Em 2019, Microsoft pode lançar novo Xbox para jogos apenas digitais

A Microsoft possui uma página na web onde coleta os pedidos dos jogadores para torná-los reais, é o famoso UserVoice. Bem, um dos mais solicitados e absurdos é a conversão de jogos em mídia física para digitais, só que parece que isso não será tão absurdo assim em 2019. Além disso, devemos ter um novo Xbox em 2019, e detalhe, ele não terá entrada para mídia física. Os rumores aqui são de Brad Sams, fonte altamente confiável.

Enquanto a Sony estará fora da E3 no próximo ano, os planos de hardware da Microsoft para 2019 provavelmente serão uma grande vitória para a marca e para os jogadores. A empresa planeja lançar um console atualizado no ano que vem, mas esse dispositivo não será da família Scarlett. Então, tenha em mente que não estamos falando de uma nova geração.

Os dispositivos da Scarlett são supostos consoles da próxima geração da Microsoft e não são esperados até 2020, mas em 2019, a empresa planeja lançar um console sem entrada para discos. E se isso está deixando você nervoso porque você tem uma grande coleção de discos físicos para o seu Xbox atual, não se preocupe, a Microsoft tem uma solução para você.

Além do novo console, haverá um programa de ‘disco para digital’ que, como o nome indica, transforma seus jogos físicos em downloads digitais. A ideia é que você possa levar seu disco para um varejista participante (como a loja da Microsoft) e trocar seu disco por um download digital.

O objetivo com o novo console é diminuir o preço do hardware. Atualmente, custa cerca de US $ 299 para comprar a família de dispositivos Xbox One, a Microsoft está procurando reduzir esse preço em até US $ 100; Espera-se que o novo ponto de preço do console seja de US $ 200 ou menos.

Além disso, a empresa também pode lançar uma nova versão Xbox One S revisada, que é direcionada para o final do ano, que se concentra apenas na redução de custos, mas apresenta uma unidade de disco para aqueles que ainda preferem a maneira tradicional de comprar seus jogos. A Microsoft está avançando com muito cuidado com este produto, pois sabe que uma parcela considerável de seus usuários preferem comprar jogos físicos e não baixá-los.

Quanto a Scarlett, a Microsoft ainda não teria decidido se esse console incluirá uma unidade de disco, mas deve tomar a decisão final  em breve. Particularmente, acredito que este console funcionará como teste para ver a provação dos jogadores para a próxima geração.

Sob Phil Spencer, a Microsoft está investindo pesadamente em sua marca Xbox e anunciou a aquisição de alguns novos estúdios de jogos no fim de semana. Quando você combina esse novo hardware com o serviço de streaming que a empresa está desenvolvendo, o caminho para os fãs do Xbox é incrivelmente brilhante.

Com este novo Xbox One S ‘slim’, não se sabe qual será o nome para o varejo, a empresa está trabalhando em encontrar novas maneiras de reduzir o custo de entrada na família Xbox sem sacrificar a experiência de jogo do núcleo.

Quanto a quando o console ficará disponível? Brad Sams acredita que na primeira metade de 2019. Ainda não se sabe quando a Microsoft colocará luz verde no produto para distribuição no varejo, e sempre existe a possibilidade de tal console ser cancelado, mas  Brad Sams espera que esteja realmente disponível no próximo ano.

O que vocês acharam? Vale a pena um console muito barato sem mídia física?

 

Fonte

145 comments on “Em 2019, Microsoft pode lançar novo Xbox para jogos apenas digitais

    1. Pra mim seria uma boa tbm. Eu particularmente não compro mídia física, só tenho Halo MCC, mas como saiu na GP nem preciso mais usar o CD.
      Se vir um One X sem drive e mais barato ou pelo menos com um HD maior eu já ficarei feliz.

  1. Eu não lembro onde eu vi que o leitor de Blu-ray custava para a MS uns $ 30,00, fora que a Microsoft de pagar royalties/licenças para o uso em filmes.

    1. Igualmente aqui, até mesmo filmes olho apenas os baixados, alugados ou comprados digitalmente, se torna sem sentido pra quem não tem interesse em fazer coleções.

        1. Parece uma alfinetada, mas é verdade mesmo… Digo isso pq hoje eu fui me desfazer dos dicos de PS3 que eu tinha e a grande maioria não tinha um multiplayer que me fez voltar a jogar.

  2. Eu prefiro que tenha as duas opções um com mídia física e outro sem, comprei pouca coisa físico mesmo assim devo ter uns 20 jogos, mas ficar dependendo apenas da loja da MS não é legal.

    1. No Playstation está mais bonito pois foi feito com amor, pode ver que se empenharam de passar uma máquina para tirar as imperfeições do chão.

          1. Dá para ver numa TV 4K. Falo aqui no monitor full HD ou celular.

            Mete essas comparações no Youtube de uma TV 4K é bem grande a diferença.

            Aqui nesta foto podemos ver mais a questão gráfica mesmo. Ou seja, texturas e sombreamento aprimorado. Mas tem a nitidez maior dos pixels também, que aqui nessa foto não tem como ver.

            Então a diferença na prática é bem maior que essa vista na foto.

      1. Quando eu comprei o meu Fat ele veio com 1 jogo. Ryse
        Foi o único jogo em mídia física. Logo depois eu vendi o Ryse e comprei digital numa promoção.
        Tenho o S e o X também e nem sei o que é mídia física. Não quero passar perrengue com elas.
        Já me basta os problemas que tive com alguns discos do 360 e PS3.

      1. Sim. E isso é bom para as empresas.
        Elas ganham o valor integral de venda.
        Discos só servem para o cara comprar e revender aqueles famosos “exclusivos” da Sony, zerar em uma tarde e revender no dia seguinte.

          1. “Vamos acreditar que é verdade. Fica mais engraçado”.

            A que ponto o cidadão chega pra defender seu console favorito, chega até a ser engraçado de tão absurdo kkkkkkk

  3. Best Storytelling – God of War
    Best Visual Design – God of War
    Best Audio – God of War
    Best Performer – Bryan Dechart (as Connor from Detroit: Become Human)
    Studio of the Year – SIE Santa Monica Studio
    x
    Outstanding Contribution – Xbox Adaptive Controller

    5×1 na Golden Joystick Awards, uma prévia do que vem aí na TGA.

  4. isso é bem ruim, é aquelas coisas q começam opção e vão virar padrão. Igual o “continuaremos a dar suporte aos smartphones e se nenhuma empresa o fizer , nós faremos.” ou o “daremos adaptador para quem quiser usar o kinect”.

    1. Então temos que nos adaptar. A mídia digital mais oferece vantagens do que desvantagens. A MSFT ainda pode fazer as desvantagens desaparecer se quiser.

      1. Pois a empresa q devia se adaptar as necessidades dos consumidores e não o contrário.

        Qual a desvantagem em suportar as midias fisicas? Parece q o pessoal n ve q o usuario só perde com isso.

        1. É exatamente o que acontece. Os consumidores no que tange a tecnologia as pessoas entendem absolutamente nada. Os consumidores precisam de mídia digital pois há muito mais vantagens do que desvantagens. Midia digital é tudo de bom, a física só causa dor de cabeça.

          Midia física pode deteriorar, ser roubada/furtada, destruída ou ainda se tornar incompatível com futuros players. Midia física dispensa a necessidade de vc trocar o disco toda vez que precisa jogar algo diferente, vc pode fazer uma copia do jogo usando um pendrive direto do console de outra pessoa e o formato digital também pode ser armazenado em meio físico e copiado deste meio livremente.

          Simplesmente não há razões para a mídia física ser a melhor opção. A única vantagem da mídia física está na opção de revender seus jogos.

    2. Eu não vejo a hora dessa porcaria de drive sumir e diminuir o tamanho do console! Eu não alugo filmes, nao compro filmes e nao compro games em MIDIA FISICA. Então porque eu sou obrigado a comprar o Xbox por um preço mais caro, um tamanho maior carregando algo inútil pra mim!??? Acho que adaptar as necessidades cai bem nessa hora também!

      1. Mas desse ponto de vista o HD físico onde está armazenado o jogo irá se deteriorar também. O que vai acabar aos poucos é a vontade que muitos jogadores tem em pegar um jogo em mídia física e sentir o gosto de propriedade. Os jogadores vão sentir cada vez menos essa necessidade.

        1. O HD físico você pode trocar e baixar os jogos novamente. Já o disco não, uma vez que se acabe já era! Só comprando novamente e pode ser difícil encontrar novamente os jogos senão na sua forma digital, as vezes nem digital vc encontra novamente pra comprar. Um incêndio, roubo, furto ou destruição, isso tudo pode acabar com mídia física.

  5. 80 % dos meus quase 200 jogos estão na biblioteca digital, porem os que mais curto procuro comprar em mídia física devido aos encartes e apelo visual do produto. Porem ter o leitor de mídia também dá ao Xbox a capacidade de reprodução de filmes em Blu-ray 4K e isso sim para quem curte é um grande diferencial ! Portanto, da mesma forma que os games, os filmes também não deixaram de existir em mídia física, existe mercado grande o suficiente para manter os dois formatos.
    Agora, um Xbox 100 dólares mais barato é sim um grande atrativo para novos players para a marca e se a Nintendo ainda aposta em pequenos “cartuchos” porque não apostar em um Xbox voltado para o Game Pass… acho que será uma ótima opção de entrada.

    1. Houve exagero mas informações. O leitor de Bluray, mesmo o de 4K, não custa esse valor de 100 dólares. No máximo uns 50 dólares, o que já faz uma grande diferença. A parte mais cara de um console atual e a CPU/GPU.

  6. Ih, Sony. Mais uma renda que se vai. Com o corte da unidade de mídia física você não obterá mais da MS aquele troquinho por cada mídia vendida por conta dos royalties do Blu-Ray.

  7. Mto mto show!!!
    Espero que essa equação que temos para 2019 de mto certo.
    Nosso presidente abaixando impostos dos games( assim esperamos né) + Xbox one x por $350.
    2019 delícia!!!

    1. Nunca baixará os impostos para games pois na regulação do nosso país os games são jogos de azar por o alto isso além de que realmente é o dólar que faz a diferença e não o imposto em si!

    2. Bolsonaro abaixando imposto de jogos?

      Se votou nele achando isso, você precisa conhecer mais o mundo. Políticos da linha dele, que incluem a ala ultraconservadora do Partido Republicano nos EUA e a Front National na França, tendem a abominar videogames.

      Sinto dizer, mas vocês votaram num fascista achando que era um liberal. Quero ver a choradeira se um dia alguém tentar acessar o PornHub com IP brasileiro e ver o brasão da República com a seguinte frase abaixo: “Este site foi bloqueado de acordo com as leis da República Federativa do Brasil por atentar contra a moral e os bons costumes”. rsrsrs

      1. Eita no primeiro parágrafo tava até interessante, mas no segundo caiu no clichê esquerdista de sempre.

        No mais é melhor Jair se acostumando viu, pois TEMOS um presidente conservador sem pautas progressistas. Abraço aí parceiro!!!

        1. Não se trata de clichê, meu caro, é tão-somente a verdade. Pesquise e aprenda, faz bem pra saúde e elimina as rugas do cérebro. É melhor Jair se acostumando com a decepção… 😉

        2. Se é conservador como vc acha q ele vai querer baixar imposto de jogo? Esses jogos aí que atentam contra a moral e bons costumes, ficam doutrinando as crianças, tem que ser caro mesmo pra pobre nao comprar rsrs

  8. Se todos os jogos fossem caprichados em sua mídia física assim como alguns Halos, The Witcher 3, só compraria mídia física. Mas notei que isso fez foi piorar com o passar do tempo.

  9. Eu duvido .. acho que na e3 ja vao falar do novo console ..nao vao vao anunciar mais jogos pro x one com a nova geração chegando ai..e como eles tem muitos jogos pra mostrar vao tter que falar que sao sao pro novo console.. e mostrar esse ai so ia confundir mais a cabeça do pessoal…

    1. Provavelmente a maioria dos game serão Crossgen…Halo Infinite,gears 5…Rodarão tudo no xone e com o novo projeto “Xbox Cloud” deve ser permitido o streaming dos games da nova gen para o xone.

    1. Mas os rumores apontam para o ‘Xbox Scarlet’ ser lançado em 2020 mesmo. Eu acho que pode rolar um teaser dele já na E3 2019, como aconteceu em 2016 com o ‘Xbox Scorpio’.

      Só que nesse meio tempo, eles vão oferecer novas versões do Xbox One, conforme a matéria diz. Nesse embalo uma versão revisada do X deve acontecer também.

      1. As Taís novas versoes sem drive de Bluray apresentadas na próxima E3 seria bom demais. Quero ver o quanto ficará mais barato ou mesmo menor que as versões atuais. Você acha que o novo RPG da playground vai sair pro Xbox One? Eu começo a duvidar embora eu tenha ouvido falar deste novo jogo não Forza desde 2016, quando a Playground já estava se mexendo pra ampliar seu estúdio. Um Halo demora tanto, e a 343 tem 500 pessoas, o dobro da playground. A Microsoft deve continuar apostando em A e AA grandiosos de empresas muito talentosas na maior parte da liberação do até o ano que vem.

        1. Eu acredito que os jogos anunciados na E3 2018 (Halo Infinite, Gears 5, Battletoads, etc) seguramente sairão para o Xbox One (FAT/S e X), enquanto os novos projetos ainda não anunciados eu não vejo como algo garantido.

          Mas considerando que o novo Xbox chegue em novembro 2020, tem muito chão.

          1. Também a acho isso e espero mesmo que a MSFT foque esses jogos maiores pra próxima geração para mais possibilidades.

      1. Em mídia digital acaba esse comércio. Isso que quis dizer. Quem em sã consciência gastaria 200 reais pra zerar em 1 semana e não poder revender esses jogos ou trocar com amigos?

  10. Se a mídia física fosse como na época do PS2 e X360, em que o jogo rodava do disco, eu até compraria pra economizar espaço, mas de que adianta? Se hoje os jogos em mídia física vem incompleto e ainda por cima tem de instalar no HD do console do mesmo jeito, e em alguns casos pra depois baixar uma atualização que é quase metade do jogo, sou mais digital mesmo .

  11. Eu particularmente escolheria a versão apenas com digital, pois não estou usando midia fisica já tem um bom tempo, e a loja virtual da M.S. sempre vem com grandes promoções, só é ruim pra quem gosta de COD, que não é meu caso, o preço deles tender a ser bem altos, quando digo alto, bem altos mesmo… e sem contas o game pass tbm … Só venha com pelo menos 1tb fazendo favor kkkk

  12. A opção de Xbox One S mais enxuto custando até $100 a menos é uma boa jogada. Tem uma parcela enorme de jogadores que quer preço, quanto mais barato o console, melhor, principalmente em mercados como o Brasil.

    Eu por exemplo tenho 1 mídia física somente, e o restante dos meus jogos são digitais. Até estou cogitando comprar algumas mídias físicas de jogos retrocompatíveis de X360 que não constam na Live br. No entanto, seriam compras bem pontuais, pois tenho visto que aos poucos estão publicando digitalmente jogos mais antigos na Live br que antes não estavam, como foi o caso do Final Fantasy XIII.

    1. Mas tem um porém. Supondo que a pessoa opte pela versão sem o leitor. Daí, sai a retro de um jogo de Xbox/X360 e ela tem a versão em disco ou compra usada. E aí? “Ah, mas é só comprar na Live”. Certo. Por exemplo, Castlevania Symphony of the Night. Não tem na Live BR e eu queria experimentar esse jogo que tanto falam bem. Se o meu XOne X fosse uma versão “discless”?

      1. Mas Castlevania Symphony of the Night que eu saiba não tem mídia física dele. O problema nesse caso é a (in) disponibilidade pra certas regiões, como a nossa Br.

        Situações de de um jogo ter disponibilidade física e não ter digital pra vender na loja podem acontecer mesmo, mas são a exceção da regra. Se observares, gradualmente estão publicando jogos mais antigos na Live br que antes não tinha, como ocorreu com o Vanquish, Bayonetta e agora o FF XIII.

        Esse seria um console mais para o público de entrada mesmo.

        Eu acho que podem vender drives blu rays externos, assim como ocorre com Hds Externos. A ideia acho muito boa, mas precisará ser algo bem sinalizado para o consumidor o console COM e SEM o drive.

        O ‘only digital’ já é uma realidade para o jogador de PC, e os jogos vendem milhões e milhões lá, seria apenas questão de tempo alguma empresa trazer isso para consoles, e essa seria a M$.

        1. Blu-ray players da Microsoft externo seria uma ótima opção, uma versão definitiva e Premium que serviria para todos os consoles e Scarlett com desempenho na máximo em tudo.

          Para aqueles que não tem como fazer o download, a MSFT poderia fazer o que a Nintendo fez com o 3DS, disponibilizar um spot wi-fi onde as pessoas poderiam usar para fazer downloads ou mesmo espetar pendrives. Fora isso manter a opção de fazer uma cópia usando um pendrive 3.0 de um jogo do console de um amigo, e permitir realizar o download vários dias antes do lançamento.

  13. Este modelo de console aliado ao gamepass e EAAccess é ouro, e se a Microsoft conseguir juntar algumas desenvolvedoras para ter seus jogos no gamepass no dia de lançamento, assim como já faz com os seus próprios jogos, será uma bomba.

  14. Aviso importante!

    No twitter do Jez Corden, ele diz que isso SERÁ UMA OPÇÃO! Não vai ser regra, até as pessoas aceitarem bem isso, a Microsoft ainda vai dar opções a mídia física.

    É muito importante falar isso porque já tem site falando que “próximo Xbox vai faltar feature muito importante”. Isso é click bait puro e canalha! Se liguem nisso.

          1. Entendi, teve que dar uma desculpa ruim (como se Steam tivesse concorrente) e falar mal do jogo (que eh recente, tem gráficos superiores a muitos triplo AAA, e eu estou gostando BASTANTE… absurdamente divertido em COOP com 3 amigos).

            Bem.. gosto é gosto… concordemos em discordar 🙂

        1. Ok, mas tem o lance do parcelamento. Nem todo mundo tem condições de dar 250, 200, 150$ em um jogo num xote. Isso faz falta na PS Store e na MS/Xbox Store. Aí pode vir alguém e dizer “Ah, é só comprar um gift card em qualquer magazine”. Sim, mas elas também não parcelam. Pelo menos nas Lojas Americanas é assim. “Ah, você pode comprar um gift card online”. Eu não sei como funciona esses gifts online, então nem vou comentar.

          1. Mercado livre parcela, e só comprar de um bom vendedor que não tem erro. Você recebe o codigo por e-mail.

          2. Amigo, eu compro Gifts cards na Zero3games e assim que o pagamento é aprovado o código do cartão chega por e-mail, e eles parcelam até 10x se quiser.

  15. Minha realidade e com certeza de muitos, ela deve ver a quantidade de mídia / compra online. Eu mesmo hoje só tenho left 4 dead 2 em mídia.

    Um produto parrudo sem HD dá para balancear o custo e sobra espaço para trabalhar.

    Boraaaaa

    1. Não tenho nenhuma midia fisica e mesmo estando mais barato evito comprar, porque nao quero ter que colocar CD pra jogar, muito menos ter que ficar guardando caixa

  16. O que pode ser feito e estudado por eles uma forma. Quem compra a mídia física ganha tbm um código para baixar o jogo digitalmente e neste código tem um vínculo com a midia e não poderá ser utilizada em outro console. A ideia de quem comprar a mídia física será em colecionar e não repassar.

  17. Amigos, honestamente acho que seria uma boa, uma nova opção no mercado, com certeza compraria esse, já prefiro os jogos com mídia digital, vendi todos as mídias que tinha e comprei no modo digital, com exceção do fabuloso The Witcher 3 – Wild Hunt. Acho que isso talvez até tenha um efeito ruim pra quem gosta de mídia física, porque se muita gente igual a mim preferir esse novo e mais barato, o outro tende a ficar mais caro já que venderia menos, Faz sentido pra vocês?

  18. Provavelmente é um teste pra ver se a galera aceita um console sem leitor.
    E namoral, quem ta reclamando, compra o S ou o X, não é como se eles fossem sumir do mercado.

  19. Mas de que adianta comprar midia fisica se nao vamos so colocar o disco e jogar? Tem que baixar atualizacao dos jogos que as vezes é o tamanho do jogo completo? Adianta de nada…

  20. Galera quem q usa mídia física pra alguma coisa hj em dia? Filmes online, Sky, Netflix, músicas no Spotify, YouTube … e jogos todos no HD… baixa direto da loja virtual… em um estoque infinito… Nunca usei mídia física no meu vídeo game e nunca me fez falta… Quando um dia chegarmos em games com 8k quantos discos de blue-ray precisará um para compor um jogo de tamanho médio?

  21. Só comprei 3 jogos físicos por serem usados e mais baratos, essa em minha opinião, é a única vantagem do jogo físico. Não da pra faZer isso com jogo digital.

  22. O bom do jogo físico é que se vc quiser vc pode revender ele e recuperar uma fatia do valor pago, única vantagem pois de qualquer jeito vc precisa instalar o jogo no HD

  23. Se não diminuírem o tamanho e o valor do console em pelo menos 1/3 será uma merda grande sem bluray! Agora se o tamanho do console for reduzido por retirar o drive e o valor também ai sim será uma vantagem linda de se colocar um Xbox bem menor no mercado e mais barato! Na mesa irá ficar lindo!

  24. Venho do futuro para anunciar que no dia 16/04/2019 foi oficialmente anunciado o Xbox One S All-Digital Edition, com o valor de US$ 249.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *