Estúdio independente vendeu mais cópias no Xbox One do que no PS4

ps4one

O trabalho que a Microsoft fez nos últimos anos para seduzir os indies está surtindo efeitos. Não é segredo que os desenvolvedores comentam bastante sobre o programa [email protected], elogiando o bom diálogo da Microsoft com os desenvolvedores independentes. Hoje é a vez do estúdio Mad Fellows que criou um fantástico jogo de ficção científica rítmico chamado Aaero e que conseguiu vender mais cópias no Xbox One do que no PS4, apesar da base instalada do console da Sony ser maior. Surpresa? Talvez não tanto.

GamingBolt perguntou ao chefe do estúdio Madfellows, Paul Norris, se ele estava surpreso que, embora o Xbox One tenha menos consoles no mercado, a versão de Aaero para consoles vendeu muito mais do que np PS4. Sua resposta:

“Muito interessante. Eu não estava ciente disso. Eu acho que todas os indies podem vender mais no Xbox agora. Eu gostaria muito de saber a experiência de outros desenvolvedores. Não tenho certeza se é porque o Xbox tem uma melhor relação de pagamento ou é algo mais complicado e sutil. Sem grandes campanhas de marketing como o games AAA, os resultados são sempre inseguros e os indies devem confiar na comunidade de jogadores no ‘boca a boca’, mas a Microsoft nos ajudou muito a promovê-lo“.

Apesar de ter trabalhado duro para reverter as políticas de 2013 que tornaram o processo de publicação mais difícil e frustrante, a Microsoft está mandando bem novamente graças ao [email protected] A estrada é lenta e ainda há muito a avançar, mas certamente está no caminho certo. Norris foi claro:

“É muito fácil trabalhar com a Microsoft. Acho que estamos no lugar certo no momento certo, na medida em que a Microsoft está fazendo o melhor para restaurar sua reputação com indies, então nunca tivemos nenhum tipo de problema. Vimos que eles [Microsoft] são muito mais acessíveis do que outras plataformas.
Trabalhamos simultaneamente com as três plataformas e, de longe, a Microsoft foi a mais útil para nós. Tivemos visibilidade no estande [email protected] em muitas feiras e até mesmo na Conferência dos desenvolvedores de jogos. Eles até organizaram um dia de imprensa em Londres para o qual fomos convidados e onde foram apresentados a muitos dos jogos associados ao programa [email protected], entre os quais estávamos. Não conheço a experiência que os outros tiveram, mas a minha foi ótima“.

[youtube]0fzHzG427RI[/youtube]

Esta é mais uma indicação dos grandes esforços de Phil Spencer a cargo de líder da divisão Xbox, que desde sua liderança em 2014 não parou de trabalhar para aumentar o apreço da marca. Sem dúvida, o trabalho de Spencer como chefe do Xbox finalmente está dando resultados mais visíveis.

Vocês achavam que isso seria possível?

Fonte: GamingBolt

29 comments on “Estúdio independente vendeu mais cópias no Xbox One do que no PS4

  1. A resposta para isso está na própria declaração do desenvolvedor: Comunidade de jogadores. Não a toa que a M$ tem dado ênfase nisso.

    E a razão do Xbox ser a plataforma de publicação mais acessível (palavras do próprio desenvolvedor), nada mais é do que fruto de um trabalho cuidadoso estrutural a nível de desenvolvimento e publicação feito ao longo dos anos. Esse trabalho costuma não ser tão notado pelos jogadores, pois é feito ali nos bastidores, mas é crucial para o sucesso da plataforma.

          1. Sim. Mas é diferente você ter devs fazendo UWP primariamente ou fazendo em win32 e depois convertendo. Se precisar otimizar o desenvolvimento a escolha não será uwp. Tudo tem um custo. Só ver os jogos que apresentaram ganhos de performance em suas versões steam em relação a suas versões da Windows store.

          2. hj oq segura o uwp é windows legados (antes do 10) eles ainda fazem o dev fazer apps para a linguagem antiga, mas eventualmente todo mundo muda para o novo sistema (to falando essa pra vc, galera do “XP forever”), qdo isso chegar já era

          3. O que segura o uwp são problemas de performance, wrapper da Windows store, umas treta pra ter múltiplas instâncias e etc. Mas o maior mesmo é a aceitação da comunidade que ainda torce o nariz. O legado não é nada perto disso.

          4. cara o legado é tudo perto disso, dizer q o uwp já é melhor q tudo do q o win32 é besteira, outra besteira é achar q o uwp está pronto e não pode evoluir o negocio tem dois anos e já está bem adiantando logo supera, mas voltando ao assunto no final o dev só liga mesmo para o numero de usuários q utilizarão/custo para isso.

          5. Rsrsrs.. . Vamos ter que concordar em discordar. Devs querem produzir com o menor custo possível e atingir o maior número de pessoas possível. Isso ele faz hoje sem uwp. O que a MS quer é que o formato dela vire padrão para algo que pode ser feito de outras formas, só pela “vantagem” da Windows store que ninguém quer.

          6. Sim, as coisas estão melhorando e pode ser que o futuro seja melhor para o UWP, mas se eu tivesse que apostar numa tecnologia não seria nela. O legado não segura em nada a loja, tem nada ha ver. O que segura a loja é que ela é ruim mesmo. Lenta, mal desenhada, antes limitava uma série de coisas além de ter muitos itens mais caros e obrigar, pelo menos inicialmente, a todas as app/games serem UWP. Com um game x86 normal, você podia vender no steam, que tem uma mercado muito maior, além de poder vender na origin se tiver um contrato de publush com a EA e aé na nuuvem, gog e etc. Só a MS espertona queria UWP. Sacou?

          7. não jovem oq segura é o legador, e vc é tão informado q nem sabe q o uwp é aberto para terceiros venderem em lojas inclusive terceiras

          8. É aberto. Mas é BOM pra isso? Você precisa parar de ler sobre UWP só no site da MS e começar a ler em outros lugares. Esse mundo lindo do UWP que você acha que existe, não existe. UWP perdeu a pouca força que tinha quando a MS enfiou o Windows Phone no rabo. Com o Windows Phone ainda havia a esperança de que com a popularização dele, o modelo pudesse pegar. Mas sem ele, só pra PC e Xbox ele fica totalmente fragilizado.

          9. pois é, hj já uso spotify, shareit, teamviewer, emby, disqus, aida 64, foulplay, iptv viewer, facebook, instagram, twitter, linkedin, mega privacy, retrix, vlc, ubuntu, telegrama, my tube e fora os apps da microsoft hahah e isso pq o negocio tem 2 anos e vc me diz q não é promissor kkkkkkkkkkkk

          10. ah esqueci do netflix ainda rs
            de win 32 uso office e o state of decay kk caracas quase não uso mais win 32 meu deus o negocio é promissor kkk

          11. Rsrsrs… Tá tudo bem. Vai na fé. Minha intenção não era te convencer, era te dar uma outra perspectiva. Confia no uwp com todo amor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *