Carregando...

Nova teoria afirma que o Xbox pode ter comprado a Playtonic

Os teóricos do Fórum ResetEra estão especulando que poderemos participar de outro anúncio de aquisição da Xbox Game Studios no X019. Uma série de tweets reconhecidamente tênues e mudanças de equipe fizeram com que os jogadores do Xbox se perguntassem se os desenvolvedores de Yooka-Laylee, Playtonic, poderiam ser os próximos a entrar na bandeira do Xbox Game Studios.

Yooka-Laylee é um sucessor espiritual da série Banjo-Kazooie da Rare, e a Playtonic está cheia de desenvolvedores veteranos daquela época de ouro específica da produção da Rare. O primeiro sinal de grandes mudanças para o estúdio é o retorno de mais um veterano – Ed Bryan, artista e animador, além do “pai” dos personagens clássicos do Banjo, Mumbo, Mingy e Jinjos.

O que realmente deu início à especulação da Game Studios foi a resposta ao tweet de Ed. É claro que poderia ser uma coincidência, mas Ed decidiu compartilhar uma foto de sua bolsa da marca Microsoft, dizendo mais tarde que ele saiu da aposentadoria. Bryan pode estar se referindo mais uma vez a ingressar em um grande estúdio depois de deixar a Rare em 2011, e continuar em período sabático. Por outro lado, a marca da Microsoft pode ser um aceno direto ao retorno a um estúdio de propriedade da Microsoft. No mínimo, pode significar que Bryan esteja no X019 para um anúncio relacionado à Playtonic.

Há algumas outras mudanças interessantes que, no mínimo, apontam para um potencial anúncio iminente da Playtonic – mesmo que não seja uma aquisição da Xbox Game Studios. O co-proprietário do estúdio e diretor de jogos, Gavin Price, atualizou seus créditos Playtonic no LinkedIn para incluir “esse jogo nº 3, nº 4 e o nº 5 também, que eu sempre achei que seria o nº 1”. Por fim, como Klobrille apontou, a empresa atualizou o nome da empresa registrada no Reino Unido para “PLAYTONIC GAMES DEVELOPMENT LIMITED”, sem motivo aparente. É claro que as empresas trocam de nome regularmente por vários motivos, mas se a mudança de nome representar uma mudança de foco, também poderá representar uma mudança na estrutura e no financiamento.

Tudo isso é bastante confuso, mas simplesmente em termos de produção não seria uma grande surpresa ver um estúdio como o Playtonic entrar para o Xbox Game Studios – muitos estúdios adquiridos pelo Xbox tiveram uma energia peculiar, de Compulsion Games à Double Fine. No entanto, seria muito estranho ter um monte de ex-desenvolvedores da Rare na mesma órbita geral da Rare, mas não trabalhar mais como uma única equipe – especialmente se a Playtonic continuasse fazendo o tipo de jogos de plataformas tradicionais pelos quais a Rare fez nome. Se o Xbox finalmente decidisse financiar uma tentativa de ressurreição do Banjo-Kazooie, eles o dariam à marca associada ao projeto ou aos veteranos responsáveis ​​por ele? A Playtonic atuaria como uma subdivisão da marca Rare, dando vida ao seu catálogo antigo para agradar aos fãs mais velhos, enquanto a Rare continuaria avançando?

Parece um arranjo muito complicado para nós, e é por isso que estamos em cima do muro com esse boato. O que você acha da teoria de que a Playtonic poderia ser a próxima adição ao Xbox Game Studios?

Jorge Henrique
Sou advogado, jornalista e fã da plataforma Windows há cerca de 10 anos. Faço cobertura em eventos e estou diariamente atento a respeito do universo da Microsoft no que tange aos produtos para os consumidores. Respondo como editor-executivo do Windows Club. Estou no Facebook e no Instagram a sua disposição.