Carregando...

Xbox Series X: SSD NVMe como RAM virtual está disponível para todos os desenvolvedores

Todos os desenvolvedores de jogos para o Xbox Series X podem usar o NVMe SSD interno como RAM virtual. Embora os desenvolvedores de jogos no setor de PCs não consigam assumir automaticamente que todos os compradores de jogos têm um disco rígido NVMe SSD, com o Xbox Series X será diferente.

Aqui, com o Xbox Series X, os desenvolvedores de jogos podem explorar todo o potencial dos novos tipos de memória, pois a nova geração possui componentes fixos integrados e todos os designers sabem o que o cliente tem em casa.

O site PC Games Hardware teve a oportunidade de conversar com Phil Spencer na E3 2019 e conseguiram obter alguns detalhes interessantes dele, que só agora vieram à luz via Wccftech.

Quando perguntado pela PC Games Hardware como os desenvolvedores ainda podem usar o novo SSD em vez de apenas cuidar dos tempos de carregamento extremamente rápidos, Phil respondeu:

“Graças à sua velocidade, os desenvolvedores agora podem usar o SSD praticamente como RAM virtual. Os tempos de acesso ao SSD aproximam-se dos tempos de acesso à memória da geração atual do console. Obviamente, o sistema operacional deve permitir aos desenvolvedores acesso que excede o de um armazenamento puro. Mas então veremos como o espaço de endereço aumentará imensamente – comparável à mudança do Win16 para o Win32 ou, em alguns casos, o Win64″.

“É claro que o SSD ainda será mais lento que a RAM GDDR6 que fica diretamente no molde. Mas a capacidade de fornecer dados diretamente para a CPU e GPU via SSD permitirá a criação de mundos de jogo que não apenas serão mais ricos, mas também mais perfeitos. Não apenas em termos de tempos de carregamento puros, mas também no mapeamento do terreno. Um designer gráfico não precisa mais se preocupar quando o GDDR6 termina e quando o SSD é iniciado.”

Além disso, Phil Spencer acrescentou que isso também é possível para desenvolvedores de jogos multiplataforma.

Phil disse: “Os motores e ferramentas podem implementar funções apropriadas. Juntos, garantiremos uma base instalada maior – e os desenvolvedores farão todo o possível para dominar e dar suporte à programação desses recursos de hardware.”

O Windows Club tem acompanhado todos os detalhes técnicos do Xbox Series X, e muitas matérias estão a caminho, então fiquem ligados no nosso site!

Jorge Henrique
Sou advogado, jornalista e fã da plataforma Windows há cerca de 10 anos. Faço cobertura em eventos e estou diariamente atento a respeito do universo da Microsoft no que tange aos produtos para os consumidores. Respondo como editor-executivo do Windows Club. Estou no Facebook e no Instagram a sua disposição.