Carregando...

A Microsoft está se preparando para dispositivos dobráveis

A Microsoft está trabalhando na adaptação do Windows para trabalhar em dispositivos dobráveis. Algumas compilações do Windows adaptadas para tais aparelhos já estão disponíveis na rede.  Além disso, o The Verge afirma que a fabricante de software está tornando os dispositivos dobráveis ​​e o hardware de duas telas uma grande área de investimento para o Windows e o Surface. Esse investimento inclui a adaptação do próprio Windows e de seus muitos aplicativos integrados para trabalhar em telas e dispositivos dobráveis ​​com telas duplas.

Enquanto a Microsoft experimenta seu próprio hardware com duas telas, codinome Andromeda, a empresa também está trabalhando com a Intel e outros fabricantes para estarem prontos para os próximos anos. Os fabricantes de PCs desenvolveram uma série de dispositivos 2-em-1 para o Windows 8 há mais de cinco anos e esperamos ver um esforço similar para dispositivos dobráveis ​​e de tela dupla no Windows nos próximos anos.

A maior parte deste trabalho está relacionada ao Compellent Shell (C-Shell) e ao Windows Core OS, da Microsoft, uma versão mais modular do Windows Shell existente que alimenta muitas partes do Windows 10 atualmente. A primeira versão do Windows 10 (rs_shell_devices_foldables) projetada para dispositivos dobráveis ​​foi descoberta no início desta semana, revelando que a Microsoft tem uma equipe dedicada trabalhando na adaptação do shell do Windows para esse novo hardware. Isso não deve surpreender muitos observadores do Windows, já que a Microsoft vem integrando gradualmente mais de seu trabalho em duas telas nas primeiras builds do Windows 10 nos últimos meses.

Só vimos o trabalho secreto do Windows Core OS aparecer em dispositivos como o Surface Hub 2 até agora, mas hardware como o HoloLens 2 também deve começar a revelar mais como esse novo impulso modular do Windows será executado. Dispositivos de tela dupla e dobráveis ​​também não se limitam à Intel. Espere ver uma variedade de dispositivos de fabricantes de PCs que incluem chips com tecnologia ARM.

A Microsoft enfrentará forte concorrência no mercado de dispositivos de tela dupla e dobráveis. O Google já se comprometeu a oferecer suporte nativo a “foldables” para limitar a fragmentação, e o Android tem a vantagem de uma plataforma móvel para dispositivos que tentam mudar de um formato de smartphone para um tablet. Os smartphones dobráveis ​​já estão começando a aparecer, e 2019 é obrigado a dar início a uma nova batalha para redefinir os próximos formatos dos smartphones, tablet e notebooks.

Jorge Henrique
Sou advogado, jornalista e fã da plataforma Windows há cerca de 10 anos. Faço cobertura em eventos e estou diariamente atento a respeito do universo da Microsoft no que tange aos produtos para os consumidores. Respondo como editor-executivo do Windows Club. Estou no Facebook e no Instagram a sua disposição.

Curta nossa nova página no Facebook!