como qualquer jogo que entra na lista mensal independente da Produtora.

    2. Com os usuários do Game Pass utilizando os jogos da EA, o potencial ganho com microtransações deve explodir, principalmente nos jogos mais lucrativos deles como Battlefield e Fifa.

      1. Exatamente, a imensa maioria dos jogos do ea play contém dlc e/ou micro transações e a ea tá cagando pra vender jogo ela quer vender isso e o gamepass é um serviço cm milhões de assinantes ativos e q já foi provado várias vezes que jogos que entram lá tem maior venda geral, isso inclui dlc e micro transações

    1. E aí, Netto, você que gosta de postar falácias aqui, demos rodando e deturpar declarações, já se desculpou pelo Gears 5 rodando a 120fps no XSS (isso mesmo, no S, que o PS5 não conseguirá alcançar o mesmo desempenho…), por Valhalla confirmado a 4k nativo e 60fps no XSX?

    1. A pegadinha e que ela tá querendo lucrar em cima das micro transações dos seus jogos pelo pass

      Já foi provado que jogos que entram no gamepass tem um aumento de vendas, seja do jogo, seja de dlc , seja micro transação, o q for

      A ea tem dlc ou micro transação em uma grande parte de seus jogos no EA play, qs nada lá e “100% limpo” então dá pra perceber qual o plano dela em unir cm o serviço que tem mais de 10 milhões de assinaturas ativas…

  3. Esta geração o que limitou o ganho de desempenho (e falo aqui estritamente de fps) foram as CPUs, os processadores defasados dos consoles. E isso não será um problema na próxima geração. Tanto o XSX quanto o XSS entregarão muito bem os 60fps, até 120fps em alguns casos. A diferença estará na resolução, apenas; com o XSX com foco em 4k nativo e o XSS em 1440p. Cá entre nós, se a Microsoft mostrar os jogos rodando no XSS, este será um console IMBATÍVEL, que atenderá a maioria dos consumidores muito melhor que o XSX e a concorrência. Hatearam o XSX com o desempenho de Gears 5, Valhalla, etc. E ontem a Microsoft mostrou o XSS (isso, o S), rodando Gears 5 a 120fps (120fps!!! no talo); A Ubi confirmou 4k nativo e 60fps no XSX. Começaram os “tapas na cara” dos fanboys haters falastrões. Estou desconfiado que a concorrência terá que suar “quente”, muito “quente” pra superar o XSS. Mas será impossível justificar o preço. Enquanto o PS5 será aí uns 499 a 549 dólares, e sua versão Digital a 449 a 499 dólares, o XSS fará o mesmo (até melhor em alguns aspectos) por 299 dólares. E pra quem ainda tem alguma dúvida quanto a vantagem e o custo-benefício de ir de consoles Xbox (S ou X)… o Adrenaline montou um PC similar ao XSS e deu mais de 1000 dólares. Xeque-mate!!!
    https://www.youtube.com/watch?v=We9zBur0nLs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *