Carregando...
0 1

A retrocompatibilidade e suas otimizações para o Xbox One X dão muito trabalho

A retrocompatibilidade e suas otimizações para o Xbox One X dão muito trabalho

Red-Dead-Redemption

A retrocompatibilidade com o Xbox One é um dos grandes pontos fortes que o console nos oferece neste momento. A possibilidade de desfrutar de jogos do Xbox clássico e do Xbox 360 é algo que todos os usuários gostam; novos e veteranos. Somando-se ao fato de que os jogos do Xbox Original estão disponíveis na loja do Xbox, isso torna a retrocompatibilidade um valor importante para a Microsoft. No entanto, o trabalho por trás é enorme. Bill Stillman, chefe encarregado da retrocompatibilidade do Xbox, se referiu ao trabalho por trás disso tudo. Entre outras coisas, porque a equipe “não gosta de fazer as coisas pela metade”.

“Estamos trabalhando constantemente para tornar o emulador mais preciso. Mas toda vez que o tornamos mais preciso, o tornamos menos poderoso. As melhorias para o Xbox One X são um ótimo trabalho, porque temos que ajustá-las para que não acarretem em mudanças no jogo. E nós não gostamos de trabalhos semi-assados”.

Stillman também falou das primeiras vezes que otimizaram jogos para o Xbox One X. Eric Heutchy, membro da equipe, se perguntou o que poderia fazer de um Xbox 360 para Xbox One X. Então decidiu construir o que eles tinham feito com os jogos do Xbox Original e aplicá-los ao Halo 3. O resultado foi incrível, como se fosse um novo jogo, de acordo com Stillman.

Finalmente, Stillman se referiu a um dos principais problemas com os quais a retrocompatibilidade do Xbox One foi encontrada: licença musical.

“Licenças de música geralmente são concedidas a um distribuidor ou usuário. Nos dias de Xbox 360 não havia streamings e as distribuidores compraram as licenças porque era o mais barato. No entanto, o Xbox One tem o GameDVR e o Game Boradcast, por isso, às vezes, o próprio contrato de licença proíbe a sua disseminação.

Jorge Henrique
Sou advogado, jornalista e fã da plataforma Windows há cerca de 10 anos. Faço cobertura em eventos e estou diariamente atento a respeito do universo da Microsoft no que tange aos produtos para os consumidores. Respondo como editor-executivo do Windows Club. Estou no Facebook e no Instagram a sua disposição.

Curta nossa nova página no Facebook!