Carregando...

A equipe do Xbox não se sentiu representada com o marketing do console em 2013

Phil Spencer lembrou o início complicado do Xbox One na geração e, especificamente, os erros cometidos na apresentação da plataforma em 2013, muito focados em “Xbox One como uma plataforma de televisão”.

Em uma entrevista à Gamespot, Spencer aponta que “mostramos coisas como o The Price is Right – o preço certo -” e que, na verdade, “o primeiro conteúdo mostrado em um Xbox One era um programa de televisão”. O console arrastou polêmicas sobre os rumores de um sistema sempre online e com algumas políticas contrárias ao que os jogadores queriam.

“Se você fosse um funcionário da equipe do Xbox, você fazia parte de uma equipe de centenas de pessoas que trabalhavam no Xbox. Mas havia um pequeno grupo na frente das câmeras, no palco e falando – sobre o console”. Esses funcionários poderiam ser divididos entre aqueles que pensavam “por que essa pessoa está dizendo isso? Não é o produto que estou fazendo ou por que fazemos isso? Não é o que eu pensei que faríamos”.

No marketing da plataforma, havia diretores de cinema como Steven Spielberg e JJ Abrams, e a ideia de uma experiência de entretenimento foi reforçada, com muitos minutos dedicados a filmes e programas de televisão. Os primeiros jogos de console foram da EA Sports, 30 minutos após o início da apresentação.

“A resposta dos funcionários, direta ou indiretamente, foi ‘temos trabalhado duro por dois anos para lançar este produto. Você aparece no palco e destrói tudo de bom que fizemos falando de uma forma que não se conecta com a alma do console e o que os clientes querem de nós “, diz Spencer.

A equipe ficou desapontada com a liderança da apresentação e leu as resenhas nos fóruns com “pessoas nos acusando de não ser honestas ou com más intenções” ao criar este produto.

O evento teve suas consequências, e a mais visível foi a saída de Don Mattrick, até então presidente da Interactive Entertainment Business na Microsoft. Logo após o dispositivo Kinect foi removido do pacote, o que permitiu reduzir o preço do console.

Jorge Henrique
Sou advogado, jornalista e fã da plataforma Windows há cerca de 10 anos. Faço cobertura em eventos e estou diariamente atento a respeito do universo da Microsoft no que tange aos produtos para os consumidores. Respondo como editor-executivo do Windows Club. Estou no Facebook e no Instagram a sua disposição.