Cyberpunk 2077 foi anunciado em 2012, mas com The Witcher 3, suas expansões e Gwent como projetos em foco durante a maior parte do... Tudo o que sabemos sobre Cyberpunk 2077 até agora

Cyberpunk-2077

Cyberpunk 2077 foi anunciado em 2012, mas com The Witcher 3, suas expansões e Gwent como projetos em foco durante a maior parte do tempo, só ouvimos poucas coisas sobre o próximo RPG aberto da CD Projekt RED. Agora o Windows Club reuniu os últimos cinco anos de trechos e trailers de entrevistas sobre Cyberpunk 2077, um jogo que promete ser ainda maior que The Witcher 3 e com possíveis recursos para multiplayer e singleplayer.

Agora que a última expansão do The Witcher 3 foi lançada, a grande Blood and Wine, já disponível há mais de um ano, esperamos começar a ouvir e ver mais sobre o Cyberpunk. Até então, aqui está tudo o que sabemos até agora, tudo resumido, uma compilação de notícias para te ajudar a entender essa promissora obra de arte.

Qual é a data de lançamento do Cyberpunk 2077?

A CD Projekt comentava basicamente um “quando estiver pronto“, mas sabemos que planeja lançar o Cyberpunk 2077 entre 2017 e 2021, juntamente com outro RPG ainda não anunciado. Nós já ouvimos sobre Cyberpunk desde 2012, então a expectativa é que este será lançado primeiro. Nosso palpite, então, é que o Cyberpunk 2077 será lançado no final de 2018 ou início de 2019.

Isso é respaldado por comentários de uma conferência de resultados financeiros de março de 2017 durante os quais os desenvolvedores da CD Projekt falaram que o progresso no Cyberpunk está “avançado“, mas que este ano “pertence ao Gwent“. O próximo ano, então, poderia pertencer a outra coisa – embora, claro, isso é especulação, e pode ser que demore ainda mais.

Quão grande será o Cyberpunk 2077?

Em setembro de 2016, aprendemos que a CD Projekt sugeriu que o Cyberpunk 2077 poderia apresentar uma “grande cidade viva” e “multiplayer sem costuras“.

Isso foi reforçado em 2015, no qual aprendemos que Cyberpunk 2077 será “muito maior do que qualquer outra coisa que CD Projekt Red fez antes“, incluindo The Witcher 3. Então, se tomarmos as palavras da CD Projekt RED como verdadeiras, Cyberpunk 2077 será excepcionalmente grande.

Multiplayer em um CD Projekt RPG?

Nós ouvimos pela primeira vez sobre os recursos para multiplayer em 2013, mas a CD Projekt RED claramente sabia que a palavra poderia agitar seus fãs. “Será uma experiência de RPG baseada em história com incríveis jogadas para um único jogador“, afirmou o diretor-gerente, Adam Badowski, em uma conversa de 2013 ao Eurogamer, “mas vamos adicionar recursos para vários jogadores“.

Recentemente, Adam Kicinski disse que os recursos multiplayer asseguraria ao Cyberpunk “sucesso a longo prazo“, o que causou algumas preocupações dado o tumulto atual sobre microtransações, especialmente com sistema de progressão de Star Wars Battlefront 2.

A CD Projekt respondeu às preocupações com um tweet destinado a tranquilizar os fãs de que eles irão dar o singleplayer épico ao estilo The Witcher. “Não se preocupe“, disse. “Ao pensar no CP2077, pense nada menos do que TW3 – grande jogador único, mundo aberto, um RPG baseado em história, você obtém o que você paga – sem besteira, apenas jogos honestos como com Wild Hunt“.

Onde se passa?

O Cyberpunk 2077 ocorre no ano de 2077 – o que parecer ser bem óbvio – no “ambiente sandbox” da Night City, uma cidade fictícia entre San Francisco e LA. Aqui está uma citação do livro da Night City:

“Uma comunidade urbana planejada e fundada em 1994 pelo empresário Richard Alix Night (1954 – 1998) Estabelecida à frente da Baía de Coronado e de frente para o Oceano Pacífico a oeste, Night City é uma cidade moderna do século XXI. Suas ruas largas e torres ultramodernas são o lar de mais de um milhão de pessoas, com mais quatro milhões e meio de habitantes nas maiores áreas da Night City de Westbrook, North Oak, Heywood, Pacifica, South Night City e Rancho Coronado.

Um lugar emocionante e vibrante para viver, Night City é ainda mais divertido de visitar; mundialmente famosa por seu slogan “A Cidade ao Modelo do Amanhã”, a área possui quase nove milhões de turistas, convenientes e viajantes corporativos todos os anos. Uma comunidade planejada com um sistema avançado de trânsito rápido. A Night City é um brilhante exemplo de Tecnologia Triunfante sobre o problema do passado “.

Essa é uma descrição otimista, é claro, deixando de lado as partes “desagradáveis” da Night City. Punks e banqueiros corporativos de todas as variedades vagam pelas ruas cheias de neblina, uma vez que são movidos por muçulmanos, e em 2023, as corporações estão abertamente em conflito. Cyberpunk 2077 mostrará o que aconteceu com a cidade após tal guerra.

O evento a que se refere aconteceu em 2024 na linha de tempo de Cyberpunk, o que significa que entramos na Night City um pouco mais de 50 anos depois que parte do centro da cidade foi destruída e, presumivelmente, reconstruída.

Em uma entrevista de 2017 ao  Rock Paper Shotgun, Pondsmith disse que os desenvolvedores do CD Projekt “conseguem“, e é por isso que ele está feliz em trabalhar com eles no jogo e explicou um pouco sobre sua abordagem aos temas do cyberpunk.

Outros detalhes

O compositor Marcin Przybyłowicz de ThWitcher 3 está trabalhando na trilha sonora.

Em 2013, a ideia era que eles pudessem gravar todo o diálogo no idioma de cada personagem – espanhol, por exemplo – e que o jogador use um implante de tradutor para decifrá-lo. O que parece muito legal.

Braindances“, uma forma de VR futurista e de drogas, desempenhará um papel importante. “As pessoas vivem a vida de outra pessoa enquanto dormem“, disse o designer de jogabilidade Marcin Janiszewski ao The Verge.

CD Projekt RED explicou que o Cyberpunk 2077 será um RPG como aqueles que foram construído anteriormente, e definitivamente não é um shooter multiplayer.

Em setembro de 2016, descobrimos que mais pessoas estão trabalhando no Cyberpunk do que nunca trabalhou no The Witcher 3 ao mesmo tempo.

Alguém recentemente tentou extorquir dinheiro da CD Projekt segurando documentos de design desatualizados como refém.

Ainda temos poucas informações, mas já dá para ficar bastante animado com o jogo, o que vocês acham?

jorgemoderador

Sou advogado e fã da plataforma Windows há cerca de 10 anos. Acompanho todos os produtos das Microsoft, inclusive como jogador do Xbox One.

Curta nossa nova página no Facebook!