Carregando...

Pré-venda neles? Alta do dólar pode fazer preços dos jogos subirem, segundo Ubisoft

Pré-venda neles? Alta do dólar pode fazer preços dos jogos subirem, segundo Ubisoft

assassins-creed-odyssey

Uma avalanche de preços altos pode começar acontecer nas próximas semanas, e tudo isso vai depender economia brasileira.  Sabemos que não é tão recomendada a pré-venda de jogos por diversos motivos, mas fique esperto pois esta pode ser a solução para jogar Assassin’s Creed Odyssey e The Division 2 que estão programados para chegar ao mercado até o final do ano.

A francesa Ubisoft falou  que: “Se o dólar chegar a R$ 4, teremos de subir os preços dos jogos”, revela o francês Bertrand Chaverot, vice-presidente da Ubisoft na América Latina, em entrevista ao Estado durante a E3 2018.

Ocorre que, os preços dos jogos são centrados no dólar e um título ‘triple A’ custa em média US$ 60, valor padrão cobrado jogo nos EUA.

Atualmente, a Ubisoft comercializa seus lançamentos no Brasil ao preço sugerido de R$ 250.  “O último ano foi bem difícil com a crise econômica e ainda há instabilidade a vista, com as eleições. A situação na América Latina nunca foi tão assustadora”, diz Chaverot, que trabalha há 10 anos nesta função.

A saída para tudo isso poderá ser o comércio eletrônico, pois segundo ele  “Quando vendemos um jogo pelo varejo, ficamos só com 25% do valor total do game. No digital, essa margem sobe para 70%”, explica o executivo. Dessa forma, diz ele, é que a Ubisoft pode cortar 20% do preço na venda dos lançamentos em formato digital, vendidos a R$ 200 no País.

“Com o digital, não preciso pensar em ICMS ou greve dos caminhoneiros”, diz.

Ainda não é motivo para pânico, o dólar ainda não atingiu os quatro reais (mas está subindo!) e a Ubisoft poderá sustentar o preço apenas nas lojas digitais. Também fique acompanhando as notícias para saber se será o caso de realizar uma pré-venda para economizar ou não.

Jorge Henrique
Sou advogado, jornalista e fã da plataforma Windows há cerca de 10 anos. Faço cobertura em eventos e estou diariamente atento a respeito do universo da Microsoft no que tange aos produtos para os consumidores. Respondo como editor-executivo do Windows Club. Estou no Facebook e no Instagram a sua disposição.

Curta nossa nova página no Facebook!