Onde está o próximo título da saga Fable? Microsoft explica

Já se passaram sete anos desde que vimos um novo jogo da série principal de Fable, mas tudo isso poderia mudar na E3 2020. Falando com ao Eurogamer, o diretor da Microsoft Game Studios, Matt Booty, reflete sobre os 60 jogos que foram mostrados na conferência do Xbox na E3 2019, com 14 deles feitos por desenvolvedores de propriedade da Microsoft.

Um dos jogos não exibidos, no entanto, foi Fable. De acordo com outro relatório da Eurogamer, um novo jogo da Fable está em desenvolvimento, e pelo estúdio responsável por Forza Horizon, a Playground Games – que a Microsoft também comprou no ano passado – está à disposição para fazê-lo.

Quando pressionado sobre se poderíamos ou não ver algo novo como um novo Fable em breve, Booty disse o seguinte:

“Muita coisa boa [está] esperando nas asas para próximo ano. Espero ter você de volta em um ano.

É, no entanto, encorajador que a Microsoft permaneça recatada, em vez de abandonar completamente a possibilidade. Foi no ano passado que o Xbox revelou que eles adquiriram estúdios como o Undead Labs e a Ninja Theory, criadores do State of Decay, e o segundo que exibiu seu novo jogo multiplayer, Bleeding Edge, na E3 deste ano.

“Precisamos fazer uma pausa e dar algum reconhecimento aos estúdios que, menos de um ano depois da aquisição, já estamos vendo as coisas em nosso palco”, diz Booty. “Estou empolgado com as coisas esperando nos bastidores. Nós temos muitas coisas que não mostramos. Coisas que, como você diz, estarão chegando à medida que nos aprofundarmos nisso.

“Temos 14 jogos aqui da Xbox Game Studios, mas não estamos esvaziando o tanque, pegando tudo o que temos e apenas jogando no palco.”

Isso faz sentido. Com o próximo console do Xbox agora confirmado para a data de lançamento de 2020, a E3 do próximo ano é um grande sucesso para a Microsoft. É totalmente compreensível que, mesmo com os arqui-rivais como a Sony terem deixado o palco aberto este ano, a empresa esteja escondendo algo. Com o Booty sendo tímido, parece haver uma forte chance de que um novo jogo da Fable seja uma daquelas revelações de 2020.

Estaremos cobrindo muito mais da E3 2019 à medida que a semana avança. Fiquem atentos ao Windows Club que teremos muitas novidades!

109 comments on “Onde está o próximo título da saga Fable? Microsoft explica

  1. “Temos 14 jogos aqui da Xbox Game Studios, mas, pegando tudo o que temos e apenas jogando no palco.”
    A Microsoft tem que vir falar sobre isso porque as pessoas não entendem que não se faz jogo em 01 ano. Deprimente!

    1. Na vrd a comunida Xbox que não entende, pessoas iguais ao Jorge não entendem, eles são se não os responsáveis por alimentar os devaneios de alguns lunáticos, tava mais claro que a neve que os studios não tinham nada ainda, pois quando foram comprados eram minusculos, tinham orçamento limitadissimo e não teriam como entregar produções de grande orçamento antes de 2021, inclusive é melhor vcs irem colocando na cuca de vcs que a maior parte desses studios que foram adqueridos são pra fazer jogos de menor orçamento, jogos indies mesmo. Pode sair coisas boas dai, mas ficar vomitando que a eles vão lançar AAAA+ é maluquisse

      1. Vocês falam como se a Sony lançasse jogos AAA a rodo, pra você ter noção, dos estúdios própria da Sony, ela lançou GoW ano passado e Days Bugs este ano, só amigo, 2 jogos em quase 2 anos.

        1. usando sua linha de raciocínio esse ano a Microsoft só terá Gears 5 de exclusivo pois crackdown, ori, cuphead, e um monte de indies que tu postou dias atrás são tudo feito por studios contratados kk

          1. A Moon Studios não tem sede própria. A MS já tentou construir uma sede pra eles, mas preferiram trabalhar espalhados pelo mundo. Um deles inclusive trabalha com seu notebook nas praias da Austrália. É um estúdio bem pequeno, não tem uma sede física, mas são muito ágeis e competentes. Por uma questão burocrática a MS não pode incluí-los oficialmente como XGS, mas no próprio site da Moon Studios eles assim se denominam, como first-party da MS.

      2. Cara, ninguém acha que os estúdios farão só AAA. Essa conversa na verdade vem do haterismo gratuito de sonystas que dizem que a MS está comprando estúdios “SOMENTE pra fazer indies” pra alimentar o GP. Isso é FALÁCIA! Playground, NT, Obsidian e The Initiative, no mínimo, são estúdios capazes de fazer jogos AAAs. Além desses estúdios estarem sendo expandidos (e ainda a NT e o The Initiative receberam novas sedes), notícias oficiais tb já confirmaram que a inXile e a Undead Labs receberam muitas contratações. Veja que tudo indica para a melhoria da capacidade desses estúdios. Mas sabemos que um jogo AAA é caro e demorado pra se produzir, então é normal variar o catálogo com jogos diversos, desde singleplayers a multiplayers, desde AAAs a indies.

      3. AAAA+ realmente é maluquice, nem a Sony produz jogos assim. Mas os estúdios não estão ali só pra fazer jogos de baixo orçamento indie, tem estúdios ali com mais de 100 devs e muitos deles estão em expansão. A Playground Games, por exemplo, disse que o RPG dela será um AAA de ação em um mundo aberto.

    1. É foda, ai nego ficaria na esperança e só seria lançado 2 ou 3 anos depois, acho que tanto a Sony como a Microsoft, vão anunciar seus jogos 1 ano antes do lançamento, ou quando o projeto estiver maduro, olha DS, Crackdown 3, Days Bugs, Tlous 2, todos apresentados há mais de 3 anos.

        1. Um projeto maior AAA tem que estar liso no lançamento sem problemas (que ocorrem muito na sony, mesmo com muito tempo de desenvolvimento) ficar adiando é uma coisa chata que acaba as vezes fazendo as pessoas perder o interesse.

          Olha o DaysGone adiado para esse ano, todos os sonystas falavam (melhor adiar para ficar melhor) valeu a espera?

          E prefiro saber quando tiver uns 90% que ficar igual um tonto esperando o jogo ser lançado e a empresa adiando o tempo todo.

          1. Realmente tem esse lado. Mas, eles poderia só anunciar sem data. Não precisariam ficar se preocupando com atrasos.

        1. Acredito que o jogo ainda não esteja pronto. Cara, se o jogo estivesse, não teria um motivo razoável pra eles deixarem de fora. Não faz sentido deixar algo tão bombástico pra dos.

          1. Depois de Scalebound a Microsoft foi bem enfática, vamos mostrar apenas quando estiver em estagio avançado de desenvolvimento.

          2. Ficar “remasterizando” os jogos nas apresentações de E3 é coisa pra Sony apenas. A ideia da MS é mostrar num ano pra lançar no outro, ou no máximo no início do ano seguinte.

          3. O mais legal é que a Microsoft esta ”remasterizando” os jogos mas para nós que tem os mesmo é sem custo algum.

          4. Continua não fazendo o mínimo sentido. E digamos que a Microsoft realmente se importasse com isso, porquê eles guardariam algo nessa seca da Sony? Vão esperar ela anunciar HZD2, Spiderman 2
            e God of war 2/5?

          5. A Sony tá com os mesmos games desde 2016. Só DS tá confirmado.

            Anyway, acho que a Sony/Microsoft não estão muito preocupados com os games exclusivos dos consoles rivais.

          6. Sony tbm acho que não, MS acho que sim, já que não importa o quanto de jogos que a MS lance, sempre falam que MS não tem jogo sendo como vc msm disse, desde 2016 a Sony que não lança

          7. Momento para o ataque é quando chega o console e você tem que ter conteúdo, esse é o momento para o ataque.

      1. A propria Sony fez isso meu caro, o PS5 provavelmente sai em 2020 tambem e não tem nenhum jogo anunciado pra ele, vai ser tudo anunciado ano que vem pra galera entrar no Hype da nova geração, isso é basico.

    1. Verdade seja dita, a ausência da Sony fez a MS tirar o pé do acelerador. “Já que eles não vão apresentar nada então a gente faz uma conferência mostrando algumas coisas e guarda as bombas pro ano do lançamento do novo console pra convencer as pessoas de comprar ele.” Provavelmente podem ter pensado algo mais ou menos assim.

  2. O fato de não ter aparecido nada já indica que estamos muitos anos longe do lançamento, acredito que vai lançar pra além de 2022, no minimo um teaser deveria aparecer, duvido muito que apareça na próxima E3 e já lance antes da E3 seguinte, nenhum jogo aconteceu isso ultimamente exceto com os forza.

  3. Isso se chama estratégia, os retardados seguidores de youtuzinho e jornalistinha queria que a Microsoft mostrassem tudo de uma vez na e3, mais ela só deu um recado pra dona Sony:
    Xbox infinite com halo infinite no lançamento

    1. Na verdade eu entendi da seguinte forma: A MS iria vir pra essa E3 com os 2 pés na porta, mas ai a Sony falou que ia ta de fora por “falta de conteúdo” (não duvido). A MS provavelmente vendo isso também tirou o pé e guardou coisas pra próxima E3, se queima tudo de uma vez no ano que vem a Sony poderia fazer um anúncio de console com várias novidades e a MS teria que “reprizar” o que já foi mostrado. Como muitos falaram por ai, final de geração é normal a E3 ser mais fraca porque TODAS as empresas começam a guardar suas novidades pra próxima geração.

      1. Faz sentido, é melhor mostrar algumas coisas boas nessa, mas guardar as coisas pra próxima, pq se mostrassem tudo aqui e quase nada em 2020, o pessoal ia vir com os papos de “sony wins” e “cadê a E3 da Microsoft”, como não teve competição, só mostraram algumas novidades, mas mais promessas.

  4. Aparentemente a MS não anunciou muitos jogos exclusivos pelo mesmo motivo que a Sony não foi pra E3:

    Ambas tem jogos para anunciar sim, porém os jogos são somente pro Xbox Scarlett/Playstation 5. Anunciar agora na era XB1/PS4 ia deixar muita gente irritada

    Pelo menos assim a MS guardou vários de seus jogos para a E3 2020. Provavelmente veremos lá o novo Fable, novo jogo da Ninja Theory e talvez da Initiative, Undead, Obisidian ou algum second-party. A Sony também deve fazer o mesmo

    1. Mas, eles já não falaram que o Scarlett não terá jogos exclusivos por uns anos?

      Edit:Realmente, é rumor. No entanto, duvido MUITO que a primeira leva de games seja exclusiva dos novos consoles. “Jogue onde você quiser”.

  5. Eu acho que foi tudo muito bem pensado..
    Eles querem deixar muitos dos anúncios para o Scarlett, como disse o Edu, o próprio Forza Motorsport 8 não foi anunciado e com certeza já está praticamente pronto.

    1. Eu já disse que a conferência da MS foi uma decepção pra mim; mas mais pq os rumores estavam lá em cima do que pela conferência em si, que foi até boa (não excelente, é preciso dizer). Acredito que a MS aproveitou a falta da Sony e guardou suas cartas. Ela não tem pressa, afinal estamos em final de geração e o ano que vem será o de lançamento dos novos consoles XB. Ela nem falou tanto sobre os consoles, não abriu tudo sobre eles ainda. Isso é estratégico. Faz sentido manter a “calma” e não soltar tudo de uma vez, até pq os estúdios novos adquiridos precisam trabalhar, e nada sai de um ano pro outro apenas.

      1. É exatamente por isso que eu estou pouco me F%$#¨$ pra rumores, prefiro esperar a empresa apresentar, como diria o games EduuUUu: rumor é meu ovo! kkkkkkkkkk

    1. Foi uma atitude totalmente mafia
      “nossa que bela e3 que vcs tão tendo, seria uma pena se alguém soltasse um teaser de um dos jogos mais hypados atualmente”

        1. O cara acha que alguém se ligou nessa data, nem sabia disso. ahuahuhauah Com Halo, Ori, Cyberpunk, Fligth Simulator <<< Esse ganhou a WEB, um dos mais comentados.

    2. O nome disso é desespero kkkkkkkk… o que tinha que ter feito não fez que era marca presença na E3 KKKKKKK… mas tava dura demais pra gastar dinheiro com stande na E3 kkkkkkkk…

  6. Ano que vem o texto será: “Já se passaram oito anos desde que vimos um novo jogo da série principal de Fable, mas tudo isso poderia mudar na E3 2021”. PQP viu? Passa pano não meu, foi uma merda a conferência. Se não fosse o Game Pass Ultimate eu estaria olhando pro meu console agora e pensando “vc é uma bosta mesmo…”

  7. E3 da Ubisoft também não foi lá essas coisas. Foi salva pela gameplay do Watch Dogs 3, na minha opinião. Eu esperava ver mais um AC.

    1. Cara, estão segurando para a próxima gen, deve ter jogo ali pronto, só esperado o lançamento do novo Xbox em novembro do ano que vem.

  8. Só queria entender, qual o papel do Azure AI no game Fligth Simulator, aquele tanto de carros e prédios, animais caminhando, vários locais do mundo, inclusive o primeiro tem o Brasil, velho, será um jogo gigante.

  9. A verdade inconveniente é que a MS já jogou a toalha para essa geração.
    Eu ainda esperava muito ver novas IP’s emocionantes vindas dos novos estúdios para o meu X1X, mas ficou nítido que não havia nada a ser mostrado em razão de que tudo já está direcionado para a nova geração de consoles.
    Enfim, era melhor ter feito como a Sony mesmo, nem ter ido e deixado as desenvolvedoras mostrarem os próprios jogos e pronto.
    O Xbox Game Pass Ultimate era algo que se fosse apresentado pelo Major Nelson teria tido o mesmo impacto. Controle Elite em uma E3 não justifica. Dos 14 jogos, 9 são indies. E dos 5 restantes, 3 não são exclusivos da Microsoft.
    Para mim, foi decepcionante e já me sinto arrependido de ter investido no início do ano em um Xbox One X.

  10. Se o novo RPG da Playground for realmente Fable então eles estão reservando ele pro próximo ano, provavelmente com o anúncio oficial do próximo console, ou pra até depois. Mas se não for então é fácil achar o novo Fable, está na mesma gaveta que Alan Wake 2, Quantum Break 2, Sunset Overdrive 2, Perfect Dark e outros.

  11. Com o anuncio do novo xbox para dezembro do ano que vem realmente não faria sentido amostrar tudo nessa E3. Ate porque foi uma E3 sem concorrência já que a sony não teve grana pra pagar um stande pra apresentar só um jogo kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk…

      1. Lógico que não, sua concorrência não estava, e mesmo assim, a Microsoft mostrou uma porrada de jogos, foram 40 jogos em menos de 1 hora e meia, desses, 14 jogos dos estúdios Microsoft, fora os outros games, game pass ultimate e ects, a Microsoft tinha que segurar para o ano que vem, quando a Sony volta.

          1. Na E3 do ano que vem amigo, essa E3 não tem porque mostrar os jogos da próxima gen, se bem que Halo e Microsoft Flight Simulator, são da próxima gen.

      2. Eu também acho porem não entendo de estrategia de mercado. Tipo essa que a M$ e a sony estão fazendo brincando de esconde esconde kkkkkkkkk… talvez eles já estejam focados na próxima geração e agente ainda ta nessa geração.

  12. Será que finalmente em 2020 sai essa tal “maior” E3 do Xbox? Putz. Não que elas tenham sido ruins (ao menos as passadas), mas já tá virando moda isso.

    1. Nesta eu concordo. Mas falando à verdade, eu esperava um show “normal” mesmo. Pra que eles usariam todas as novidades excepcionais agora, sendo que em 2020 poderá ser feito isto pra dar um grande impulso pra próxima geração.

  13. Todas estão focadas na próxima geração.
    Mostram uma coisa legal e ficam horas de papinho furado.
    Com certeza todos projetos de peso mais recentes estão sendo segurados para os novos consoles.
    O que não pode é ficar prometendo que seria a melhor E3 de todos os tempos. Coisa que passou longe.
    A E3 de 2018 foi muito melhor, mesmo, a E3 de 2018, não sendo a melhor de todas.
    Haja paciência. Essa E3 teve tana encheção de linguiça que tem horas que ia fazer outra coisa pois não suportava tanta conversa fiada.

  14. Pronto, agora os meninos de bochechas rosadas acalmam o bumbum nervoso, pqp, nego quer que os estúdios façam mágica para mostrar gameplay ou CG de jogos em desenvolvimento a menos de um ano, vão se F$&%R, deixem a empresa trabalhar e tenham calma CA$*%¨&@!

  15. Errou feio de não ter mostrado pelo menos um teaser de 20 segundos que seja, nem que fosse pra lançar daqui a 4 anos. Publicidade da MS nota 0. Não soube criar hype e com isso perde o consumidor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *