Diferente do Xbox, Sony deve deixar o PS4 sem os jogos first party do Playstation 5

Se você tem um PlayStation 4, é bem provável que não gostará dessa notícia. O novo PlayStation 5, continua a nos dar dicas de suas entranhas no nível do hardware, e enquanto a Sony diz que será muito rápido, avançado e com recursos altamente exigidos por jogadores como Ray Tracing ou SSD, o fabricante abandonou o objetivo de criar uma versão atualizada como foi o PS4 Pro. No entanto, como a Sony sabe, o importante é são os jogos. Como o renomado jornalista Jason Schreier, da Kotaku, aprendeu, o console de nova geração da entidade japonesa terá um bom número de parceiros completamente exclusivo do sistema.

Segundo Schreier, é uma abordagem diferente da Microsoft. Enquanto Redmond quer oferecer aos jogadores do Xbox Scarlett a melhor versão de seus videogames, títulos como Halo Infinite também chegarão ao Xbox One ou Xbox One X, incluindo, é claro, o PC. A Sony busca uma ideia diferente, de diferenciação, apresentando videogames de desenvolvimento exclusivos para o PlayStation 5. Jason Schreier, que afirma ter fontes muito confiáveis ​​e com acesso a informações internas, argumenta que uma das diretrizes da Sony com a programação do PlayStation 5 é impedir que o jogador sinta que está jogando um videogame entre gerações e isso está diante de um verdadeiro salto geracional em termos reproduzíveis e audiovisuais.

Portanto, todos os jogos lançados pela first party (ou seja, criados pelos estúdios internos da Sony) serão exclusivos do quinto console e não serão vistos, sob nenhuma circunstância, no PlayStation 4. Basicamente, a Sony deixará os jogadores atuais sem as novidades em games para forçá-los, caso queiram novos jogos, a compra de um console de nova geração.

Apesar de não comentar diretamente, um desses jogos seria o título esperado do Bluepoint Games, um título tão especial que o estúdio se sente muito orgulhoso, e que há rumores há meses que poderia ser um remake do clássico FromSoftware Demon’s Souls. Ambos os consoles, que chegarão em 2020, eles buscam marcar um grande salto em termos técnicos, mas com abordagens diferente para os consumidores.

Cabe notar que a base do PS4 já passa de 100 milhões de unidades entregues para as lojas, e talvez os compradores não gostem tanto desta notícia. Por hora, a Microsoft confirmou, como dito acima, que seu principal jogo para o início da geração, Halo Inifinte, será intergeracional, assim como outros que deveram aparecer na E3 2020.

182 comments on “Diferente do Xbox, Sony deve deixar o PS4 sem os jogos first party do Playstation 5

  1. Sinceramente eu acho difícil eles lançarem os jogos da nova geração nós consoles antigos, os jogos q vão vir no início pode até ser mas os games lançados 1 ou 2 anos depois da nova geração ter lançado, eu já acho difícil de lançarem pra antiga.

  2. Sim Jorge; mais vamos debater aqui esse post de uma maneira mais complexa; até quando a microsoft dará suporte (em games) para a atual geração? Sabendo que Halo infinite é um título Cross gen; então.. será que em algum momento a Microsoft não terá que dar total suporte de lançamentos em jogos pro Scarlet e terá que abandonar os consoles (Xbox one fat e S) eu acredito que pelo menos ela continuará lançando games para o Xbox one X; salvo os games que usarem exclusivamente o Ray tracing do qual o xone X não suporta tal efeito

    1. Se os rumores tiverem certos, o teremos dois consoles, um deles nem 4K vai bater.

      Acredito que a Microsoft irá usar a abordagem do PC. Quem tem máquina que roda Ray Tracing? Estou achando que a Microsoft vai apelar de outra forma. Talvez realmente o fim das gerações chegou para a Microsoft, e seguirá modelo do iPhone, por exemplo.

      1. Nossa jorge! Por esse lado eu não tinha pensado… Agora fiquei confuso; será que se for por esse caminho mesmo não seria um tiro no pé da própria microsoft?

        1. O que eu acho que a microsoft vai fazer é :

          Xbox one = 150U$ Jogos cross-gen e jogos que são portaveis de alguma forma pra atual geração (ou seja indies e jogos que não são open world) basicamente todos os jogos que não forem openworld podem ser portados pra xbox one S ( vide ports ro switch de games como hellblade).

          Xbox 1080 = 299U$ é o console de entrada na nova geração. Sem HDR,Sem 4K focado em uma experiencia mais tranquila.

          Xbox 4K = vai ser basicamente a versão “one x” desse console. Como foco em 4k, HDR. Churo 499U$ e mais potente que o console da sony.

  3. Não vejo nenhum problema nessa abordagem da sony. Se a Microsoft fizesse igual, eu não me incomodaria, mas já que não, eu vou experimentar halo Infinity day one, porque pegar o console day one vai ser meio difícil.

        1. 2.500 é o teto limite pr mim passou disso tô fora,até pq foi o que eu paguei no lançamento do xbox x,eu só espero nao ser sacaneado pela MS e que deem suporte pro X pelo menos ate 2022

      1. É isso. Não ser forçado a comprar um equipamento para usar um produto. Em suma, respeito ao cliente. O problema é que se as empresas tratam os clientes como fãs, acontece esse tipo de aberração. Mas, por outro lado, se dá certo, é porque o povo aceita, desembolsa como consumidor enquanto é tratado como fã.

        1. Problema que os consoles base estão bem defasados. Aguentar por mais amores anos sei não. O xone base mesmo já esta bem defasado. Se fosse apenas para o one x nem diria nada, o one x sim, fora o processador, o resto é um belo de um console.

        2. Problema que os consoles base estão bem defasados. Aguentar por mais amores anos sei não. O xone base mesmo já esta bem defasado. Se fosse apenas para o one x nem diria nada, o one x sim, fora o processador, o resto é um belo de um console.

        3. Com esse forte foco nos serviços, é mais “jogo” pra Microsoft fazer isso mesmo. Eu mesmo acho q só migro depois de uns 3 anos, quando sair uma versão slim ou repaginada do console. Foi o que fiz quando saí do 360. Comprei um Xone S.

      2. Certamente será como as gerações anteriores,os primeiros jogos do primeiro ano do console alguns irão sair para o Xone mas já tendo um ou outro exclusivo para o Scarlett e depois no ano seguinte só para o Scarlett

          1. Sou sonysta, mas eu zuo a sony pacarai.. se vc só concorda ,concorda,cria se uma bolha de fanboys, onde todo mundo apoia todo mundo. Tipo religião. Masss ainda mais agora que troquei meu ps4 por um x box. To jogando gears, tá muito tesão. Kkk. Fersay777 add lá. Game pass me fez troca o ps4,o mundo da voltas

          2. Ikk serio mano que show..e muito jogo..vou te add ..o catos e um chorão mano..ele nao consegue refutar ja da ban..eu ja tomei 2 la..

    1. Concordo . Melhor essa abordagem que fazer ports fraquíssimos pra geração anterior . Mas se optar por faser pras gerações anteriores que saiam bacanas.
      Eu vou esperar pra ver como vai ser a abordagem da Microsoft com a próxima gem .

    2. Estou juntando as moedinhas para comprar o Scarlett Day One, pego o meu XONE FAT que hoje sta com meu filho e dou pra minhas filhas com Kinect, meu XONE X vai para meu filho e eu fico com o Scarlett. Vai ser um primor Família XONE.

          1. Não queremos, vc quer, na verdade clounistas querem remasteres e remakes de Shadow of The Colossus até o PS7 ????

    1. Pra mim os dois são bons. Desde que o “refazer com gráficos melhores” não seja mudando a arte, como fizeram com Halo: CE aniversary. (ficou bonito, mas perdeu completamente a identidade)

      O “refazer” da trilogia crash, ou de Fable Aniversary, ou de Gears Ultimate, é o jeito certo de fazer isso.

  4. Se isso for realmente verdade, será um tapa na cara dos sonystas alienados que dizem que a sony está pensando no seu consumidor. Tá na cara que ela está obrigando o seu gado a comprar o PS5 caso queira jogar os novos jogos, pior é ver animal defendendo uma empresa dessas! Sonysta só se fode!

  5. A estratégia da Microsoft é o Game Pass, onde ele estiver os jogos novos também terão de estar. Estratégias diferentes entre as duas empresas.

        1. Na verdade a notícia se refere aos jogos a serem lançados já com o ps5 no mercado. Ghost of Tsushima é um jogo dessa atual geração, ele e TLoU 2 vão “encerrar” o ciclo do ps4, e naturalmente tb devem ter uma versão melhorada no ps5 pra aproveitar todo o potencial do novo console.

    1. Carai vai ser mt troll isso, eu nem tenho ps4 e nem pretendo der porém tenho mts amgs q tem e que estavam bem animados para ele e pro the last 2, pelo menos o the last já é crtz pq entrou em pré venda e talz

  6. Vcs ainda não entenderam que PlayStation é console pra quem está disposto a gastar dinheiro pra ter a melhor experiência em jogos First Party. Meu PS4pro vai dividir a rack com o seu irmão que estar por vim.

    1. Controle de danos? Se fosse o contrário (se fosse a sony prometendo os jogos da nova geração para os consoles atuais e a MS se recusando a fazer o mesmo), vcs estariam todos enlouquecidos aqui, falando que a MS mentiu, que a MS c… para os consumidores, que só trouxa compra produto daquela empresa etc! Essa política da Sony não tem lado bom para o consumidor (ou compra o PS5 ou nada de jogos novo), pare de tentar justificar o que te prejudica. Se vc está disposto a comprar o PS5 no day one (coisa que eu acho difícil), ok, mas há muita gente que tem o PS4 e que não está disposta a “torrar” dinheiro com preço inflacionado de console novo (todas essas pessoas serão prejudicadas – e o que vão ganhar em troca? Nada!).

  7. Já não vimos algo parecido ? Com o lançamento do xbox 360 e seus jogos iniciais como Perfect dark e kameo, estes foram muito criticados no lançamento do console, pois os gráficos dos jogos estavam muito aquém do esperado já que os mesmo estavam sendo desenvolvidos para o Xbox original anteriormente

  8. Sony sendo Sony. Limitação total ao usuário. Enquanto o mundo se abre, amplia, cria acessos, ela se fecha cada vez mais.

    Acho que sabemos a resposta futura.

    Limbo…

      1. Conceito de sucesso é complicado. Xbox entrou para a seleta lista das marcas mais valiosas do mundo ocupando a posição de número 87. Sony nem entrou na lista.

        Então, o que dizer sobre ganhar ou perder uma geração? Goty? Venda de consoles? Exclusivos?

        Pois é, kid. Melhor você estudar mais sobre quem ganhou o que no mundo real.

        Ah, quer se sentir feliz? PS4 bateu o recorde de console mais vendido de todos os tempos. Legal, né?! Sim, uma marca expressiva. Parabéns pelo feito. Mas… continua sendo uma marca sem valor real agregado, e, não sou quem está afirmando isso, mas sim o mercado real.

        Pesquise, sente e chore.

        Conceito de sucesso é complicado, não acha?

        Aprenda, criança. No mundo real as coisas não são apenas Goty, exclusivos e venda de consoles. Existem um abismo gigantesca entre Xbox e PS, ou melhor, Microsoft e Sony.

        Poderia passar o fds sem essa…

  9. Essa Reportagem não faz sentido nenhum, é óbvio que depois do Halo infinite, e os outros jogos cross gen, a MS vai focar só na próxima geração, da mesma forma que depois do Ghost of tsushima e last of us 2,a Sony vai focar no ps5
    Cross gen é legal, mas chega a hora que tem que largar a geração antiga, para não limitar os jogos

  10. Uma coisa é certa, depois de alguns anos dos novos consoles no mercado não vai ter como continuar produzindo jogos pros consoles antigos, o avanço tecnológico faz com que isso se torne difícil. Porém, o que acho que ele quis mostrar é a diferença como a Sony e a MS estão lidando com a próxima geração. Enquanto a Sony coloca uma barreira entre essa e a próxima geração a MS tenta manter tudo interligado até o máximo que for possível. Quando começar a vir jogos que não rodarão no Xbox One será simplesmente porque o hardware não vai mais suportar, assim como acontece com os PCs caso você não faça um upgrade. Já no caso da Sony da a entender que mesmo que tenha jogos que poderiam rodar no PS4 eles não vão ser lançados lá, porque a Sony prefere manter a “barreira entre gerações” forçando os clientes a comprar o novo console.

    1. Lendo seu comentário, me veio a mente que a Sony provavelmente venderá mais PS’s na próxima geração novamente, pois a Microsoft planeja prolongar a vida dos One’s utilizando especificamente o streaming, já a Sony forçará a troca de console com o argumento dos seus grandes exclusivos…
      Mas penso q o melhor n eh o q vende mais, por ex.: N acho q Chevrolet Onix eh melhor q Fiat Argo, ou HB20 justamente por vender mais…

      1. Justamente, pensei nisso também. Essa barreira pode dar certo na hora de vender o console por forçar os clientes migrarem para o mais novo, mas não quer dizer que será a melhor opção. Ainda acho que, se a Sony não anunciar o PS5 junto com o PS Now pra todo o mundo, como um serviço concorrente ao Xbox Game Pass com preço ACESSÍVEL, eles provavelmente vão perder em muito no quesito custo benefício. Ainda mais que a MS planeja lançar um console de nova geração com custo menor e com certeza o Game Pass vai ser o carro chefe da próxima geração.

  11. Que absurdo, Sony fazendo uma coisa que ela faz desde a mudança do PS1 pro PS2, vai falir, deve ser por isso que ela não tem nenhum console de mesa entre os mais vendi…oh, wait!!! Como assim ela tem todos????

    Ótima notícia, melhor forma de aproveitar a capacidade de um novo console. Deixa que as thirds forneçam os jogos cross-gen e as first mostrarem a que veio o novo console nos exclusivos, tem funcionado assim sempre e muito bem.

  12. Anos entrando aqui e vendo os caixistas comentarem, a cada “notícia” colocada nesse site, que a Sony vai falir, vai perder a briga etc e tal. E tudo continua igual. Nada muda no mercado de games.

  13. Vocês só podem estar de brincadeira com essa notícia. Em todas as gerações foi assim agora vocês ficam puxando o saco da Microsoft? Vocês sabem o quanto é problemático ter de criar jogos novos ficando uma parte limitada ao da geração passada?
    Outra besteira é a retrocompatibilidade, eu sempre tive o melhor sistema de retrocompatibilidade que existiu (que é ter o console anterior junto com o novo) minha experiência diz que com o passar do tempo você não se interessa mais pelos jogos antigos, comigo sempre foi assim desde o megadrive, depois de algum tempo acabo vendendo o console antigo. A retrocompatibilidade é boa no lançamento do console novo (para ter mais jogos) depois cai no esquecimento.

  14. Sonysta todo aplaudindo isso, por isso a Sony nunca toma vergonha na cara. Não é que difícil fazer isso, é que a Sony realmente quer vender seu próximo console pensando apenas em grana, mas cá entre nós, será que isso vai funcionar? Se hoje está difícil vender jogos e alcançar um lucro respeitável, será mesmo que a Sony irá deixar uma base de 100 milhões pra trás rapidamente? Se fizer isso e a Microsoft ainda sim conseguir se igualar em vendas, acredito que a Sony terá grandes problemas.

    1. Pode deixar essa sua falsa preocupação com a Sony de lado, depois de 450kk consoles vendidos, recorde no Guiness, acho que ela sabe como vender um console. Lembre-se: o maior fracasso em vendas da Sony é maior que o melhor sucesso da MS.

    2. Pode deixar essa sua falsa preocupação com a Sony de lado, depois de 450kk consoles vendidos, recorde no Guiness, acho que ela sabe como vender um console. Lembre-se: o maior fracasso em vendas da Sony é maior que o melhor sucesso da MS.

    3. Ryse
      Forza 5
      Killer
      Dead Rising 3

      Estes jogos são de 2013 advento do Xbox One, lhe pergunto: Aquela altura tinhamos mais de 80 milhões Xbox 360 vendidos, os jogos acima foram oferecidos aos clientes do X360 ou a Microsoft foi má e deixou todos chupando dedo???

    4. Pode deixar essa sua falsa preocupação com a Sony de lado, depois de 450kk consoles vendidos, recorde no Guiness, acho que ela sabe como vender um console. Lembre-se: o maior fracasso em vendas da Sony é maior que o melhor sucesso da MS.

      1. Realidade- Halo vende 2 milhões de cópia em 2 dias apenas na Steam. Vendeu com gaem pass a 1 real, com pirataria e tudo.
        Death Stranding vende 300 mil cópia no mundo todo no console dos exclusivos. Não tem game pass, não tem pirataria.

  15. Nessa eu concordo com a Sony. Ficar lançando jogos para console já defasado só vai limitar o jogo. Ainda mais que muitos demoram mais a migrar de plataforma se tiver saindo jogo para os consoles da geração anterior.

    1. Isso ocorre com PC hoje amigo, aliás, isso tá ocorrendo com os consoles hoje, basta saber otimizar, lembrando que estamos falando de jogos de cada empresa, as terceira podem abandonar o console a hora que eles quiserem.

  16. A abordagem da Sony talvez seja até melhor se formos pensar só no PS5, mas a da MS é mais amigável quando considerado o todo, pois tende a tornar a transição para o novo console mais suave. Um detalhe que devemos atentar é que de jogos confirmados para o Xbox One só os lançamentos de 2020. Nada se sabe com relação ao jogos não-anunciados, então é bom aguardar com calma.

    Eu não veria problemas em ter alguns jogos como um novo Forza exclusivo do Scarlet, desde que justifique bem o poder da máquina. Ao mesmo tempo que precisa atender a base já instalada, tem que justificar a migração para a nova máquina, eis um balanço delicado de administrar.

  17. Normal, acho que todas as gerações foram assim, desde os tempos do Atari.

    Na primeira geração do Xbox os jogos Halo, Forza e Fable foram exclusivos só da primeira geração, sem lançamentos posteriores, somente Remasters ou Port de jogos que já tinham lançado antes. O mesmo aconteceu com Nintendo e Sony ao longo dos anos… Aliás, com a Nintendo teve o Zelda Twilight Princess, que foi lançado tanto para o Cube quanto para o Wii, mas foi só isso também, não me recordo de outro caso semelhante em se tratando de jogos First Part… Mas é claro que quanto mais jogos eles puderem lançar para as duas plataformas, melhor. Dificilmente eu vou gastar dinheiro em um console lançamento.

    O fato do Halo Infinity lançar tanto para o One quanto para o Scarlett é a conveniência, muito provavelmente para servir de comparação entre a old gen e new gen e reforçar a vantagem de trocar o console… É Market, resumindo. Dúvido que um eventual Forza Horizon 5 ou Gears 6 vai sair para as duas plataformas.

    Bom, considerando como o One X é potente, é capaz de receber alguns ports exclusivos do Scarlett… É possível… Embora eu particularmente ache meio improvável.

  18. Essa guerra de console é imbecil demais, eu tenho um Xbox one X e um PS4 Pro e jogo nos dois, gosto muito do gamepass é o melhor serviço de games já feito, esse pessoal mil grau é um bando de Zé ninguém que não tem nada na vida, estou me referindo ao gamer sem regras e Xbox mil grau, está cheio de bobão que seguem esse doentes como se fossem Deuses.

  19. Força _ los a ir para a nova geração…vc força a barra né Jorge. Se tem nova geração, é porque queremos jogos baseados na potência daquele novo console.. cansei de remaster e cross gen nessa geração, essa política da sony de only ps5 é ótima! Atualmente troquei meu ps4 por um x box,pois o game pass é um serviço sem igual! Mas não força, vc não seria diferente dos sonystas da game vicio,distorcendo matérias pra alimenta o gado chamados FANBOYS.

    1. Se você para de dar jogos para um console, é forçar sim para que o público mude. Isso é claro, a estratégia é para forçar vendas do PS5 sim, e não digo se é ruim ou bom, mas é óbvio que é uma força que a Sony vai se valer.

    2. Como o lucro é maior no jogos e serviços, em tese é melhor para a empresa se você comprar o jogo no console já vendido anteriormente, inclusive com preço subsidiado. Contudo, é fato que a longo prazo o hardware da geração atual não acompanhará e a Sony terá potencialmente uma “base instalada” maior que a Microsoft, porque “forçou” a clientela a comprar o console novo. Mas isso é do ponto de vista da empresa, e no meu entender, o consumidor tem que defender o seu ponto de vista, não o da empresa. Dessa forma, o consumidor da Microsoft está em vantagem, porque não é obrigado a trocar de console. Você mencionou que quer a tecnologia de ponta para jogar. Ok, bom para você, mas leve em conta que há quem só queira jogar o próximo Halo, o proximo God of War, etc, sem se preocupar tanto com os gráficos. E ainda há aquele que se preocupa com isso, mas não vai deixar de jogar o jogo só porque a melhor versão está no outro console. Em suma, esses consumidores que não são os “early adopters” serão sim lesados caso a notícia sobre a estratégia da Sony esteja de fato correta.

  20. Vocês acham que a Sony não vai relançar jogos de ps4 pro ps5? ??? Claro que vai, e vai esperar no máximo um ano e quando relançar vai cobrar preço cheio de novo pelos jogos. As sonetes só se fodem.

  21. Queria saber onde está a novidade nisso sempre foi assim e sempre será ou alguém acha que mesmo com o Xcloud o Xbox One será eterno? Se fosse assim investir em um novo console pra que ? Ficaria geral no console atual e pronto ….

  22. “forçando os jogadores a comprar um ps5”
    Porra pelo q eu saiba é pra isso que serve uma nova geração, se for pro ps5 rodar jogos do PS4 melhorados então deveriam chamar o ps5 de ps4 pro pro

  23. O controle de danos dos sonystas tá frenético aqui hj, estão dizendo “não, mas é isso aí”, “console novo, jogo novo”, “não tem que ficar lançando jogo para console antigo não”. Agora, se fosse o contrário (se fosse a sony prometendo os jogos da nova geração para os consoles atuais e a MS se recusando a fazer o mesmo), estariam todos enlouquecidos aqui, falando que a MS mentiu, que a MS c… para os consumidores, que só trouxa compra produto daquela empresa etc! A política da Sony não tem lado bom para o consumidor (ou compra o PS5 ou nada de jogos novo). Por outro lado, nem mesmo a MS, que prometeu “alguns” jogos intergeracionais, vai conseguir manter isso por muito tempo (se fizer isso por um ano ou dois, tá ótimo, pq não vai haver pressão para comprar o console novo no lançamento, quando os preços estão inflacionados).

  24. Leonardo Gomes Controle
    de danos? Se fosse o contrário (se fosse a sony prometendo os jogos da
    nova geração para os consoles atuais e a MS se recusando a fazer o
    mesmo), vcs estariam todos enlouquecidos aqui, falando que a MS mentiu,
    que a MS c… para os consumidores, que só trouxa compra produto daquela
    empresa etc! Essa política da Sony não tem lado bom para o consumidor
    (ou compra o PS5 ou nada de jogos novo), pare de tentar justificar o que
    te prejudica. Se vc está disposto a comprar o PS5 no day one (coisa que
    eu acho difícil), ok, mas há muita gente que tem o PS4 e que não está
    disposta a “torrar” dinheiro com preço inflacionado de console novo
    (todas essas pessoas serão prejudicadas – e o que vão ganhar em troca?
    Nada!)

  25. Click bait terrível, e tem trouxa que ainda cai, principalmente os mais doentes…

    Alguém aqui é inocente o suficiente em pensar que os jogos lançados exclusivos do Xbox Infinite em 2021 serão lançados para o Xone???? PQP….rsssss

    Em tempo: Ainda há 4 AAAs que serão lançados em 2020 para PS4, enquanto no Xone, apenas 1, que é o Halo Infinte…vcs realmente acham que tem algum dono de Playstation preocupado???

  26. Normal, acho que todas as gerações foram assim, desde os tempos do Atari.

    Na primeira geração do Xbox os jogos Halo, Forza e Fable foram exclusivos só da primeira geração, sem lançamentos posteriores, somente Remasters ou Port de jogos que já tinham lançado antes. O mesmo aconteceu com Nintendo e Sony ao longo dos anos… Aliás, com a Nintendo teve o Zelda Twilight Princess, que foi lançado tanto para o Cube quanto para o Wii, mas foi só isso também, não me recordo de outro caso semelhante em se tratando de jogos First Part… Mas é claro que quanto mais jogos eles puderem lançar para as duas plataformas, melhor. Dificilmente eu vou gastar dinheiro em um console lançamento.

    O fato do Halo Infinity lançar tanto para o One quanto para o Scarlett é a conveniência, muito provavelmente para servir de comparação entre a old gen e new gen e reforçar a vantagem de trocar o console… É Market, resumindo. Dúvido que um eventual Forza Horizon 5 ou Gears 6 vai sair para as duas plataformas.

    Bom, considerando como o One X é potente, é capaz de receber alguns ports exclusivos do Scarlett… É possível… Embora eu particularmente ache meio improvável.

  27. A abordagem da Sony talvez seja até melhor se formos pensar só no PS5, mas a da MS é mais amigável quando considerado o todo, pois tende a tornar a transição para o novo console mais suave. Um detalhe que devemos atentar é que de jogos confirmados para o Xbox One só os lançamentos de 2020. Nada se sabe com relação ao jogos não-anunciados, então é bom aguardar com calma.

    Eu não veria problemas em ter alguns jogos como um novo Forza exclusivo do Scarlet, desde que justifique bem o poder da máquina. Ao mesmo tempo que precisa atender a base já instalada, tem que justificar a migração para a nova máquina, eis um balanço delicado de administrar.

  28. Mas se em 2020 vamos ter o ínicio de uma nova geração por quais motivos os experts em espremer gráficos e bits da Sony iriam limitar seus jogos por causa do PS4??? O foco será o PS5, nova geração, caso contrário não haveria necessidade de novos consoles kkkk

    Outra coisa, como os jogos do Scarlett ainda estarão presos a esta geração prevejo os comparativos com os jogos realmente next gen da Sony. Que surra gráfica que vamos presenciar kkkk

    1. É só capar o jogo que aguenta. Veja alguns jogos do Nintendo switch. Isso talvez ate impede os produtores em usarem alguma novidade no jogo, pois poderiam não funcionar quando fosse diminuir a qualidade para o console da nova geração. Na minha opinião apartir de 2021 a micrsoft deveria deixar de lançar os jogos dela para os cônsules antigo.

  29. Claro que é um problema, na verdade são 100 milhões de problemas. A Sony devia pensar na sua base já formada de jogadores, nem todos vão poder trocar de vídeo game no início. Eu jogava no play3 o gta 5, quando vi o gráfico na nova geração comprei o Xbox one. Não precisou o gta V lançar apenas na nova geração, entendo que isso ocorra quando o jogo vai ter recursos que serão necessários em um hardware mais poderoso, mas quando é só melhoria gráfica não há pq fazer essa distinção.

    1. “Claro que é um problema, na verdade são 100 milhões de problemas.”

      “Eu jogava no play3 o gta 5, quando vi o gráfico na nova geração comprei o Xbox one.”

      Desculpa, mas sem querer vc deu razão a Sony kkkkk

      Caixista nem entende mais o que escreve

  30. Sei lá. Pelo menos os games de lançamento do console novo deveriam sair no console da geração anterior. Por exemplo, até hoje não entendo porque não saiu FM5 para o X360, mas saiu FH2 para o último. Sei lá, poderia terceirizar como fez com o FH2 do X360.

  31. De Serra forma a SONY esta certa. Um jogo novo deve ser jogado com o que tem de melhor para oferecer. Assim o jogo é criado 100% para aquela plataforma.

    Gostaria muito que o XBox criasse apenas para o XB nada de Windows, mas… Fazer o quê. Assim segue a vida.

    1. Né, enquanto isso eu jogarei Halo Infinity capado em 720p com texturas em baixa resolução e serrilhados a torto e a direita no meu Xbox One. Ainda bem que a Sony vai direto pra next gen. Que venha Horizon ZD 2 em toda sua glória em nextgen

      1. Tlous 2 vai ser lançado para a atual geração, tu acha ele com gráficos ruim? Que tal lançar apenas para o Ps5?

  32. Sony está mais do que certa! Vem para mostrar o verdadeiro poder do PS5 e de seus estúdios internos…sem o novo console ficar preso ao Hardware mais fraco.

    Quando o pessoal ver um verdadeiro jogo Next Gen exclusivo vão ficar malucos.

    1. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Vocês vão ver o que a MS está lhe aguardando. A Sony está numa zona de conforto, não acho que eles vão fazer de tudo pra mostrar força, eles vão fazer apenas o arroz e feijão de sempre, jogos focado em narrativas com pouca gameplay, enquanto a MS vem forte pra tentar assustar a Sony. Só olhar o que Microsoft Flight Simulator apresentou, com poder da Nuvem, a Microsoft vai ser a rainha dos gráficos na next gen.

  33. Eu acho que isso tem que ir de acordo com a capacidade do console e a qualidade do jogo, se for pra ficar limitando o jogo pra lançar pra geração velha é melhor nem fazer e focar na qualidade do jogo no novo hardware, assim como no inicio da geração Xbox One, com jogos como Ryse son of rome que chegou no dia do lançamento do console e o Xbox 360 ficou de fora, convenhamos que pro 360 rodar esse jogo ia ter que capar muita coisa.

  34. AGORA VAMOS VER QUEM É SONYSTA E QUEM É CODISTA OU FIFEIRO! HAHAHA.

    Esses dias eu estava pensando se não é idiotice essa conversa de vendas. Os consoles antes do Scarlett vão ser compatíveis com os jogos, então qual o sentido de falar em vendas do Scarlett? Claramente o Scarlett é mais um produto pra agregar valor. É importante que venda? Mas claro! Só que o mais importante é receita de jogos e, sobretudo, números de “players” e horas jogadas, e isso a Microsoft consegue até com o caixotão de 2013 e com os PCs da Xuxa.

    Já a Sony como tem um programa multiplataforma ainda muito limitado (não tem um Windows da vida nem um xCloud) vai precisar movimentar esses PS5 pra forçar o console a ter seu espaço no mercado e, principalmente, agradar aos pseudojornalistas… Se lançassem com full retro, quase ninguém ia migrar do PS4 no lançamento.

  35. Sony empresinha de merda mesmo! Obrigando seus consumidores a trocar de console se quiser jogar os novos games! Isso é ridículo! E sinceramente sem necessidade mais! Qualquer game roda tranquilo nas configurações atuais dos consoles.(Mas vendo por esse lado, o PS tá capado mesmo)

  36. Com o sucesso do Switch mais empresas vão se interessar em fazer downgrade nos seus jogos pra portar pro mesmo, aproveitam e também ciram ports pra geração atual… acho que o One e PS4 vão durar pelo menos por mais 5 anos.

  37. se faz jogo com gráfico capado reclama, se não faz jogo da atual geração pra anterior reclama. qto mimimi, e o Jorge não perdendo a chance de incentivar o flame war. depois quer fazer reportagenzinha falando sobre a toxicidade da comunidade gamer. kkkkkkkkkk

    fonte: arial black
    fonte: atx 200w

  38. A Microsoft vai trazer os já anunciados pro One e pronto. Depois disso tem que focar no novo. Xbox One morreu e foi seu Maior fracasso. Tá apanhando pra rodar jogos third com FPS estável

  39. Na minha opinião Windows club, Diferente do Xbox, Sony não deve deixar o PS4 não com os jogos first party do Playstation 5 sim. Na minha opinião. Ok Windows club.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *