Bungie quase retornou à Microsoft antes de assinar o acordo da Activision em 2010

Jogo Destiny da Bungie

O ex-compositor de Halo e Destiny, Marty O’Donnell, revelou que a desenvolvedora Bungie estava muito perto voltar com a Microsoft antes de assinar seu contrato de vários anos com a Activision em 2010 (via GamesIndustry.biz).

Em uma entrevista no canal HiddenXperia no YouTube, O’Donnell explicou que o acordo com a Activision “não era um casamento feito no céu”, dizendo que a equipe da Bungie “sabia que era um risco desde o início, e acabou sendo exatamente como pensávamos que seria. Eu sou o único que dirá isso, exceto quem não trabalha mais para a Bungie e todo mundo que não trabalha mais para a Bungie vai dizer: ‘Sim, foi ruim desde o início‘.”

O’Donnell também observou que a Bungie estava interessada em manter o controle completo de seu IP – algo que não era capaz de fazer com o Halo, que era de propriedade da Microsoft – e a Activision concordou com isso. No entanto, ele revelou que a Microsoft estava “muito perto de fazer uma [proposta] séria … nós quase voltamos, se você pode acreditar“.

O acordo da Bungie com a Activision terminou desde então, com as duas empresas se separando em janeiro do ano passado. Destiny 2 agora é totalmente auto-publicado pela Bungie, com planos plurianuais para o jogo.

A Microsoft se separou da desenvolvedora do Halo em 2007, quando a Bungie passou para uma empresa independente de capital fechado, enquanto a marca Halo permaneceu internamente com o Xbox. A suposta parceria teria distorcido drasticamente o futuro Destiny, que desfrutou de várias exclusividades por tempo limitado no PlayStation, como uma extensão de seu acordo com a Activision. O Destiny 2 mudou para um modelo free-to-play desde que partiu da Activision, com expansões de suporte agendadas para os próximos meses e estendendo-se para os consoles da próxima geração.

Você gostaria de ver a Bungie retornar à Microsoft em 2010? Deixe-nos saber abaixo.

41 comments on “Bungie quase retornou à Microsoft antes de assinar o acordo da Activision em 2010

    1. Aquele estúdio da Coruja Branca é bem provável que tenha sido adquirido, fora Asobo e Bloober que acho que podem entrar pro XGS também, seria até uma surpresa nenhum desses três serem adquiridos.

  1. Se levanta rumores de que não veremos o jogo da The Initiative no evento de julho…

    Só espero que a Microsoft não se supere em fazer merda nesse evento. Não é hora de segurar nada!

    1. Depois que a Microsoft anunciou o evento, muitos sonistas começaram a criar rumores falsos pra abaixar o hype desse evento. Um desses rumores que eles criaram, foi que a PlayGround não mostraria seu RPG agora.

    2. A The Initiative foi criada recentemente e ainda tem poucos funcionários, então é improvável que ela apresente qualquer jogo neste evento. Mas concordo; o momento é de mostrar tudo, nem que seja uma imagem do jogo pelo menos pra gerar curiosidade e expectativa.

    3. Segundo os mesmo rumores o estudio esta passando por mudanças (expansão) e isso pode ter deixado eles não muito confortável de mostrar algo.

      Lembrando que já foi falado por insider que a Microsoft não revelaria tudo e deixaria algumas coisas para depois o que acho plausível.

      1. Já foi falado várias vezes que nesse evento vai ter aquelas pequena olhada dentro dos estúdios, entrevistas etc. The Initiative pode ser um desses que vai só encher linguiça e não mostrar nada.

        Mas eu discordo com todoas as forças nesse modelo de anúncio que o Xbox tá fazendo. O público em geral que não é caixista, não tem paciência, se o evento não bombástico, vai ter rage no Xbox. Muita gente da mídia e jogadores mais casuais estão esperando TUDO nesse evento.

        1. TUDO que a Microsoft fizer vai ter quem reclame ABSOLUTAMENTE tudo, eu to vendo que uma grande parte da comunidade esta ciente que pode vir muito como não pode vir, os que reclamam e dão rage são os que querem 100 títulos AAA só para dizer que tem.

          O modelo de revelação da Microsoft para mim é o mais adequado pois sou uma pessoa que cansa muito rápido, mostrar um jogo hoje para lançar dentro de 6 ou 7 anos para mim isso só vai servir para criar Hype quando as pessoas tiverem uma outra percepção dela. O ideal é ir fazendo games de qualidade e criando uma imagem melhor para poder se arriscar mais em projetos maiores.

          1. O Xbox tem muito anti por causa da ameaça de hegemonia do PlayStation. A Microsoft deveria se antecipar a esse tipo de negatividade, como? Do jeito que falei, para de fatiar os anúncios durante o ano e mostra tudo de uma vez, mostra teaser, mostra trailer, mostra que o jogo existe…

            É a minha opinião. Tô cansado de ver tanta desinformação por causa disso tudo. A culpa é do Xbox? Não! Mas existe a possibilidade de se antecipar a essas coisas.

          2. O problema é que o pessoal gosta de cobrar da Microsoft o que eles não conseguem na Sony, esse negocio de mostrar tudo tem dois porém.

            1° Mostra tudo e assume o risco de vários Scalebound, Crackdown e Fable Legends ou… Entrega as coisas tudo gagado como a Sony.
            2° Mostras as coisas em pontos pontuais (próximo do lançamento) e se mantem confortável para que sempre tenha o que se falar da marca ou console.

            O peso maior sempre esta com a Microsoft não importa o que ela faça.

          3. Mas a declaração é do próprio Phil Spencer de que as aquisições iam dá a garantia de antecipar anúncios. 

          4. Quando todos estiverem trabalhando de forma integral pode ser que a aconteça, talvez isso aconteça lá para 2022 se as coisas não melhorarem um pouco em 2021.

          5. Só uma coisa que eu não quero. Microsoft deixar de fazer anúncios grandes esse mês pra mostrar no fim o ano.

            Se todos os Final fantasy e Yakuza add no gamepass, fossem mostrados na E319? Se Everwild fosse mostrado na E319? O mesmo vale pra Hellblade 2. Ia ter um impacto que todos esperavam do Xbox. Tá entendendo o meu ponto de vista? Aquela E3 foi considerada uma decepção porque a Microsoft decidiu dividir os anúncios.

            É só isso que eu não quero!

    4. O rumor que eu vi foi que eles não vão mostrar o grande projeto deles nessa conferência por estar ainda em uma fase bem inicial, mas que tem um projeto mais avançado feito em parceria com a Coalition que provavelmente vai dar as caras. Vamos ver, de qualquer forma as outras “certezas” do evento (Forza 8, RPG da Playground, Halo Infinite, Hellblade 2 e Everwild) já valem o ingresso.

      1. 343
        Ninja Theory
        Double Fine
        Playground
        Turn 10
        Mas jogos de terceiro.Já seria um bom evento,Já que o evento de junho da Sony na minha opiniao foi bemmm mais ou menos

    5. A The Initiative foi criada recentemente e ainda tem poucos funcionários, então é improvável que ela apresente qualquer jogo neste evento. Mas concordo; o momento é de mostrar tudo, nem que seja uma imagem do jogo pelo menos pra gerar curiosidade e expectativa.

      1. Isso mesmo Criar Hype pro jogo. A Sony,é mestra nisso mostra um teaser do jogo que só vai ser lançado na proxima geração e a poneyzada fica delirando até o dia do lançamento 10 anos depois ou quando é anunciado seu cancelamento. Só não quero que a MS faça isso.

  2. microsoft sonha com unchato e a sony com halo, qnd teve a pre alpha de destiny 2 exclusivo no ps4, sonystas foram a loucura. particularmente acho o halo mto melhor q todos unchato

  3. Engraçado, ultimamente tem alguns desgarrados esboçando vontade de retornar para a Microsoft. Será que isso deu por verem metade da Naughty Dog, santa monica e rockstar indo preencher as lacunas que eles deixaram?

  4. Considero a Bungie um estúdio muito hypado, super-estimado.

    Fez bem a MS ter tirado ela fora e colocado a 343, que fez o melhor halo pra mim que é o 5.

    Convenhamos né galera; Fora o Halo reach… Os outros Halos são meio chatinhos…

    Repetitivos, primitivos… Maçantes (se esconde muito, demora a progredir, não é frenético).

    Fora a história que não é contada in-game. (É que nem dark souls, se quiser saber a lore, terá que ver por fora). Tudo isso acaba cansando muito.

    Halo 5 é o melhor de todos pelos gráficos, nível técnico, tem chefes (os guardians), E é MUITO MAIS frenético…

    1. Vai muito por gosto, tanto é que se o 5 realmente fosse o melhor ele teria feito muito mais barulho e tido como um jogo bom pela maioria dos jogadores ….o que não aconteceu. . infelizmente

  5. Só eu acho que a Microsoft devia comprar a Bungie( fazer um destiny 3 ou uma nova IP sem microtransações,e fazer um jogo realmente completo)?

  6. Eu chuto que a Microsoft pode comprar mais 4 estúdios ou 5 estúdios,Bungie,CD Project RED ou outro estúdio polonês,Moon Studios,Asobo Studios,Bloober Team e talvez a Warner Games e seus estúdios (Rockstady, Warner Montreal,Netherealm,etc),a Microsoft é o único comprador bom entre a EA,Activision e Take-two interactive.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *